Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ACABEM COM OS DIAS INTERNACIONAIS DE HIPOCRISIAS!

   Francamente, estou cansado de, de tempos em tempos, ver as mídias sociais fazerem aquela apologia demagógica a grupos, tribos, gêneros ou sei lá o quê! Estas pessoas ou grupos estão esquecendo uma premissa básica: Estamos falando de seres humanos, cuja a única necessidade de auto-afirmação e garantia de seus direitos e o respeito e a Lei.
   Ontem, aqui em minha cidade Natal, houveram algumas manifestações a respeito do dia internacional das mulheres. Legítimas manifestações já que a data existe... Mas do ponto de vista prático de combate ao crime contra a mulher, da violência doméstica ou de uma "novidade" que foi dito lá nos discursos eufóricos, entusiasmados e cheios de ressentimentos pessoais, uma coisa se destacou...
  Uma ativista feminista que solicitou a palavra classificou um gracejo, uma palavra de paquera, um "chaveco", viesse de quem viesse contra a mulher como "Crime de Assédio Emotivo-Psicológico".
Perdoem-me, mas confesso que ri muito intimamente por duas razões: A primeira por que este tipo penal não existe sequer como uma ilação deliratória, quanto mais enquanto uma realidade jurídica.
   Do outro lado do diapasão desafinado de insanidades pseudo-ideológicas, francamente... Processar alguém por que recebeu um psiu!, gata, gostosa... Me parece coisa de gente de baixa estima. Aí, cobrem do governo de seus Estados um atendimento gratuíto de qualidade.
   Eu imagino as reações que minhas opiniões podem unir ou dividir, mas polêmica faz parte do processo interior ao menos de quem expõe-se escrevendo o que pensa. Faz parte de escolhermos se quem somos, o que somos.
   O mundo precisa de menos Leis. De menos dias a comemorar, de menos falsas tolerâncias, e sim de posturas respeitadoras de ambos os lados de qualquer questão, bastando-nos o respeito. Caso contrário, não haverá mais dias de nada a ser lembrado pois a principal lembrança a ser comemorada, que é o fato de sermos humanos, terá sido apagada diante da guerra tribal de grupos, em um "Mad Max" sem trilha sonora!
Gustavo Miranda
Enviado por Gustavo Miranda em 14/03/2017
Código do texto: T5941086
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Gustavo Miranda
Recife - Pernambuco - Brasil
1047 textos (28820 leituras)
8 áudios (339 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/04/21 17:59)
Gustavo Miranda