Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POR DETRÁS DA PORTA DO PARAÍSO II


 

Estamos renovando uma nova era na qual podemos acreditar na passagem do tempo que transcreveu como nos sonhos que o homem estava procurando por uma alquimia que já existia criando tempo e espaço para se formalizar e tudo foi construído em determinadas circunstâncias cujo amor foi aprimorado dando sempre espaço a boas maneiras de viver enquanto o ódio foi absorvido pela construção dos erros dos mais fracos e oprimidos de coração, aperfeiçoados em alguns devaneios que são produtos de uma fantasia que sempre desconstruí-o e ao mesmo tempo construí-o na sociedade que sempre reivindicou incentivos depositados como uma religião política que sempre concentrou todas as deficiências das pessoas no mundo frio onde posso dizer que tudo pode ser favorecido e ensinado quando há uma verdadeira lenda controversa com base em fatos reais que são presumidos e realmente vividos onde tudo pode começar desde a infância com predominância de ver e tudo pode ser como uma música, a orquestra como uma caixa de ressonância que dança do universo para a terra e coincide com uma criança que seria meio humana e a outra seria um lobo que se contraiu sob uma soberania astral na qual os deuses provem da força continua de uma semente em uma terra que foi criada em alguns aspectos geológicos e cosmológicos que não plantamos puramente e simplesmente a seguimos com seu aspecto eufórico fazendo-nos enlouquecer com tantas bombas estelares ao seu lado, fazendo chover primavera em toda a terra que quase congelado pela raiva e pelo fracasso social que não foi criado e planejado por ordens divinas porque o céu pode ser a corte suprema em termos socialistas, muitos são espalhados pela ganância e pelo poder devastador que destrói a vida humana e vejo que podemos caminhar próximo ao amor que é mais realista a natureza de um ser do que ver a vida moderna como uma estrela e não vamos chorar pelos murmúrios do mundo que e as realidades do prazer no mundo sólido parecem ser uma frase que em nenhuma ocasião, as formalidades estabelecidas da vida foram desconstruídas pelas incertezas que não trazem a luz do paraíso às estrelas e diamantes coloridos que iluminam a vida honesta, sincera e clarividente que podemos contemplar as virtudes do ser humano que certamente estava procurando o futuro que estava escondido na terra emocional do sofrimento, das incapacidades que não são do meu mundo e que nunca pode ocultar a luz suave divina que circula em minha alma sobre os deprimidos e desanimados que não, nunca viu o arco-íris atravessar os sete mares em uma ocasião natural que supomos ser uma transmutação de água benta nos céus que sai do céu ensolarado e se mistura com os mares e rios para satisfazer os mistérios encantados da vida que santifica a mãe natureza e abençoe o ouro celestial nas margens da terra criando folhas e luz sobre toda a existência divina que o vapor d'água se expande como sempre e talvez possamos viver toda a felicidade magnética que a vida nos formaliza do céu para a terra e da terra para o céu apenas criando algumas lembranças fantásticas da vida e sendo felizes por uma disciplina de vida com tudo o que está por trás da porta do paraíso, onde a chave é a existência da vida, estabelecendo as razões pelas quais a própria vida deve viver e ser feliz.
A ciência pode ser a causa de várias coisas que precisamos cientificamente para ver suas relatividades ao longo da vida que levamos a ser felizes ou tristes como um veículo em nossas diretrizes de vida e a ser felizes por algum motivo para sentir prazer essa seria a lógica de viver uma vida explorada e bem-sucedida ao longo do tempo. Sempre aprenderemos que a existência do homem na Terra pode ser sua causa relativamente exercitada pelos contornos que devemos sempre considerar como um relacionamento de aprendizado que nos faz gozar,  amar ou odiar de maneira satisfatória, não ficaríamos frustrados com as realidades e fantasias que nos permitem avaliar algo comum ou incomum que nos torna mais realistas sobre uma noção de tempo em que sentiremos todas as circunstâncias da vida tentando provar quanto vale viver para ter algo suficiente para procurar toda a relatividade para sonhar, viver e ser feliz através de um gesto de amor horas em que simplesmente buscamos a ciência como prova de causa e efeito em todos os limites e existências para nos fazer viver felizes de algumas maneiras em que podemos dizer o quanto vale uma vida e suas causas que poderíamos até superá-las porque entenderíamos a verdadeira noção de viver e ser feliz com a ciência da existência ou simplesmente com a ciência da vida.
Podemos dizer que ser sábio seria um contexto para entender a razão de algo que, dentre os vários aspectos de nossa vida, devemos entender bem e simplificar a sabedoria com um gesto para validar nossos caminhos na vida.
que realmente passa por desastres desastrosos ou pela compreensão de nos identificarmos com algo ou uma razão conveniente para buscar uma compreensão dessa coisa, para que amanhã adquiramos o raciocínio em que pensamos e depois preservemos conscientemente, classificando um ato executado em contradição com exemplos em bases que colocaremos em praticar as funções de ação com base em determinados motivos de lucro para vencer, entender e justificar essa vontade que exerceremos em várias coisas, a fim de aprender a avaliar e entender a vida e seus problemas que poderíamos sonhar com sabedoria ou vencer, obtendo todos os aspectos de relacionamento e classificação idealizados em um passo positivo de nossa mentalidade, que sempre nos oferece o efeito de agir e superar algo de grande valor que pode ser estendido ao surgimento de uma relatividade de ideias que se tornam realidade de uma ação construtiva de nosso Eu. top que é perfeito e tudo pode e é combinado com com alguns aprendizados que se relacionam com a vida e suas reações, todos baseados em uma classificação de ideias nas quais podemos entender e depois vencer e ser chamados de sábios que realmente adquirem valor suficiente em certas coisas nas quais podemos encontrar a verdadeira sabedoria.
Talvez possamos dizer quanto vale a vida porque vivemos de uma graça divina na qual experimentamos nossa felicidade em nossa juventude, que inevitavelmente chamamos de euforia de viver momentos de prazer nos quais encontramos toda a glória de ser feliz por um simples desejo de conquistar a vida. e, como é moderna e simples, nossas emoções que liberam em nossa alma o que chamamos de estado de consciência em que definimos toda a nossa superação da conquista da vida que talvez possa nos intimidar sobre as realidades que devemos enfrentar e nos cancelar de certas maneiras para o qual devemos agir de acordo com nossos compromissos que nunca deixamos e nunca abandonamos como hiperatividade do amor, na qual o fruto é pensar e sentir todos os efeitos superlativos que ainda estamos aprendendo com a vida a ser feliz e nunca ficar triste com os sonhos com os olhos abertos, dia após dia, em que encontramos a nostalgia da falta de sofrimentos, que simplesmente não devemos pairar sobre nossas fantasias que nos guiam em nosso amor pela vida que sempre nos fará felizes como uma formulação de ideias positivas que nós simplesmente chamamos euforia.
