Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DESCANSO NO CALÇADÃO DE BOA VIAGEM

   Calçadão de Boa Viagem, pouco mais de nove da manhã, o calor já começa a incomodar. O fluxo de veículos na Avenida Boa Viagem é intenso, carros em velocidade moderada, alguns em alta velocidade, os apressadinhos do trânsito. É um dia normal da semana, uma quarta-feira, para ser mais preciso. Sentado no que poderia chamar de banco, estruturas de concreto que dividem a calçada da areia da praia, eu descansava numa sombra de árvore, das inúmeras que existem em quase toda a extensão da orla. Nada para fazer, apenas olhar o vai e vem de pessoas em suas caminhadas, algumas acompanhadas batendo um papinho, outras com fones de ouvido escutando músicas, o que é normal hoje em dia. Atrás de mim o mar verdinho, água parada tal qual uma enorme piscina, uma vontade incrível de dar um mergulho, mas não posso, não estou com roupa de banho, estando aqui porque vim em Boa Viagem resolver um problema e acabei sentado aqui a olhar os altos prédios da orla, o semblante das pessoas nesse caminhar pra lá e pra cá, além de observar a beleza desse mar, esse mundo de água salgada.
   O tempo passou, já deu pra refrescar a mente com esse belo descanso, já deu pra aliviar um pouco o peso dessa carcaça velha que chamam de corpo. Olho o relógio, são mais de dez da manhã, até que não demorei muito. Vamos embora, Moacir (digo pra mim mesmo e em voz alta), sem me incomodar se alguém ouviu ou não.
Moacir Rodrigues
Enviado por Moacir Rodrigues em 09/11/2013
Código do texto: T4563847
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Moacir Rodrigues
Recife - Pernambuco - Brasil, 70 anos
1862 textos (35515 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/01/20 19:29)
Moacir Rodrigues