Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O ÚLTIMO SUSPIRO

Dentro de mim preciso gritar,
Sinto-me imóvel sem qualquer reação
Sem fôlego não posso respirar
A única coisa que ouço é meu coração

Passa pela mente os horrores
Das trincheiras com violências bélicas
E sinto ao corpo essas dores,
Das mães desconsoladas e histéricas!

A guerra foi o motivo afinal,
Desta lembrança gravada na mente,
Deitado neste leito de hospital,
Vejo a vida morrendo lentamente

Estou acordado e posso ver,
Que já não resta muita coisa de mim,
Apenas a inútil dor de sofrer
Vindo aos poucos decretar meu fim!

Tubos enfiados na garganta,
Bombas mutilaram esse frágil corpo
A dor pela mutilação é tanta
Estou me sentido agora como morto

Campo minado cegou-me a visão
Minhas pernas foram todas amputadas
Estou sem a fala e sem audição
E todas minhas costelas fragmentadas

Querido Deus agora me ajude
Ligado entre essas máquinas quero fugir,
Mate-me agora, não seja rude
Deste pesadelo sem fim preciso partir!
rodrigokurita
Enviado por rodrigokurita em 01/07/2020
Código do texto: T6993291
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
rodrigokurita
Mogi das Cruzes - São Paulo - Brasil, 35 anos
343 textos (15280 leituras)
3 áudios (51 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/08/20 17:51)
rodrigokurita