Há coisas que podemos perceber porque são coisas que podem nos conscientizar através dos sentidos, porque são mais do que um teste, um ato ou um efeito para nos fazer reagir a uma visão de ação que nos faz querer superar até os obstáculos da vida que somos e estamos dispostos a nos levar para as relações de construção que nos fazem balançar positivamente e nos fazer ganhar algo que nos fará muito melhores; portanto, teremos um retorno substancial e permaneceremos na evolução de nossos desejos no plano material, primeiro a alma. Isso nos faz perceber que mantemos toda a coerência que se tornou eficiente para nossas emoções cotidianas que sendo mentalizadas e passadas por nossa vontade inconscientemente manteremos aquela percepção que lembraremos mais tarde e poderemos provar suas ações substanciais e no materialmente, ganhamos essa coisa como um desejo ou obra de nosso assunto que talvez possamos tire proveito dessa coisa que é grosseira para os planos do conhecimento que podem ser emocionalmente construídos por ambições sobre o poder da ganância ou o ato ou efeito do sonho otimizado, a fim de superar os obstáculos da vida para ter o que quanto mais queremos ser inevitáveis, sonhados e forçados, que chamamos de fogo da consciência que hoje predominamos devido talvez ao poder absoluto ou à ignorância da vontade que nos faz sentir realizados em uma classificação socialista que se classifica entre os pobres e os ricos como um ato ou mais do que um efeito primordial de superar a dureza da vida nas circunstâncias que muitos conseguem e poucos conseguem reclamar como o destino do sofrimento causado pelo rígido capitalismo que está e está sempre abalando a grande sociedade pelo prazer de vencer e se afirmar nos padrões de vida e de ser feliz pela sabedoria dos mais diligentes chamados de consistência viva gerada pela soberania de inocência a ser solidificada entre o poder da alma que é chamado de percepção para não se posicionar nos propósitos intermediários e materiais que são apenas ilusões de ser pobre e que podem até nos enganar emocionalmente para sermos ricos na melhor das hipóteses que temos em nossa mente tão sonhados e obstinados por ironia clássica que sobrecarrega a vida, fazendo-nos sofrer de sólidos poderes e mortos da carne, do prazer que ela dá a vida consome todos os dias e não poderemos viver as eternas fantasias da juventude que hoje são o legado da altitude, e poderemos mergulhar ainda mais alto sem tanta beleza, benevolência e angústia porque viveremos em um mundo perceptivo de nossa alma que não vive. Ela nunca se anula porque sempre construímos a vida que podemos simplesmente gostar de viver, porque já somos feitos e venceremos com nossas habilidades e não esqueceremos o que somos, porque a realidade pode ser mais cobiçada e é inesquecível realizar nossas vidas de uma maneira perceptiva, porque apenas nossa mente seria mais realista porque respeitamos conscientemente nossos desejos e, portanto, experimentamos nossas boas intenções de que um dia sentiremos e permaneceremos ricos e não deixaremos de ser felizes por sermos mais apreciados em qualquer circunstância em que sonhamos com esse sonho como fruto do prazer e que vêm de nossas existências, não há falhas em acreditar que nossa grandeza não é simplesmente questões que nos fazem descansar com nossos sonhos mais do que perfeitos para fantasiar como realidade e sim, e eles serão para sempre, permaneceremos vivos para sempre e porque vivemos em nós por causa de nossas percepções que nos tornam inteligentes e não pereceremos nunca nas falhas da vida porque somos feitos de alma, pensamentos livres que nos mostraram onde nossas realidades estão simplesmente tendo caráter através de uma simples percepção de viver e conquistar nossas vidas.
A vida pode ser realmente cínica ou desonesta sobre as fantasias centradas na juventude que simplesmente sentimos com respeito por seus papéis em nossas realidades que nos dizem que estamos certos e que somos capazes de ser felizes no contexto da vida, porque talvez as pessoas eles não vivem porque não vivem, são realistas por causa de seu modo de vida, que estamos apenas aprendendo a viver uma vida verdadeiramente honesta e honesta, que simplificamos em nossas fantasias juvenis mais iludidas que nos fazem realmente felizes com nossos sentimentos e honestidade de viver porque nós apenas precisamos conhecer as desigualdades com as questões sociais da vida que nos fazem pensar nos aspectos dramáticos que podem nos dizer o quanto temos que viver e não temer pela compreensão e sim aprendemos a valorizar suas habilidades que nos fazem realmente viver uma vida feliz.
O amor de Deus pode ser entendido como criado ou proveniente de qualquer emanação de amor quando dizemos que Deus criou o homem à sua imagem e semelhança, poderíamos dizer que somos semelhantes a Deus porque somos filhos de Deus e experimentamos essa passagem de tempo como um revés de paz, amor e felicidade em todos os aspectos da vida em que alguém foi criado ou mais excluído se nasceu de Deus e depois morreu e nasceu para a eternidade, onde podemos dizer que Deus o criou e o trouxe para outro mundo inesperado, destinado a nos deixar presos no tempo por trás da ideia de que você deixa mais indiferente à vida destinada, existe um perigo desenfreado como condição para ir a algum lugar ver e ressuscitar outro dia para morar onde tudo que foi criado e criado por Deus para criar e mostrar como é a vida e que por muitos anos eles respondem ao tempo que continuará, que fará o retorno de um outra vida em que podemos criar dizer que Deus existe e que em tudo Deus nos criou e nos criou como no céu e na terra.
Na teoria decifrada dessa música, encontramos um conjunto de palavras acima de um termo que, em minha filosofia, tudo o que Deus cria com amor é construído com um sentimento sobre a natureza viva de um ser que estaria mais ansioso para compreendê-lo porque nele tudo é tão claro quanto a luz do sol que nos mostra do lado positivo as coisas bonitas às quais nos apegamos e que simplesmente não nos apegamos porque é feito de amor que está acima de todo vazio que quebra a incapacidade humana ser feliz ou amar alguém na vida que simplesmente não é iluminado diante de Deus porque tem recaídas da natureza divina que não se assemelham ao verdadeiro ser que Deus criou e criou em todas as coisas no paraíso que não poderíamos enganá-lo com incertezas negativas que isolam a vida diante da luz suave de Deus, que é acima de tudo profunda e em altitudes que um dia seremos capazes de entender seu espaço e tempo em nossas realidades que eles não são tão extensos que, e se não houver luz de nossos estímulos sobre sentimentos elevados na vida, talvez não tenhamos entendido seu amor e sua existência em nossa vida, porque em tudo o que Deus fez, ele criou o paraíso de fracasso e vergonha que perverteu do mal a verdade que pode permanecer silenciosa, invisível a tudo o que Deus criou na terra de pessoas obstinadas e incertas de controvérsia compaixão por um desejo infiel que talvez uma criança traga humanamente esse amor para estar mais vivo com a eletricidade que consola nossos pensamentos e nos faz acreditar que o mundo é perfeito e que ainda podemos ser felizes e que talvez continuemos construtivamente intactos com os pretextos de Deus que nos fizeram iluminado pela fúria do amor do ensinamento que nos ama e nos faz amar o que é belo de ver e sentir prazer, porque a vida seria simplesmente uma caixa de ressonância na qual seu ritmo pode nos melodia com todas as formas e forças positivas da vida que as sombras que se abrem atrás da luz do dia nunca se curvaram tentando esquecer o medo das trevas que afligem os inocentes que ainda conhecerão o mundo como é belo e perfeito, porque Deus fez você em todos os aspectos que não o fazem foram destruídos e que a verdade é justa sobre amores que não foram absorvidos por Deus ou qualquer anonimato que poderia ter sido prescrito pela palavra de Deus enquanto Eles dizem que os anjos são mais cautelosos em permanecer vivos e aborrecidos pela transformação da existência de Deus em mortais consumidos por loucura, farsa e ilusão emocional que irritarão as mentes de homens que ainda não entenderam simplificar seu amor pelo amor. Vida como amar a Deus por todas as coisas inevitáveis e juntos sempre podemos ir embora porque foi Deus quem fez você e as estrelas no céu como talvez uma raiva que um dia podemos agradecer e pedir que você seja fiel a ele como uma flecha reta sem desvio que não pode ser de nossa natureza irreprimível para o mundo que pode se tornar uma ilusão para os mais fracos, sem o amor que pode sentir que somos feitos da flor do paraíso que sempre encontraremos o que procuramos, porque simplesmente aprendemos a amar e odiar nos consolidarmos. Todos os aspectos de ser feliz por muitos anos nos quais a vida pulsante e criativa de alguns dispositivos permanece em que um dia entenderemos sua criação e tudo o que Deus criou porque somos filhos de Deus e experimentamos a luz da vida em nossos olhos e rostos que nos mostram como somos bonitos e nos fortalecemos em nossas memórias de que testemunhamos nosso amor pela vida enquanto pacificamos nos planos materiais. Sementes que simplesmente guardamos na alma de nossos pensamentos, se os resultados que alcançamos na vida como um estado de tempo por ocasião das graças, aprendemos a avaliar a vida que nos aflige com o absurdo da juventude e vemos que tudo o que Deus criou seria perfeito porque somos semelhantes a Deus e, na minha filosofia, quero dizer simplesmente que, se Deus nos fez, somos inatos ou homogêneos que, devido ao anonimato dos afetos ocultos, não poderíamos estar completos quanto ao amor que Ele nos fez, porque não seríamos viver para ser feliz com alguma indiferença inferior de sua natureza que permanece enquanto nenhuma expressão for desfavorável ao único outro que nos tornou maiores do que todos nós somos semelhança de amor que talvez não possamos dizer de dentro para fora em algum outro que seja simplificado na teoria divina de que tudo o que Deus criou foi com amor e aprendemos com a vida menos ou mais com seus artefatos a apreciar o que Deus fez, porque não seríamos tão pequenos e grandes nas mãos de Deus que ele nos completou à sua imagem e amor que nunca podem ser equivalentes a todos os afetos ocultos que desencadeiam a compaixão pura e realista de viver, amar e ser feliz, porque daqui a alguns anos ou talvez milênios das profundezas de nossas almas e um dia estaremos livres do inferno no paraíso.
