Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Arte da vergonha!

Cada dia que se passa, repudio os desmandos que acontecem no nosso país. Ainda mais quando se trata de criança da família brasileira no sentido amplo. Dos valores, aprendidos por nossos antepassados -; de respeito, cidadania, moralidade etc. Isto é uma violência, uma ofensa à família brasileira, independente de religião, raça ou cor! Não, não o meu ser não aceita. Senti-me como se fora violentada! Penso no futuro próximo dos meus netos. Além de quererem que as crianças nascidas com sua sexualidade definida homem e mulher; tenha sua personalidade descaracterizada mesmo quando criança- alegando que elas depois definam como querem ser (se homem ou mulher). Vejo aí, uma ação do mal desprezível por seres que de humanos não têm nada. Todos nós temos o direito de ir e vir, de ser quem queremos ser-, todavia, com discernimento, qual o saber de uma criança? Devemos ensinar as crianças caminhos bons, livres da maldade desses: desumanos! Ao me deparar com o que ocorreu no Museu de Arte Moderna de São Paulo! Fico a pensar: Aonde vamos parar! Que arte é essa aonde se expõe uma criança apalpando um homem nu e ainda tiveram a coragem de dizer: Que se tratava de arte moderna.
Ainda bem, que o Ministério Público depois de muito apelo tomou uma posição. O que não seria necessário, aonde está o direito e o estatuto da criança e do adolescente? Já não chega o que a nação brasileira está passando?  Envergonhados, humilhados, execrados por conta de um bando de irresponsáveis de paletó, para não dizer (...) o que de fato poderia dizer! Com nossas crianças não! Não podemos aceitar compactuar com essa vergonha!

Mary Jun
02/10/17

Mary Jun
Enviado por Mary Jun em 02/10/2017
Código do texto: T6131447
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
Mary Jun
Recife - Pernambuco - Brasil, 55 anos
941 textos (45262 leituras)
1 e-livros (97 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 17:58)
Mary Jun