Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Veneninho Mortal

- Isso vai acabar irritando-o... Eles sempre repetem o que fazem e uma hora ou outra a coisa não vai só explodir como vai paralisa-lo.

- E vejamos bem, como dito no sábado passado: "trouxeram um menino morto". Me espanta que continue andando. Se não fosse por uma péssima memória, ficaria sempre martelando seus pensamentos dentro dessa cachola.

- Não sabe que foi "santo" e que de uma pé ao outro transformou-se no que sempre abomina.

- Pode até ter consciência do que sou/é e do que pode se tornar, mas acabará se perdendo dentro dele mesmo.

- Se eu não conseguisse passar por seus fracos trechos e freixos não conseguiria manter um controle fixo para conquistar tudo o que ainda não conquistei... E olha que conquistarei tudo envenenando. Derrubarei tudo o que construir, esmagarei cada (des)ação e no final a única coisa que sairá da sua boca será o meu veneno.

- E ainda que isso pareça pouco, seu FOGO não tem lugar perto da tempestade de água fria que possuo.

- Congelarei sua alma até que não reste mais nenhuma chama. Suas patas estarão podres debaixo desse solo úmido.

- Não depende só de mim, eu sei, mas minha parte já está pagada pois:
control o seu o corpo;
controlo o seu SOL;
e controlo o que resta do seu 'eu'.
Logai
Enviado por Logai em 14/08/2019
Reeditado em 28/08/2019
Código do texto: T6720097
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Logai
Salvador - Bahia - Brasil, 19 anos
9 textos (91 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/19 23:57)
Logai