Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"ELEIÇÃO-ILUSÃO"

    "ELEIÇÃO-ILUSÃO"
       (mote / glosa)
Política indigesta
 tremeu em 2013.
Hoje em dia "faz a festa"...
tem nas mãos "bando de reses" !

        I
Brasil não tem solução
se depender dessa gente
que ao ver povo descontente
sequer sente compaixão.
Quanta manipulação...
pobre eleitor, só lhe resta
assinar mil Manifestos
enquanto tem que aguentar
essa maldita e vulgar
Política indigesta !

      I I
Agora irá votar
em vilão, oportunista,
em cínico, vigarista,
petista patibular,
todos a manipular...
foi assim nas outras vezes !
Eleitores são "fregueses"
das "manobras" do Congresso
que -- vendo o povo possesso --
tremeu em 2013 !

      I I I
Eis a morena ladina
pretendendo ser remédio...
seu discurso causa tédio,
magra, fraca -- de voz fina --
requer muita vitamina.
Aos tolos só o que resta
é o que mais se detesta:
o fanfarrão -- só mentiras --
que aos sensatos causa ira,
hoje em dia "faz a festa" !

       I V
Pobre Brasil -- sem caminhos --
pena de "indigestão"
desse "mar de espertalhão"
que diz resolver sozinho
tantos problemas daninhos.
Sofre a Nação mil revezes
a esperar melhores meses...
com má administração
presidente mandrião
tem nas mãos "bando de reses" !
      "NATO" AZEVEDO
       (30/mar. 2018)
OBS: 7 MESES e 2 dias na escuridão,
por EXIGIR 1 conta de energia (maio/
2017) entregue sem problemas a to-
dos os meus vizinhos. E haja "prêmios"
para essa "empresa" perversa e injusta.
NATO AZEVEDO
Enviado por NATO AZEVEDO em 01/04/2018
Código do texto: T6296805
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

Sobre o autor
NATO AZEVEDO
Ananindeua - Pará - Brasil, 67 anos
901 textos (14885 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/19 21:42)
NATO AZEVEDO