Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Morte de Chapeuzinho Vermelho


Em uma casa muito humilde havia uma garota chamada Chapeuzinho Vermelho e sua mãe. Em uma noite chuvosa a mãe tinha preparado doces de chocolate para Chapeuzinho Vermelho entregar à sua avó. A mãe de Chapeuzinho falou para ela seguir o caminho correto e levar seu capuz vermelho para se proteger da chuva. Então a garota foi na direção da casa de sua avó. A tempestade estava aumentando e Chapeuzinho estava com fome. Então resolveu descansar embaixo de uma árvore e comer alguns dos doces. Porém não percebeu que a árvore que ela estava descansando era dentro da floresta. Enquanto ela saboreava os doces um lobo apareceu.

- Olá menininha. O que está você está fazendo? - perguntou o lobo.

A menina nunca tinha visto como era um lobo, então falou:

- Olá senhor! Eu estou em uma missão de entregar esses doces para a minha querida avó!

- Esses doces? Mas só tem dois doces. – falou o lobo.

- Ah! Sem querer eu comi os outros! Desculpe, senhor, eu tenho que ir. Posso passar fome de novo e comer o restante. - disse a menina.

- Está bem. Então tchau. – falou o estranho lobo.

Depois disso a menina foi na direção da casa de sua avó. Demorou um pouco para chegar, pois tinha se perdido na floresta. A primeira coisa que fez foi bater na porta e chamar sua avó.

- Vovóóóóóóóóó! - gritou a menina. Logo em seguida a garota ouviu uma voz dizendo: “Pode entrar, minha netinha”.

Então ela abriu a porta e disse:

- Aqui está, vovó, os doces que minha mãe fez para você! Nossa, vovó! Você está estranha hoje! Para que orelhas tão grandes?

Então a avó respondeu:
-  Para te escutar melhor, minha netinha.

- E para que um nariz tão grande?

- Para te cheirar melhor.

- E para que uma boca tão grande?

- Para lhe comer melhor! – disse a avó, que na verdade era um lobo.

Logo a criança percebeu que quem estava deitado na cama era o lobo, e ele tinha comido a sua avó. Então saiu correndo em desespero porque sabia que o lobo iria comê-la, como fez com sua avó. Mas a garota não conseguiu, e foi comida pelo lobo.

Um caçador estava por perto e ouviu os gritos da menina. Então, ele resolveu ver o que estava acontecendo. Quando entrou na casa, viu o lobo de barriga cheia. Sua primeira ação foi atirar no lobo com sua espingarda. E ele acertou!

O enterro das duas foi muito triste e todos os parentes ficaram chorando muito. Então sua mãe falou:

-Se ela tivesse seguido o caminho correto nada disso teria acontecido.
Pequeno Esopo
Enviado por Pequeno Esopo em 17/10/2020
Código do texto: T7089862
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Pequeno Esopo
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil
19 textos (375 leituras)
3 e-livros (86 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/10/20 05:24)
Pequeno Esopo