Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Juntos para sempre

   O inverno havia chegado à cidade, e como sempre nesta época do ano, Robson aproveitava o clima frio e levava seu filho Charles para acampar, era a oportunidade perfeita para ensiná-lo todos os segredos da sobrevivência na selva, e assim era a tradição da família desde que Charles tinha seus cinco anos de idade.
    Mas este ano seria especial para eles, pois Charles que tinha acabado de completar seus dez anos estava determinado a surpreender o pai e mostrar tudo que já havia aprendido até agora nos acampamentos, então ele se prontificou a realizar todas as tarefas necessárias, separou e organizou tudo, e Robson ficou muito orgulhoso de seu filho e até impressionado com o entusiasmo do garoto.
    Não demorou muito para chegar ao local da aventura. Tudo ocorreu como o esperado, e ao cair da noite, como havia sido decidido a algumas conversas passadas que eles dormiriam em barracas separadas, Pai e filho de despediram para uma boa noite de sono e cada um seguiu seu próprio caminho. Então Charles determinado a impressionar o pai, saiu para caçar.
   No dia seguinte Robson acordou muito entusiasmado, foi até a barraca do filho para acorda-lo e percebeu que estava aberta,ele olhou dentro e ela estava totalmente vazia, então Robson procurou ao redor do acampamento gritando o nome do filho, mas teve apenas o barulho das árvores como resposta. Robson, exausto, sentou no chão em desespero e se deu conta; seu filho tinha sumido.
   Um mês se passou e Robson não teve nenhuma noticia de seu filho, foi o mês mais difícil da vida dele, ele não sabia mais o que fazer para encontra-lo ou para apenas amenizar a dor que estava em seu coração, ele tinha pesadelo todas as noites, ficava sem ar e perdeu a conta de quantas vezes ficou a noite sem dormir porque não parava de chorar, tudo que ele queria era estar junto dele.
     Um dia Robson estava no quarto de Charles e ao olhar para o espelho ele viu o reflexo de seu filho atrás dele, a imagem fez com que o coração de Robson quase fosse vomitado, ele teve um arrepio na espinha se virou rapidamente e não havia mais ninguém no quarto.
    Robson ficou atordoado e começou a andar pela casa procurando o filho, foi ai que ele o viu, Charles, com as roupas rasgada, estava no quintal de casa à beira da piscina olhando fixamente para a água, o pai atordoado foi em direção ao seu filho e num segundo, a criança novamente desapareceu. Robson estava em frente à piscina tentando encontrar o filho quando sentiu algo o empurrar para dentro da água, ao tentar voltar para superfície se viu impedido como se acima de sua cabeça a água  tivesse se solidificado, Robson, ficou desesperado, começou a perder o ar, senti o queimar da água entrando em seus pulmões, e à beira da piscina seu filho o olhava imóvel, até que Robson ouviu:
- Não se preocupe pai, logo estaremos juntos para sempre.
      O corpo de Robson jamais foi encontrado.
Jaqueline Miranda
Enviado por Jaqueline Miranda em 19/08/2019
Reeditado em 19/08/2019
Código do texto: T6724303
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Jaqueline Miranda
São Paulo - São Paulo - Brasil, 26 anos
3 textos (439 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/09/19 20:49)
Jaqueline Miranda