A alma nos mostra de maneira sutil o nosso lado de construir e aprender as coisas bonitas da vida que poderíamos até entender e usá-las para vários propósitos da vida, porque só sentimos com as várias conclusões remover as dúvidas e perguntas de nossas vidas. Aprendi coisas que certamente serão usadas profundamente em nossas almas e estamos em circunstâncias imortais porque vivemos contra o lado material que é mortal e experimentamos tudo no lado espiritual que é imortal que em tudo se tornou uma alma em plena satisfação viva. , palpita, repulsa por um mundo em que aplicamos sutilmente tudo o que queremos e fazemos, porque talvez seja mais profundo na alma.
Eu nunca imaginei que a vida tivesse seus objetivos relacionados a uma estratégia de formulações fantásticas em que nem todos os homens ou seres jamais possam viver ou não tenham entendido que viver seria uma expressão muito fina de uma contradição na qual poderíamos nos conter. Um ao outro e todas as coisas do mundo e do paraíso, alcançar a eternidade que eles nunca serão capazes de desfrutar porque são quase todos mortais nos quais se diz que só pode haver um dentre muitos e também pode haver muitos porque o mundo seria mais realista por isso desigualdades humanas anteriores que sempre lutam entre formações caras que a sociedade ainda não viu ou ainda não aprendeu a usar corretamente a sabedoria ou são todos prisioneiros de uma tribo que são todos despercebidos em um contexto de vida porque estão indignados com a liberdade de suas prioridades exercidos pela sociedade assumiram sobre si certas doutrinas. Conter sobre aquelas funções e fundações relacionadas à vida social em seu papel de lei congregacional e constitucional para estabelecer certas familiaridades de que os mantem e vivem no mundo enquanto outros talvez sobrevivam com uma ordem ou uma classe que pacificamente todos devem entender essa dimensão que permaneceu em um período de vida e progredindo em seu papel socialista como cidadão perfeito que ninguém contestaria e a imaginação do homem de hoje sobre a vida é para o cinema que nos leva às artes plásticas e às histórias das ações de grandes heróis em grandes memórias que tornaram o mundo um atlas de histórias e filmografias que se reúnem na memória e colocam seus pôsteres na praça e no cinema como imortais e que permanecem bem imortalizados com relação ao tempo em que transcrevemos toda a história com base em fatos reais de algumas pessoas que deram a vida pela pátria ou pela guerra entre países que hoje são manchetes e revistas de todos ou o mundo que chamamos de imortais que corretamente ao progresso da vida, falando do retorno da idade absorvido pela causa e efeito contraditórios, que se baseia em uma história dramática e verdadeira na qual o mundo não é e se vê, e que você só pode entender o que era e o que eles eram e suas particularidades e modos de vida profissionais que nos fazem entender a passagem da eternidade e que a vida é essa causa juntamente com a morte que é sistematicamente como um jogo vibracional no qual podemos dizer quanto vale a nossa existência e conversar da vida e seus contratempos nos quais o homem de hoje seria a própria essência das realidades de todos os fatos ocorridos ou ideias e invenções científicas do homem na Terra, que se encontra em um contexto de testemunho da origem da vida e seus fundamentos nos quais o ser se torna originalmente possuído e a evolução de algumas ciências atribuídas ao homem moderno, mais adaptado aos planos materiais e espirituais que lhe interessam a um contexto fundamentalista da vida humana na Terra ou de ser mortal sujeito a causas e efeitos sociais e imortais que ela tem sobre alguns elementos contidos na natureza da vida a que podemos nos referir como homens místicos ou seres espirituais mais desenvolvidos no mundo. vida e pode viver no sétimo sentido que a vida nos fornece e que é por algumas razões que a morte não é o fim e, portanto, seria apenas o começo de uma nova vida como os espiritualistas e a imortalidade da carne. que o homem tem ao seu redor que através de sua visão alcançou a vida eterna e que é feita sua vontade, que chamamos de espaço e seres naturais que designam seu papel na vida do ser humano como um vencedor dinâmico em tal luta. Evidência na vida e na morte de que preservamos sua natureza como ilimitada na existência da vida.
Eu nunca imaginei que a vida tivesse seus objetivos relacionados a uma estratégia de formulações fantásticas em que nem todos os homens ou seres jamais possam viver ou não tenham entendido que viver seria uma expressão muito fina de uma contradição na qual poderíamos nos conter. um ao outro e todas as coisas do mundo. Paraíso.
Quero dizer que viver seria imortal para estar vivo, viver a vida e gozar a felicidade na terra para ser uma vida mórbida e o material fraco para tais relacionamentos com a natureza chamado imortal por causa das qualidades superlativas da dinâmica e das reações perfeitas da vida no mundo. que o fruto é construir um mundo homogêneo, a natureza da vida e a causa seria o universo que dá a vida de onde viemos e passamos por um estado de consciência sobre-humano no qual fomos criados e combinados no ventre da mãe suprema ou no fundo nossa mãe e nosso pai chamamos de família e podemos dizer que temos um corpo denso e sutil em suas pulsações da alma, que é transferido pelo espírito como o quinto elemento chamado química nuclear que vivifica todos os átomos e suas funções materiais em que são formalizados no corpo. Existência de vida em um núcleo atômico chamado ser humano.
Talvez a imortalidade seja o maior desejo de uma vida que simplesmente ainda não tenha vivido eternamente à luz da vida em que todos não sofreriam fracassos como destino da morte porque são da mesma natureza ou talvez haja diferentes dimensões que os façam prevalecer. a existência da vida mortal nascida suprema à luz da excelência.
Acredito que a sabedoria pode realmente ser superlativa à incompatibilidade humana, porque podemos, somos bastante indefinidos contra um certo entendimento de que, devido à amargura da vida, estamos alienados de um fator psicológico que, na realidade, não mostraria entendimento e bases concretas sobre uma superfície da qual razoavelmente teríamos posto em operação. capte algo superlativo e eficiente em vez de um desequilíbrio humano.
Dizer que a sabedoria seria uma estrutura para entender algo sobre os diferentes aspectos de nossa vida e devemos entender e simplificar a sabedoria como um gesto de validação de nossos caminhos de vida que realmente passa por desastres catastróficos ou pela identificação de outras pessoas em algo conveniente ou uma razão para tentar entender essa coisa amanhã e obter a lógica de que, e acreditamos que mais tarde e conscientemente a classificaremos como um ato praticado em contradição com exemplos com base nos quais realizaremos operações especulativas para obter e justificar isso e exerceremos várias outras despesas para aprender a apreciar e entender a vida e seus problemas, ainda poderíamos sonhar com sabedoria ou conquistá-la com a apreciação ideal de todos os aspectos do relacionamento e da classificação em um passo positivo de nossa mente que sempre sugere o efeito da ação e superar algo de grande valor que possa estender-se à visão da relevância de ideias que se tornam uma ação construtiva de nosso eu superior, perfeita e tudo pode e é combinado com um pouco de aprendizado relacionado à vida e suas reações por uma classificação de ideias que podemos aprender e em que seguido por vencer e ser chamado de sábio que merece verdadeira dignidade por certas coisas nas quais podemos encontrar a verdadeira sabedoria.
