Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SINTA-ME SOMENTE...

Não sou fácil de entender
Uma mulher como outra qualquer
Tenho meus desejos e sonhos
Mas isso fica nos versos que compomos.

Eu não sou fácil de entender
Não adianta nem tentar.
Os que tentaram me entender
Naufragaram no meu versar.

E ainda que por muito tempo
Nunca vai meus segredos desvendar.
Eu não preciso que me compreenda
Apenas viva e me sinta como vou poetizar.

Assim, sentimos o que não se explica
Sinta-me como o sol que não podemos
Por muito tempo olhar,
Mas que sem eles morremos.

Sinta-me com a certeza
Que estou teus versos à respirar.
Não precisa saber o que sinto
Basta somente você sempre me amar.

(dueto)
Flor de Cactos
____Nillo Sérgio.
@PoetaDoBalcao
poetadobalcao e Flor de Cactos
Enviado por poetadobalcao em 17/09/2018
Código do texto: T6451510
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
poetadobalcao
Teresópolis - Rio de Janeiro - Brasil
2028 textos (21659 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/04/21 14:03)
poetadobalcao