Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UM CORDEL DE AMOR

Vejo-me aqui de novo,
Com liberdade de expressão,
Vaidades e verdades,
A poesia no coração.
A árvore da prosperidade,
Com intensa capacidade,
Destino da evolução.

Uso então a caneta,
E também a inspiração,
E é assim que almejo,
Poética provocação.
Terabyte de mensagens,
Modificam as paisagens,
Sempre não a traição.

Falo de amor com clareza,
Na língua, não tenho papa,
Aponto essa direção,
Se precisar, faço um mapa.
É meu tema de destaque,
Já estou ficando craque,
Com a assinatura na capa.

Objetivo e direto,
Concreto ou abstrato,
A importância do amor,
Na influência de um fato.
Um tema que dá prazer,
À relevância de um ser,
É sempre o primeiro ato.

Cada um tem sua verdade,
A visão do certo ou errado,
Mas os caminhos se encontram,
Presente, futuro e passado.
É deveras e muito polêmico,
Antigo e acadêmico,
Mesmo assim, atualizado.

Se pra alguns não faz sentido,
Pra muitos, primordial!
É a caixa de pandora,
Essência do bem e do mal.
O amor é a resposta,
A dimensão da proposta,
É de cunho universal!



Carlos Mambucaba
Enviado por Carlos Mambucaba em 18/01/2010
Reeditado em 30/01/2010
Código do texto: T2036750
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Carlos Mambucaba
Angra dos Reis - Rio de Janeiro - Brasil, 58 anos
516 textos (43264 leituras)
85 áudios (7710 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/09/20 05:52)
Carlos Mambucaba