Aprendemos como lição de amar e ensinar a vários propósitos educacionais devidamente coerentes a noção de termos diferentes aos quais nos referimos a quaisquer dúvidas sobre o amor que possam ser contidas como um teste de resistência ao bem-estar ou mais que advenha as outras. O amor é o que você chama de lições que sempre nos mantêm afastados da sua leitura, deixando-nos saber todos os detalhes através de suas reduções. O que sempre pode nos beneficiar e nos diz o quanto lemos a biblioteca e amamos para sempre Apenas a lição pode estar contida em uma frase ou expressão contínua verificar uma palavra que mostre amor e afeto por contextos específicos que nos fazem discutir e que essa descrição deve ser percebida por todos em diferentes aspectos, incluindo ação, tempo para uma relatividade literária na qual podemos discernir qualquer significado aplicado às palavras que podem refletir o ego e a dinâmica prevalecem em frases pequenas e grandes, nas quais todos podemos ser simplificados em nossos importantes ensinamentos contidos em uma lição real que provavelmente guiará alguém que não foi mobilizado na vida ou com objetivos sensíveis e irracionais nos quais os sentidos podem ser sentidos. perseguido por dinâmicas abstraídas do desejo desejado desses Milagres, certas palavras s para uma boa leitura e gramática que podem criar a intuição perfeita para rabiscar ou ler um livro feito em uma hora é que podemos entender seus processos químicos e cada substância é elaborada em uma lição para entender como voltar, entender e sentir o estresse da água e a expressão contida no versículo que literalmente combinam algumas palavras que podem teoricamente entender a narrativa unidirecional no texto que dizemos ser uma boa lição de encorajamento e é um lugar que experimentamos com o tópico e a classe para educar e ensinar tudo sobre uma boa literatura que podemos simplesmente dizer que são excelentes lições que eu só queria ler e ver sua correspondência e sugestões e comentários predominantes sobre suas funções escritas em versos e prosa e podemos desfrutar de seus objetivos contidos na língua como um gramática verdadeira descrita pacificamente em várias lições que podem lê-las e entendê-las lendo e pesquisando seu conteúdo para ensinar seu raciocínio e saiba que a lição pode mostrar a profundidade da alma, que é a essência de uma verdadeira lição de gramática.
Hoje é segunda-feira 12 de agosto de 2019 em uma linda manhã de 5:38 da manhã quando o mundo parece silencioso sobre uma vida estabelecida entre vários propósitos, que são como testes que devemos realizar em uma história verdadeira que se expande em todos os propósitos do vida que eu vejo aqui como um ditado de palavras que dão espaço a um mundo certamente criado e dificultado por uma fantasia criada em determinadas circunstâncias da vida que tentamos descrevê-la em verdadeiros dilemas nos quais somos frutos de prazer e conquistadores de uma época que é baseado em um jogo de emoções e traços destinados em que atos e existências são consumados em todas as distrações da vida.
Eu estava pensando em certas coisas que são inevitavelmente teimosas da nossa euforia que estamos sempre procurando emocionalmente entre dias e dias.
Os prazeres noturnos de uma euforia que podem ser mais caracterizados por razões de aventuras que nos fazem buscar no mundo vasto e profundo de muitas maneiras e processos de ações em relação à nossa vontade que tentamos encontrar em certos lugares e pessoas uma explicação para nos conhecermos melhor, porque temos em tudo o que há a dinâmica e uma contradição para ver a vida de uma maneira mais leal e que o mundo não pode ser semelhante às nossas fantasias criadas ao tentarmos chegar ao fim da melodia em que sempre chegamos às pessoas em nossas crenças favoráveis e fantásticas de que desfrutamos todos os momentos de nossa vida e nem sempre tudo é igual, porque é uma grande ilusão, porque a vida pode ser dramática demais em certas ocasiões em que as pessoas não se preocupam com a mesma igualdade de vida e pesquisa da vida melhora a renda na qual quase todo mundo fica traumatizado pelas circunstâncias da vida que não querem se identificar Em nossas ações, passamos despercebidas porque a lógica seria a igualdade sobre todas as coisas e diz-se que o mundo não é perfeito e nem todas as mentes são iguais porque estamos procurando algo superlativo aos nossos desejos que buscamos dia e noite quando estamos dispostos a conhecer e conquistar certas pessoas e certos lugares que são simplesmente ilusões que estamos experimentando tudo isso e mantendo como prova que nem tudo é o mesmo que queremos e que é menos dramático porque nos resta sentimentos baixos e que não podemos dominar o meio ambiente ou vida desfavorável, nossas melhores intenções, que replicamos com um simples gesto relaxado, que podemos dizer que as coisas não são as mesmas quando certamente não há amizade, porque estamos tentando ganhar uma vida diferente, porque nossos desejos não são tão abstratos e incomum sair de casa com mentes superlativas e pouca negatividade em uma sociedade que pode não ser ou é a hora ou o lugar vamos apenas estabelecer nossos desejos de que, a partir de uma sociedade com um fluxo socializado negativo, possa ter desviado nossa coragem, amor, amizade e relacionamento que poderiam, como se diz claramente, ser mais lógicos, eufóricos de nossas intenções, que acabam sendo um objetivo dispensável e tornar-se emocionalmente contradito pela sociedade ou por pessoas sem humor, brilho, habilidades que não podem transmitir astral em nossas emoções contrai a amargura da vida que não é honesta com nossas razões e intenções de poder dizer que não fomos suficientemente visualizados por alguém ou da sociedade que nunca deixou de ser caótica na personalidade de alguém que vê o mundo melhor e o deixa em paz, talvez por causa do relacionamento e do estado emocional que não pode diferenciar o equilíbrio emocional de quem está procurando. Vida e deixar qualquer paranoia vir de alguém que pode não estar de bom humor e, porque existem duas maneiras de agir com a responsabilidade de pensar e o reconhecimento do sentimento de que talvez possamos sobreviver em uma sociedade que não seja tão alternativa aos nossos desejos e que nossas distrações possam encontrar uma resposta verdadeiramente honesta às nossas habilidades simples que o mundo não pode estar junto porque o mundo não é fantástico, porque somos nós que fantasiamos nossas ideias em uma sociedade que não é ou é uma alternativa e que permanece iluminada em um contexto em que existem diferentes formas de viver, porque talvez possamos obscurecer nossas melhores realizações e amizades porque ninguém é perfeito e nós e que temos que mudar a nós mesmos para talvez encontrar alguém que possa nos favorecer e nos entender emocionalmente, tornando a vida mais distante dessa retórica que simplificamos na sociedade como um conjunto de ideias, por mais insignificantes que sejam pessoas benevolentes que não o fazem. Estima-se que eles talvez não tenham uma genética mais generalizada para o composto químico estável de certas substâncias que causam maturação mental nas quais são enfraquecidas por uma avitaminose que perturba a personalidade de alguém que simplesmente não está psicologicamente preparado para estabelecer uma atividade sem tanto preconceito imposto à sociedade que também retornará a pessoas como uma função negativa e intuitiva que levou milhares de pessoas ao porão que talvez possamos dizer que o mundo não é perfeito e que as pessoas não vivem e sim, elas estão sempre passando por um estado de nostalgia que não devemos culpar e simplesmente ajudá-las, porque existe uma metamorfose em cada um de nós, construtiva e destrutiva, porque nada neste mundo é perfeito e sempre podemos variar como as estações, como estar na primavera de eventos ou quando estamos no inverno de melhorias na vida que se tornam uma dispersão de fatos entre ideias que ocorreu através das ocasiões moderadas da vida em que o homem é o produto de guerra e paz, com toda emoção controversa estabelecida na mente humana que pensamos e sentimos enquanto aprendemos e esquecemos de fazer certas coisas que talvez possam nos dizer o quão racional e irracional somos com nossa vida, que foi frustrado por uma overdose drástica esconder-se contra quatro paredes onde a segurança é a arma dos seres humanos e a insegurança é a incapacidade dos tolos que simplesmente não aprendem a ver a vida com mais clareza e a escola