Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

As Minúcias da Vida

A hora requer uma boa reflexão acerca da figura materna, que assume o papel de esquecida dos seus próprios familiares e seus correlatos numa estreita ligação com a família materna que está longe.

Sinuosamente nós guardamos boas recordações dele resgatamos assim sua presença outra vez é um bom raciocínio para toda família. a mãe traduz esse pensamento de forma natural.

Mediante tudo isso o campo de bola ,era em suas palavras uma segunda vida com muita música e cordialidade marca dos fluminenses acima de qualquer preço.

Ironicamente  as experiências vivenciadas por ela valem muito em sua vida cheia da polifonia, apreciando mudanças possíveis em seu cotidiano.

Naturalmente a mãe Lúcia busca realizar a conexão sinfônica de cada elemento da polifonia da vida em uma busca incessante e sonora, mas ainda falta algo.

Usualmente essa escrita tange o aspecto nominalmente confessional, e em nossa exposição o pai alcança um lugar especial conforme as muitas lembranças ou pensamentos sobre da polifonia da vida.

Comer alguma forma de comida também é lembrar de alguma lembrança, nisto Marcel Proust tinha uma boa razão em dar por construído esse formato de lembrança.

Inicialmente o escritor norueguês insiste em revelar todos os detalhes da vida cotidiana em sua exaltada série ' Minha Luta '. Mesmo assim. Contar a intimidade de sua família não pegou bem. No entanto, como todo livro polêmico, a obra virou best-seller na Noruega. Knausgard não assistiu a essa reação toda. Enquanto escrevia, não leu as resenhas, não viu televisão. "Estava tentando me proteger ".

As experiências são na verdade fatos alinhados em uma perspectiva narrativa traduzem uma ideia valorativa sobre a vida em geral ,   a mãe Lúcia entende todos esses elementos tão cheio de polifonia.

Sinuosamente relembrar de cada nos convidar a ler a série ' Minha Luta 'escrita pelo escritor norueguês Karl Ove Knausgard de forma muito atenciosa e adequada em relação a representação da família. Considerando meu papel de cronista do museu imaginário familiar de ambas famílias em questão, o pai executa um papel primário no amplo quadro da família.

Diante de muitos eventos cotidianos surgem também dúvidas existenciais na vida dela  que surgem com extrema complexidade no longínquo horizonte.

Agora  ela sofre com as experiências advindas da sequências de notas baixas existentes  em sua polifonia  da vida , em termos gerais dão condições  para novas sequências de notas altas.

Visivelmente a mãe Lúcia  ampliou seus horizontes mediante as notas baixas de sua polifonia que musicalmente são desempenhadas em detalhes. Musicalmente  recondiciona os caminhos tortuosos da sua vida em prol de algo melhor.

Ironicamente  a realidade complexa surge no horizonte como um desenho em mosaico, dando reais condições de fatos concretos e exatos da existência tal desenho expõe um certo tipo de perspectiva. Essas estruturas  expõe uma mentalidade realista do cotidiano numa clássica concepção literária de forma visível.

Diante  da realidade  ela deve-se somente seguir os eventos cotidianos segundo a melodia exposta conforme a polifonia da vida  existencial, semelhante  a um bando de tordos em galhos de árvores.

Agora  a mãe Lúcia  passa a conhecer as nuances e os liames da polifonia da vida e compreender cada forma do processo existencial contido em cada sequência musical de notas. Tal compreensão amplia sua leitura de mundo e seu conhecimento enciclopédico durante a expressão clássica da polifonia da vida  que depende exclusivamente de notas altas e baixas numa sequência musical.
JessePensador
Enviado por JessePensador em 10/07/2019
Código do texto: T6692636
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
JessePensador
Santana de Parnaíba - São Paulo - Brasil, 35 anos
1021 textos (9831 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/01/20 20:54)