Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nostalgia e finitude

Nostalgia e finitude

Menina, pestinha, não ande só de calcinha;
Menina, molequinha, já está ficando mocinha!
Menina, vá logo banhar;
Menina, onde já se viu menininha não se perfumar?

Menino, endemoninhado, olha esse sereno!
Menino, danado, deixa brincar o seu irmão  pequeno;
Menino, passa logo, cá pra dentro;
Menino, amanhã tem que estar de pé cedo.

Molecagem desses moleques, jogaram bola no meu portão;
Saudades, eu não  tenho dessa parte não;
Saudades, eu tenho da infância, acabou então.
Dona Isabele
Enviado por Dona Isabele em 08/10/2019
Código do texto: T6764201
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
Dona Isabele
Picos - Piauí - Brasil, 19 anos
206 textos (8343 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/07/20 20:56)
Dona Isabele