incapaz da sociedade, que está obscurecendo as mentes dos jovens, que necessariamente precisam educar-se em um contexto de vida e ser felizes, como sempre, socializar mais na lógica realista da coragem que a democracia é feita entre religiões e política, enquanto outros estão manchando as paredes da sociedade obscurecer a porta da corrupção no país que precisa de poder contra a generosidade de algumas pessoas que nunca são incertas sobre a vida sempre que acende uma contradição e um obstáculo para oprimir o cidadão em suas bases, enquanto a marginalidade domina o mundo, trancando-se na segunda sociedade que de não ver sua própria escravidão esculpida por um seguidor e um vasto sentimento pela falta de educação que faz o homem entender onde estão seus compromissos, que hoje são mais bem vendidos e adquiridos e são o produto do próprio homem que lamenta o que reúne à margem de pessoas estimadas e benevolentes que querem ver uma vida mais clara na qual acreditam que precisar de ajuda e ajudar alguém enquanto a sociedade não a vê como uma escola e se esconde em sua própria amargura que deriva da armadura insolente que é sempre nutrida e vivida em todas as prateleiras, em detrimento de outras pessoas que também podem desfrutar da boa vontade de alguém que quer ver o mundo prosperar se houver argumentos e destruições que possam fechar a escravidão real no mundo que esvazia solidamente preconceitos e normas humanitárias enquanto muitos estão no poder, violando os preconceitos raciais que todos os dias e todas as horas distorcem o caráter e a moralidade de qualquer cidadão negro ou homossexual que simplesmente vê a vida como talvez uma fantasia de se vestir como uma desejo feminino de idolatrar a beleza das mulheres com perseverança e fragilidade pessoal que poderia derivar de seus pais ou de um problema emocional carregado por um desequilíbrio mental de fantasias sociais, amizades sensuais predominantes jovens socialistas que veem a vida mais sofisticada nas idealizações da beleza e sempre jovens que penduram suas vidas como uma roleta russa com sua própria atitude, casando com sua imaginação, que é sua justificativa para certos propósitos e relacionamentos pessoais que estão lutando e sempre lutando ao longo do tempo sob certas formas, você deve vencer na vida como seu objetivo de estar sempre informado com a empresa, por exemplo equiparar seus passos como um dever que não valeu a sua felicidade, porque você acabou de aproveitar algumas fórmulas para viver e passar um tempo com certas ideias e fantasias sempre favoráveis como uma turnê em que sempre venceram e são vitoriosas no que diz que a lógica das coisas surge quando há coragem, entusiasmo pela vida, porque a vida é uma manifestação de ideias e fatos que ocorrem na vida cotidiana que chamamos de nostalgia elétrica, na qual podemos viver felizes e melhorar entre todas as existências e relações contraditórias que não são formalizados com a vida, que é simplesmente uma oposição, caráter, estado ou condição do que é oposto, do que é oposto ao relacionamento humano que chamamos simplesmente de apreciação da vida. Eu estava pensando em certas coisas que são inevitavelmente obstinadas por nossas emoções eufóricas que sempre buscamos entre dias e noites, prazeres de uma euforia que pode ser mais caracterizada por razões de aventuras que nos fazem procurar no mundo que é vasto e profundo de muitas maneiras e processos de ações em relação às nossas vontades que tentamos encontrar em certos lugares e pessoas uma explicação para nos conhecermos melhor porque temos em tudo o que existe a dinâmica e uma contradição para ver a vida de uma maneira mais leal e que o mundo não pode ser semelhante às nossas fantasias criadas quando tentamos chegar ao fim da melodia em que sempre vemos pessoas em nossas crenças favoráveis e fantásticas de que estamos curtindo todos os momentos da nossa vida e nem tudo é sempre o mesmo, porque é uma grande ilusão, porque a vida pode ser dramática demais em certas ocasiões em que as pessoas não têm a mesma igualdade para viver e procurar entre vocês uma renda melhor na qual quase todo mundo fica traumatizado pelas circunstâncias da vida que não querem se identificar com nossas ações que passamos despercebidas, porque a lógica seria a igualdade em todos você coisas e diz-se que o mundo não é perfeito e nem todas as mentes são iguais, porque estamos procurando algo superlativo, nossos desejos que buscamos dia e noite, quando estamos dispostos a conhecer e conquistar certas pessoas e certos lugares que são simplesmente ilusões que estamos experimentando tudo isso e mantendo como prova que nem tudo é igual, queremos que seja menos dramático, porque temos sentimentos baixos e não podemos dominar o ambiente ou a vida desfavorável, nossas melhores intenções, que replicamos com um simples gesto relaxado, que podemos dizer que as coisas não estão exatamente certas quando certamente não há amizade, porque estamos tentando alcançar uma vida diferente na qual nossos desejos de sair de casa com mentes superlativas e levemente negativas em uma sociedade que pode não ser ou não é tão abstrata e incomum é a hora ou o lugar certo para estabelecer apaga nossa vontade de que a sociedade pudesse de um fluxo socializado negativo tendo desviado nossa coragem, amor, amizade e relacionamento que poderiam, como se diz claramente serem mais lógicos, exaltados do que nossas intenções, que acabam sendo um alvo dispensável e se tornam emocionalmente contraditórios com a sociedade ou com pessoas sem humor, brilho, capacidade que eles não podem transmitir astral sobre nossas emoções, eles contraem a amargura da vida que não é honesta com nossas razões e intenções para poder dizer que não fomos suficientemente visualizados por alguém ou pela sociedade que nunca deixou de ser sublime e caótica a personalidade de alguém que vê o mundo melhor e que talvez permaneça por causa do relacionamento e do estado emocional que não pode diferenciar o equilíbrio emocional de alguém que está tentando aproveitar a vida e que está longe de qualquer paranoia que vem de alguém que pode não ser engraçado porque existem duas maneiras de agir com a responsabilidade de pensar em reconhecimento a sensação de que talvez possamos sobreviver em uma sociedade que não é tão alternativa à nossa vontade e que nossas distrações podem encontrar uma resposta sinceramente correta às nossas habilidades simples de que o mundo não pode ficar juntos porque o mundo não é fantástico, porque fantasiamos nossas ideias em uma sociedade que não é ou é uma alternativa e que está em um contexto em que existem diferentes maneiras de viver, porque talvez possamos obscurecer nossos melhores resultados e amizades.
Simplificando, quero dizer profundamente que o homem socializou de acordo com sua capacidade de viver e ganhar a vida porque, antes de tudo, passou por uma transformação socialista na qual talvez ele não pudesse se estabelecer e conter seu modelo de vida que ele próprio tinha que progredir e tudo isso começou a formalizar suas ideias e conseguiu estabelecer certas doutrinas e formas de comportamento na mera vida socialista.
 Eles estão conversando com uma coleção de artefatos que contribuíram para uma plenitude mais realista que hoje podemos distinguir como uma controvérsia na vida socialista que talvez esteja passando por uma classificação de ideias e emoções nas quais todos aqueles que nem sempre veem e veem a simplicidade vagou sobre os preconceitos humanos, que é a pura realidade que emana dos seres humanos que sempre adquirem uma espécie de luz clarividente do final do pouso, que sempre coloca aqueles claros e iluminados em saber que a vida não tem como ser modificada em comparação com a vida. Castigo severo e severo a uma pessoa realista e egoísta que sempre deprimiu o ser humano na vida em um ponto escuro e sombrio de ver na cobiça o poder devastador que a raiva tem sobre os mortais que sempre dissolviam as leis sobre certas doutrinas ao qual simplesmente não nos dedicaríamos. Nas margens da vida saliente que levamos adormecido pelas circunstâncias da vida que parecem feitas para nos acordar e simplesmente nos fazer sofrer Para entender e adquirir a ideia de que estamos caminhando e indo de acordo com nossas intenções, devido aos sentimentos fracos, caímos em depressão nas margens da vida numa realidade avassaladora de repressão e ser feliz, como se diz que o amor, a conquista e o prazer do amor estão em certos modos de vida abençoada.
