Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ainda Assim Será Natal


Hoje, com certeza terão pessoas reclamando de que o natal não é mais o mesmo. Que elas não estão mais animadas com as festas de finais de ano, e que isso se deve ao fato de que o mundo está uma merda. Mas ainda assim, mesmo com essas reclamações clichês, ainda será natal.

Você vai ver famílias reunidas em algum quintal ou sala de suas casas, ao som de algum sucesso da Anitta, com crianças dançando de maneira divertida, enquanto seus pais fazem selfies e postam vídeos em seus stories, mas que no fundo, no fundo, estarão desanimados com as contas e porque não cumpriram as metas até o dia de hoje. O sorriso será amarelado, até desanimado naqueles que não conseguem fingir, mas ainda assim, será natal.

Você vai ver parentes reclamando da política, julgando os que são de direita, e amaldiçoando os de esquerda. Vai ter gente reclamando da comida, reclamando do calor, reclamando do parente que foi e não trouxe nada para a ceia. Vai ter aquele que vai beber demais, e falará mais do que o necessário, desligando seu sincerômetro. Vai ter discussão, alguém vai passar mal, algum prato de comida vai ser derrubado no chão por uma das crianças mais endemoniadas, e o cachorro ficará muito feliz com o acidente. E mesmo com o climão, e as promessas de que no ano seguinte não terá de novo essa reunião, ainda assim, será natal.

Você vai se pegar pegando contando sobre como o natal ficou sem graça desde o fim de um relacionamento. Ou de como ficou mais triste depois de que um parente se foi. Vai se lembrar de quando era criança, e com lágrimas nos olhos, lembrar de como chorava com os especiais sensacionalistas, que sempre tocavam seu coração, mas que hoje não passam de marketing de grandes empresas. Então, dirá que o natal não tem mais graça. Que naquela época, quando você se arrumava todo, e ficava treinando com a roupa nova na frente do espelho, até a noite do dia 24 de dezembro, só para tirar sua ondinha com os amigos, e soltar bombinhas para assustar os idosos, com toda aquela maleficência infantil. Então, ao voltar desse transe nostálgico, você vai se pegar olhando para a tv, e vai dizer que o natal perdeu a graça. Mas ainda assim, será natal.

Assim sempre será natal. Natal vai além de roupas, atitudes egoístas ou pessoas. Natal vai muito além de flashes, likes ou viralização de conteúdo. Natal é muito mais do que o tio fazendo piadas, Raça Negra tocando no último volume, o churrasco acabando, o gelo acabando e todo mundo juntando moedas para comprar mais um saco, até descobrir que a loja já fechou.  Vai além de ver seu crush com outra numa foto romântica na Árvore da Lagoa ou na Time Square. Além de pessoas, objetos, presentes. Além de mim. Além de você. Além dele ou dela. Além deles. Além de pensar que nesse ano você conheceu pessoas maravilhosas, se envolveu com desastrosas, e viu sua vida seguir ali, plena, com erros, percalços e acertos. Acima de tudo, você sabe que o natal é uma data especial. Pode ser fruto de criação do homem. Uma fábula sobre veneração e divindade. Mas você prefere ver o comum. E apenas reclamar. Falar que não tem mais ânimo para o natal. Mas ainda assim, será natal.

Então talvez se você fechar os olhos nos primeiros minutos do dia 25. Respirar fundo e jogar para o universo que é paz que você quer. Que é amor que você nutre. E que é a esperança que te move... Talvez aí o natal seja natal para você. Exatamente como quando você era criança, e acreditava que um senhor gordinho, de roupa vermelha, traria presentes na calada da noite, e pegaria aquele seu sapatinho na janela. Pois mesmo você deixando de ser essa criança, que o mundo tenha deturpado sua percepção... Ainda assim, vai ser natal. Sempre.

Uma feliz natal para todos.
Fael Velloso
Enviado por Fael Velloso em 24/12/2018
Código do texto: T6534755
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fael Velloso
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 32 anos
211 textos (44673 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/09/19 21:37)
Fael Velloso