Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CONVERSA DE BAR

AMIGO
EU QUERO TE FALAR,
POR FAVOR ME ESCUTE.
NÃO QUERO CHORAR,
ELA MACHUCOU MEU CORAÇÃO.
E DEPOIS FOI EMBORA,
ME DEIXOU NA SOLIDÃO.
AMIGO
EU QUERO TE FALAR,
ELA ME DEIXOU ASSIM TÃO TRISTE.
POSSO CONTIGO ME LAMENTAR
ELA FERIU MEU CORAÇÃO,
EM PEDAÇOS JOGOU PELO CHÃO.
AMIGO,
ESTOU VIVENDO A SOLIDÃO,
SOU O RESTO DE UMA HUMILHAÇÃO,
POR FAVOR ME ESCUTE
EU QUERO TE FALAR ENTÃO.
AMIGO
ISTO EM MIM REPERCUTE
PRECISO MUITO DESABAFAR
ESTA MULHER TE TROUXE A ESCURIDÃO
NÃO SEI O QUE FARÁ AGORA
SERÁ QUE ISTO TERÁ SOLUÇÃO.
AMIGO
SEM ELA ÉS MAIS UM NA MULTIDÃO
A PROCURA DE UM GRANDE AMOR
ESTE AMOR JÁ TE ENCONTROU
INSTALADO EM TI ELA TE MAGOOU.
AMIGO
TENHA ESPERANÇA DELA VOLTAR
ENQUANTO ISSO VAI DESABAFANDO
MAIS NÃO SE DEIXE ABATER
NÃO SE ENTREGUE TANTO CHORANDO.
AMIGO
PODE COMIGO DESABAFAR A SUA DOR
EU JÁ VIVI POR UM GRANDE AMOR A CHORAR
ME VI TAMBÉM NESSA SITUAÇÃO POR UM AMOR
CONTANDO HISTÓRIAS NESSE BAR.

Dueto; Nillo Sergio e Jonnata Henrique.


PoetaDoBalcao e Jonnata Henrique
Enviado por PoetaDoBalcao em 08/08/2017
Reeditado em 08/08/2017
Código do texto: T6077248
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
PoetaDoBalcao
Teresópolis - Rio de Janeiro - Brasil
1171 textos (11672 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 10:12)
PoetaDoBalcao