Quero falar sobre uma conquista do amor que poderíamos dizer com razão que simplificaríamos com carinho e amor a natureza de um ser humano que, devido a desequilíbrios, é incapaz de se aperfeiçoar para certos propósitos, porque ele tem uma natureza muito obstinada aos direitos de sobrevivência humana de alguém para ver a vida talvez em declínio e uma sublimação de certas empresas que sempre encontram na vida certos preconceitos ou ideias que não acabam a critério de outras que simplesmente absorvem essa natureza como conquista e vitória de uma emoção que foram feitos esforços nas realidades da vida em tais preconceitos e opressões de amor e ódio que a sociedade pode não ser capaz de entender se não passou no mesmo teste de sobrevivência que vemos com certeza todas as conclusões da vida serem submetidas a esses pedidos de obrigação que devem ser impostos aos deveres do dia para mostrar como é a vida secreta e privada de alguém e está sempre tirando do fundo do frasco certos entendimentos que nada têm a ver com a liberdade natural que a vida nos mostra que chamamos de céu socializado em regras de poder e justiça que podemos chamar de classe superlativa e dominação social sobre o meio ambiente. Pensar e agir no mundo que pode ser teimoso com a nossa ganância de que tudo está feito e há uma contribuição socializada da nossa vontade de ser o que queremos e adquirir o que fazemos, porque o mundo é uma predominância de fatos e ideias que ocorreram drasticamente em nossos impulsos de ganhar ou perder para nos dar uma ideia do que estamos fazendo em nossas vidas, que classificamos em nossas ações diárias por um tempo que nos ensinará a ser coerentes com nossas vidas e desastrosos com nossa vontade, porque tudo está contido como um triângulo socialista no qual as classes se envolvem em certos exercícios e obras que favorecem a vida e a nossa razão de viver, porque somos idealizados por nossas conquistas, fantasias e sonhos que nos fazem pensar que a vida pode nos completar com certos prazeres da vida. Vida, conquistando e construindo como uma melodia estática e motivo de tudo na vida que leva nosso entendimento à constante sabedoria de pensamento progressivo de criar algo de valor e substância para nossas vidas como uma máquina que nutriremos em cada objeto ou sistematicamente uma ação criativa de nossas vidas que pode ser o verdadeiro valor de nossas vidas que podemos usar como veículo constitucional para nossas ações de valores , poder, resistência toda a vida, como tal, transformou todas as nossas criações em um mundo fantástico e duradouro que prosperará no futuro como uma dinâmica de nossos pensamentos e sonhos, que transformamos nossos sonhos em realidade, que nossa imaginação de ver mundo que sempre revela algo superficial sobre nós com teorias talvez sentimentais falsas em uma fração de pensamento que talvez possa mudar o mundo ou criar algo substancial na vida moderna como raízes secundárias de uma nova estação na qual o homem possa ter dominação sobre seus artifícios que deslumbram nos sonhos e fantasias da juventude que podem nos guiar futuro como uma arca de prazeres e o poder da criação, que diz respeito à relatividade dos contos de fadas e às funções da vida e que dá origem a certas criações, imagens e realizações que, em última análise, esclareceram todas as formas de poder do mundo nos relacionamentos. positivo e racional por causa do crescimento idealista do ser humano em seus aspectos mais desejáveis de ver e conquistar a vida e seus limites como uma emanação de certas cerimônias de conhecimento que poderíamos classificar como a quinta essência e a oitava maravilha da vida ser extraordinário e de grande capacidade para o homem moderno que tem o objetivo de ver a vida pensar no futuro como o primeiro lugar e classe a avaliar seus movimentos que a sociedade não pode ver hoje como no passado, que sempre nos tem formalizou de certas maneiras, em descobertas incríveis, que o homem também poderia ter em seu papel um grande desenvolvimento industrial no qual a engenharia poderia estar. hoje, mais surpreendente do que no passado, que podemos dizer que o homem era a lua e conquistou o universo, ensinando-nos teoricamente seus aspectos e suas estações, em certas e relevantes transformações que foram registradas até agora a passagem do homem na terra que somos mestres e estudantes de várias metafísicas e morfologias que a ciência está enfrentando no contexto da reação de subsistência do homem na Terra, em uma variedade superlativa de deveres extraordinários que a mecânica da vida sempre exige em suas frívolas alquimias frívolas que nos consagram conscientemente de uma nova hera onde são feitas coisas diferentes que podem esconder nossa existência em certos períodos e ocasiões, criando nossas vidas na Terra e seus elementos que são basicamente usados como produtos químicos para algumas indústrias que popularizaram nossas realizações e fizeram negocie a melhor empresa de vendas de todos os países que descrevemos como química de todas as coisas ou espírito e alma da vida que nos dá melhores núcleos de nossa relatividade com a terra e com a vida que estabelece um papel importante em nosso planeta, que ainda nos sentimos surpresos por suas amplas variedades elementares em toda a natureza, com homem como descobridor da vida em seus objetivos de vida e morre como uma relação entre a vida e a morte como um, Como alternativa à maturação do homem na vida, tentamos aprofundar todas as reações e relações socialistas que atestam o ser humano sobre sua metamorfose e estímulo que o fizeram crescer, desenvolver e criar algumas maneiras de progredir socialmente na vida que poderiam ser um tormento como sempre apresentado ou suas reações naturais a naturezas opostas que sempre desafiaram a inteligência sobre os sentimentos e pensamentos do ser humano que sempre lutou e reagiu como combatentes em uma arena mais ou menos simples de conquistar, o que é sob a definição e o ponto de trabalho do homem idealista, sonhador e trabalhador que sempre viu a vida como uma escola de aprendizado em que seu papel sempre foi o de desempenhar sua natureza sentimental até o ponto mais duradouro de restaurar um a imaginação da vida em seus aspectos que talvez a educação sempre exilou como mandamento e classificação socializada em um circuito o fundamentalista do homem na vida e na vida no homem que hoje podemos ver e ouvir suas ideias é o suficiente dos criativos que geraram poder sobre suas conquistas que o beneficiaram a prosperar no mundo das imaginações e criações de seus mesma mente, permanecendo sua imagem de conquistador que sempre foi preservada como lembrança de um resultado e criações de infinitos papéis superlativos na sociedade que vemos hoje como a natureza das coisas que sempre dão vida a certas maneiras de conhecer todos os detalhes e qualidades que chamamos natureza social que classificamos em certas ideias de nossos pensamentos que formalizamos como tema da criação, nas quais procuramos as letras ou poemas no verso das transformações químicas que tomaram forma em fórmulas materiais que chamamos de criações mentais que foram preservadas e que serão usadas na assistência social que temos na lógica de que a compreensão do homem sempre teve que cultivar suas sementes para poder estabelecer certas funções na vida dura que pode resultar de uma máquina criada em um vapor de água transformado em vento, que na física podemos distinguir suas capacidades, funções e medidas que devemos explorar para criar algo que seja satisfatório para o homem que vê a ciência como um produto da vida que estabelece certos padrões científicos que seremos capazes de obter o melhor funcionamento de uma máquina ou variedade quando eles puderem variar entre diferentes aspectos naturais, como quatro elementos da natureza como o ar. a água e o fogo que são absorvidos e espalhados na ocasião da vida em que seremos capazes de explorar todos os fluxos que uma criação que tenha sido transformada em nossos corpos ou materiais e materiais que exploraram nossas vidas e que temos capaz de conquistar plenamente sua intensidade ou eternidade como um transformador de energias e materiais físicos que se transformaram em algo substancial, a vida do homem é baseada em um exemplo de criação que, na lógica e no campo da ciência, tudo está completo e também vem projetado como sentimento pode criar ou sentir e também o pensamento pode dar continuidade e aspectos diferentes em suas transformações, como também podemos classificar a vida em uma variedade de tempos que passariam por um efeito elétrico, transformado em matéria ou espírito que se origina da mais pequena fração de um elemento em um elemento que forma a vida, permanecendo na existência e subsistência da criação na qual o homem ou é o resultado da criação em que a natureza dá seus elementos classificados que chamamos de relatividades da vida em que toda a existência se baseia em certos fundamentos da construção da vida, com o homem criativo que conhece a vida e a existência do homem em quem socializaremos seus meios cultural e socialista como exemplo de transformações e criações da relatividade pessoal e cultural, nas quais podemos entender a verdadeira história do homem nascido, vivido e morto em uma socialização de fatos e criações de sua vida, deixando a conquista do homem na terra como exemplo de construção e evolução da existência socializada na vida como educação, trabalho e conhecimento dos quais falaremos da maturação e criação do homem na terra.
Antes de tudo, quero falar sobre um sonho que conta uma história fabulosamente fantástica de um fantasma que foi consagrado entre alguns diretores e continuará sendo escrito como uma lição de cinema, juntamente com a psicanálise formalizada em muitos e que contou sua história decifrando tudo como isso deve acontecer e acontecer em cenários, filmes e longas-metragens em que seu papel é simplesmente fabuloso para mostrar o modelo prescrito que é ensinado e destinado a incentivar o cinema brasileiro e norte-americano a traçar seus próprios sermões  e habilidades intelectuais de grandes atores e diretores que veem a vida contagiosa por uma metamorfose de primeira classe e que segue os padrões do fantasma do paraíso que sempre se protegeu e viveu seus dramas e ações em sua vida cotidiana, deixando-se por trás do cinema e estudando contratempos outros especialistas de um pôster e da era do Oscar que hoje fazem do cinema os melhores produtores e atores do mundo em geral, que confiam no futuro do cinema mundial por sua qualidade e capacidade de dinamizar na psicanálise se estabelecer e ser capaz de fazer um filme real como o melhor diretor ou professor de estudos.
