Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sentindo falta de mim

Sentindo falta de mim

Hoje eu acordei assim
Sem receber um bom dia
Caí no fundo do poço
Tá morta a minha alegria
Pois só me resta agora
O estado de poesia

Me toca a brisa macia
Penetra em meu coração
Meus olhos mostram com força
A força da emoção
Aos poucos eu sinto falta
Dá minha respiração

Pisando leve no chão
Vou seguindo o meu caminho
Tirando da minha alma
Cada ponta de espinho
Sentindo a forte dor
Do que é andar sozinho

Eu sigo no desalinho
Sentindo falta de mim
As vezes me perguntando
Por quê tem que ser assim
Não era para morrer
As flores do meu jardim

As vezes damos um fim
Matando flores por flores
Sem notar a gente apaga
O brilho que tem nas cores
Deixando tudo cinzento
Promovendo nossas dores.

Diosmam Avelino: 22/01/2019
DIOSMAM AVELINO
Enviado por DIOSMAM AVELINO em 05/10/2019
Código do texto: T6762105
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
DIOSMAM AVELINO
Arcoverde - Pernambuco - Brasil, 41 anos
75 textos (2480 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/11/19 04:33)
DIOSMAM AVELINO