Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SÉRIE  DA MITOLOGIA -
 DIÓGENES - O CÍNICO -

Diógenes é assinalado, em muitas histórias da filosofia, como o filósofo que desprezou ostensivamente os poderosos e as convenções sociais. Nasceu em Sínope. Foi discípulo de Antístenes (c.444-365 a.C.), fundador da filosofia cínica. Como todos os cínicos desprezava as ideias gerais e as convenções sociais, negando a possibilidade da própria ciência. Diógenes ficou associado a diversos episódios que exprimem as suas ideias éticas, as únicas a que dava verdadeira importância. A única forma de vida aceitável seria a conforme à natureza, tudo o mais não passava de vento. Conta-se que Alexandre da Macedónia, o grande imperador da antiguidade, ao encontrá-lo lhe teria perguntado o que mais desejava. Acontece que devido à posição em que se encontrava, Alexandre, fazia-lhe sombra. Diógenes, então olhando para o sol afirmou: "Não me tires o que não me podes dar!". Levando ao extremo esta atitude de desprezo pelas convenções sociais, Diógenes, tinha como casa um barril e vestia-se de trapos. Preambulava pela cidade com um lamparina acesa, mesmo de dia, afirmando a quem o interrogava que procurava "um verdadeiro homem". Aquele que vivia de acordo com a natureza.

(Carlos Fontes - Pesquise Google)


(Publicação inspirada no comentário do cumpádi LUCAS DURAND no  texto de humor: TEOREMA DE PITÁGORAS)

SanCardoso
Enviado por SanCardoso em 22/02/2011
Reeditado em 22/02/2011
Código do texto: T2807719
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
SanCardoso
São Paulo - São Paulo - Brasil
1941 textos (164695 leituras)
1 e-livros (336 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/08/20 16:24)
SanCardoso

Site do Escritor