Hoje estamos em um mundo mais moderno, com tantas criações geradas por sonhos e fantasias que nos revelam através de circunstâncias emocionais e diferentes fantasias nas quais o homem de hoje está em uma metamorfose com um revés imutável de luz que pode levá-los a um passado mais sofisticado de inúmeras substâncias produtivas para o futuro que tomamos na primeira classe e que mantemos como a quinta essência para transferir e transmutar diferentes ideias antigas de uma época que nos revelará um objetivo mais amplo e sem medo de nossas habilidades. Natural e essencial que, por ordem da natureza benéfica, nos reconciliemos com o passo eterno de uma visão mágica e ocidental, a sociedade antiga, simples e inesquecível, na qual tudo começou com grandes criações de cineastas estrangeiros e brasileiros, em extrema recuperação da variedade de coisas criadas para o simples prazer de quem constrói seus laços com um entendimento, uma vida cultural e destinado a seguir com mais eficiência uma conduta pessoal e mais moderna na qual um jogo se torna o melhor jogo de ganhos responsável pela sorte e qualifica-se para o futuro sem temer que, com sua grandeza, tudo para envelhecer tenha se tornado mais moderno e melhor, com as condições mais estudadas e qualificadas para o eterno passo da humanidade.
Acredito que hoje somos mais transformados por uma condição e um fascínio que temos pela vida diante de uma arca dos sonhos, a mera classe cultural criativa e destemida de diferentes viajantes do tempo e criadores secretos e populares de uma relatividade pessoal a circunstâncias simples que eu sou um produto da vida e seu papel é sempre designado como uma vitrine de belos jovens e iguais diretores de cinema que se expõem para contar diferentes histórias fascinantes da vida com uma lógica destinada a exposições bem coordenadas e com curadoria psicológica para restaurar e mover uma audiência mundial em encontrar e ver a vida sempre sombria com tantas fascinações, dramas, suspense, romances, ação e assim por diante, sendo toda a relatividade motivada por belas e belas imagens cinematográficas com contratempos e opostos que são interpretados por belos atores e linda com suas roupas modernas e velhas que nos fazem rir, chorar e como condição emocional de nossa discrepância os sentimentos que são trazidos ao charme e à loucura que nos fazem ressoar e entender as realidades mais construtivas da própria vida que sempre temos sonhamos e desequilibramos nossos comportamentos de tempos em tempos por vários atos e fantasias gerados pela juventude através de um fator psíquico É lógico que chamamos sonhadores dramáticos e substanciais da vida em um passatempo consciente de nossas mentes que estão sempre em um estado de graça ou mentalizados pela vida em que um propósito é pretendido como uma condição das relações da vida cotidiana em que são compostas de diferentes resultados morais e substancial para formar um conjunto de ideias, tudo o que se adapta à vida, limitado às mudanças e subordinações do tempo que sempre continuam, como sempre, com mentes cheias e vazias e que estão e têm muita certeza das verdadeiras linhas guia da vida.
Digamos francamente que a guerra é o produto da paz, porque em tudo e em tudo o que fazemos combinamos uma aglomeração de histórias de romances, filmes e séries em uma estratégia perfeita em que o bem sempre acaba dominando o mal, como sempre o mal termina sempre dominou o bem, sendo tudo numa formulação e violação de uma lógica e de um roteiro dramaticamente criado por diretores que buscam uma simplicidade para atrair o público com uma noção sentimental na qual são feitas duas classificações entre dois atores guiados e trocados por ter uma celebridade em mãos e o encanto do público motivado pelas cenas drasticamente narradas que praticam o papel destemido do amor cego que separa o ódio bom e destrutivo que separa o mal que simplificamos na teoria e na psicanálise que nem tudo é igual, porque há um fator que eu quero dizer que é pouco disciplinado e romântico para uma combinação de ideias formadas, você e elaborado cinematicamente por dois termos na frente de uma piada.
Em uma prisão variada, a percepção do amor em conjunto é um ódio que sempre contrasta com as bases diretivas criadas no conjunto de ideias culturais a serem lançadas no grande ou pequeno intervalo de tempo para serem fatos substanciais e morais, como expliquei que estou sempre a relatividade com a vida cotidiana, porque eles fazem parte de nossos costumes, propósitos e relacionamentos pessoais que governam a vida, com tudo o que resta em uma fração de tempo mais curta como um átomo que designa seu papel elementar na vida do ser humano.
Existem fatores medidos e desequilibrados em nossas vidas que nos projetam inextricavelmente, talvez como um filme em que criamos, elaboramos na mente e projetamos simplesmente a partir de uma circunferência da existência da vida que corre tanto depois da morte que é todo o nosso drama vivido entre nossas mídias sociais. Entre nossas vidas e para a vida há uma circunferência que nos estabelece ideias fabulosas e em tudo e com tudo há a reação de nossas naturezas sentimentais que são culturalmente simbolizadas por nossa alma que se projeta como uma câmera de filme para filmar e projetar suas ideias como diretor busca seus sonhos fascinantes equilibrados por uma fantasia, experimentando consigo mesmo as noções de sua vida cotidiana como um filme criativo orientado pelas circunstâncias para equilibrar os desequilíbrios e desequilíbrios da vida em representar o bem e o mal para recitar seus dramas, ações, romances, etc.
Acredito que o passado de hoje talvez possa ser uma reconstrução mais perfeita e brilhante de nossas criações, porque foi um centro mais escolar e produtivo que nos moldou a partir de uma classe de ideias muito bem relacionadas ao futuro que estamos vivendo hoje e fazemos os melhores cinemas e filmes mundiais no filme colorido em que enlouquecemos e criamos máquinas extraordinárias e extraordinárias e dispositivos de última geração para tornar a vida uma escala mais realista, cheia de imagens que proporcionam mais vidas e criações de um passado que foi mantido em um futuro imaginário com diferentes artistas e diretores que nos mostram e mostram a vida em cores, pois é mais realista, formidável e bonito para um público que talvez sempre amou e capturou por si mesmo e tem seu passado colado em preto e branco e hoje, combinamos e semeamos a vida com o futuro simplificou e determinou um passo da eternidade como nos filmes de cinema que sempre mostrado como uma emanação A vida que é simplificada e exercida pelo homem que hoje está quase lá domina e faz tudo o que há de melhor para um sonho que nos constrói a melhor felicidade e amor pela vida.
Hoje lembramos e comemoramos porque temos os melhores produtores e criadores de filmes do mundo, como Hollywood, Rede Globo e outros que são maravilhosos e extraordinários centros e programas culturais em todo o mundo, que apreciam filmes preciosos de diferentes gêneros que são a verdadeira eletricidade do mundo. Nossa vida e nos leva a várias retrospectivas, perspectivas de uma lista de eventos que ocorreram, programas, séries e filmes que cobrem o mundo inteiro devido a projetos educacionais e cinematográficos ao redor do mundo que nos tornam conhecido de um lado claro e O obscuro da vida sempre nos mostra uma condição e uma produção criadas e formatadas por belos cientistas que dão suas sugestões e ajuda à cultura e belos historiadores que dão seus estudos como prova de fraternidade aos grandes idealistas e diretores de uma época que eles sempre marcaram a vida que tiveram sem contradições. O tempo nos levou e hoje eles foram exercidos como um compromisso com uma trajetória fundamentalista dos herdeiros do trono, porque muitos já deixaram e deixaram grandes fábulas e uma memória eterna de grandes atores que marcaram o tempo até hoje e vários diretores que também contribuímos e permanecemos em nossas memórias e, ainda hoje, novos e melhores diretores da melhor qualidade, exercendo um compromisso em todo o mundo com todos com o objetivo construtivo de fazer do cinema norte-americano e brasileiro os melhores cinemas do mundo que o tempo nunca esquecerá porque eles permaneceram como sempre em algum lugar como talvez uma melodia do tempo e que essa melodia é uma projeção mais parecida com a cinematografia, não importa o quanto a ciência nos veja, porque se diz que as estrelas não morrem porque permanecem sempre vivas em um lugar diferente, além de um tesouro precioso guardado por um fantasma indivisível do paraíso em defesa de um passado remoto e com uma grande trajetória salvar, ensina a mostrar no final tudo e com tudo como fazer um tempo, não importa quanto tempo o fantasma imortalizado do paraíso permaneça na Tempestade e tudo já lhe tenha mostrado.
Eu quero falar sobre uma história que talvez possamos glorificar, porque é uma história verdadeira baseada em fatos reais que é fantástica e fala sobre um jovem metaleiro que tem  dedicado à verdadeira alquimia e estudou o nascimento de uma geração de metal em que o Blues e o Jazz, que falam de toda a história do rock americano, começaram em meados dos anos 50 e hoje fazem parte de um movimento artístico mundial que chama milhões de fãs para shows em todos os países do mundo, porque na verdade é uma revolução juvenil que hoje podemos dizer que tudo se tornou geral e devemos confraternizar nossas vidas com mais harmonia, que é a nossa satisfação entre brasileiros e estrangeiros que podemos fazer e contar sinceramente a história deles.
