Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Solidão

A solidão me castiga,
e cala na boca o grito,
que se perde no infinito.
O vazio me assusta,
o sózinho me alucina,
a saudade me ensina,
viver sombria e calada.
È como estar no escuro,
tateando a vida eu juro.
Logo um clarão vai chegar.
Até já consigo enxergar.
A solidão vai mudar,
pois sinto que o meu amor,
vai ainda me encontrar.....
April
Enviado por April em 31/03/2014
Código do texto: T4751463
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre a autora
April
São José dos Campos - São Paulo - Brasil, 70 anos
2610 textos (33668 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/07/20 15:09)
April