Nova York 4 de janeiro de 1972 quando todas as circunferências da música americana começaram a se unir na qual se estabeleceu uma grande transformação do blues e do jazz na alquimia musical que continha as melhores músicas de um grande momento. Sempre me interessei em entender a origem dos eventos desde demonstrações de comportamento humano e origens psíquicas até os movimentos artísticos que mais me emocionam. Entre as expressões musicais de grande interesse durante a minha vida adulta havia blues e mais tarde jazz, estilos musicais americanos que atuam como veículos para demonstrar o mais íntimo que a alma humana pode expressar. Como muitos no entanto e sempre tive a dificuldade de separar essas duas línguas e entender cada uma delas independentemente embora entendesse que a relação entre elas era melhor e continua sendo de uma conexão intensa.
Para entender a origem do blues precisamos necessariamente voltar ao início do século XVIII durante o grande despertar religioso americano Esse momento de maior união religiosa entre as raças é de fundamental importância histórica, pois finalmente oferece à população negra um espaço para celebração religiosa nas igrejas católicas, ainda que segregadas. Nos cultos os escravos negros tinham um espaço para dançar e cantar de uma maneira que se referia às suas formas africanas de celebração que haviam sido cortadas no novo mundo. Essa prática deu origem a um estilo musical emocional e introspectivo que teria influenciado o Blues durante seu desenvolvimento. Hoje estamos à frente de um novo tempo em que podemos entender por que duas classes musicais que, desde que são bem definidas, depois de um tempo simplesmente se transformaram em um absinto musical em que tudo e tudo foram absorvidos, criando uma verdadeira bateria musical. Projetando para o futuro quando tudo começou como se todas as histórias fossem sempre. Nesta semana lembramos de vários artistas que morreram, mas que deixaram grandes legados musicais. Aproveitando o clima do dia do rock, descubra rapidamente a história de onde tudo começou. Nasceu como uma maneira de expressar sentimentos e transmitir o vigor de um adolescente e uma idade. Desde a sua criação, o rock passou por várias mudanças e hoje o que é rock para um pode não ser para outro e vice-versa. Rock é um termo global que determina um gênero musical que nasceu em meados dos anos 50. De fato, o rock tem em suas origens descendentes do blues, uma pitada de country, um pouco de Rhythm And Blues, entre outras influências como Folk, jazz e, claro, música clássica. O ritmo era considerado uma versão mais agressiva do blues, o Rhythm And Blues foi aperfeiçoado pela necessidade de os cantores serem ouvidos nos locais onde tocavam, uma vez que os sons de instrumentos elétricos exigiam uma música mais gritada. Para a consolidação da primeira forma de rock - Rock'In Roll - houve também o cruzamento com a música branca, chamada country e western (música rural dos EUA). Na época, os mais atingidos pelo Rock'In Roll foram os jovens dos Estados Unidos, que estavam no meio da Guerra da Coréia em 1950. A nova forma de expressão foi chamada aos jovens como rebeldes sem causa. Diante da insatisfação do sistema cultural, as pessoas começaram a usar a música, precisamente o rock, como um canal para expor ideias. Grandes artistas começaram a surgir nesta fase. A evolução musical também ocorreu em diferentes estilos, gêneros e subgêneros, todos classificados de acordo com hoje por um aviso aos jovens, nos quais sentem uma grande crise que enfraqueceu suas mentes com o retorno de uma nova geração até hoje chamada geração Coca. -Lá. Cola em todo o mundo para aumentar o poder nos cinemas com faixas sonoras e instrumentais, onde hoje o mercado de discos e videografias alcançou a maior taxa de vendas em todo o país, que hoje produz as melhores baladas musicais do Brasil que chamamos simplesmente de rock no Rio, que trouxe vários fenômenos do rock internacional para tocar no Rio de Janeiro, criando grandes e exemplares festivais de música de metal nos quais foi estabelecido e incentivou muitos artistas e jovens de uma geração prodigiosa que prevaleceu nas classes sociais até hoje a arte musical e baladas de músicas instrumentais que fizeram com suas críticas e músicas que levaram o mundo a mudar a sociedade que vive hoje seus piores momentos de vida devido à educação no país, economia e equilíbrio emocional devido a reconstituições presidenciais que nem sempre estabelecem o dever de os outros e o compromisso com a sociedade, que são exemplos diários de grandes duelos de dor do passado que serão registrados na história em que a política não é feita honestamente, mas talvez possamos dizer que a música tenha sido útil para destacar a dor e o sofrimento social dos jovens de todos os países que têm um pouco de religião em tudo que preserva o otimismo democrático em cada país, tornando todos e todos socializados por uma psicologia dinâmica, contrária ao som, música, ritmo e palavras de ensino de textos que com grandes influências musicais mudaram as mentes das pessoas que sempre andavam atrás da vida.
Talvez sejamos mais fortes e modernizados por uma partitura que inevitavelmente formalizou em vários artistas para mostrar sua origem, atmosfera e modernidade em que sempre dizemos que o rock nunca morre porque é com isso que simplesmente criamos algo completo que pode nos falar do paraíso que simbolicamente nos mostra talvez o diabo e o inferno por sua manifestação, os textos e as baladas que, no todo e em todos, nunca criaremos o crepúsculo de nossa era porque estamos em um círculo talvez elétrico que não nos deixa morrer e morrer porque podemos simplesmente mudar o mundo e, talvez, as coisas que podem dar a nossa volta, possamos sonhar com o futuro do nosso planeta e talvez possamos entender que nossas qualificações simplesmente não são psicologicamente motivadas pelo som de que um dia poderemos dizer o que faremos e ressuscitar vida se morrermos, porque em tudo seremos mais do que as estrelas que exploram o espaço, o ritmo de uma música bem tocada para o nosso espaço temporal e música que nos tornaram fiéis e que no futuro podemos encontrar o verdadeiro paraíso em nossa vida sendo amaldiçoados com ferro, metal e fogo. O Rock In Roll é tão largo quanto um trilho de trem, onde o carro rola ao longo de cada trilho por um tempo de e para o presente, passado e futuro, sem medo de que nunca possamos esquecer a luz brilhante da vida em que as portas e portais das pessoas estão azul e aberto e sempre um caminho de vida e morte que querem nos dizer o quanto podemos elevar nossos laços entre os espaços à beira do homem que mora diante dessa ressonância do universo em que nossos instrumentos fazem a mesma música e pulsam, gravitacional e equivalente a mais ou menos tudo o que resta para nossos entendimentos e manipulações de que a base é criar, tocar e gravar músicas diferentes que podemos dizer quanto valem nossos paraísos que fluem com prazer e tudo pode ser alinhado e fluir como um fluxo elétrico e vibracional que tudo pode ser imaginado, brotando e crescendo como uma semente de ouro em um terreno cercado por seis cordas de aço, onde subimos as escadas para esse fim Para favorecer o som que foi criado a luz para nos distanciarmos das trevas da escuridão e em toda harmonia, experimentaremos a bela música que falou de nossa vida, amor e um passado feliz que chamamos de Rock In The Sky, que sempre diz o amor é simplesmente a chave para sair do escuro e, com tudo isso, permaneceremos jovens ao som, porque o som é a vida harmoniosa na qual podemos viver, cantar e ser eternamente felizes. Fique tudo por uma história de rock e baseado na fantástica história de um metaleiro. Um grande abraço a todos os meus leitores!
Quero retratar e falar sobre uma história que poderíamos dizer simplesmente que a passagem do homem na lua pode ser uma das melhores realizações em que o ser humano se tornou o melhor descobridor nos estudos espaciais que ajudaram a humanidade a entender a origem e a metamorfose de uma vida que suspeitamos que ainda exista vida na lua em que a astronomia foi desenvolvida para melhorar a vida do nosso planeta, onde mantemos essa história como um centro fundamental do progresso do homem na vida, que descrevemos com muito amor e o respeito pela capacidade de ser humano de suportar e superar, entre vários estudos e tragédias, uma preciosa descoberta para o mundo, na qual podemos dizer que foram os deuses do céu chamados astronautas que simplesmente deram a vida para nos mostrar o outro mundo. Planetas, galáxias, estrelas que podemos dizer que fora criaremos a possibilidade de viver em outras superfícies que um dia, talvez no futuro, nos encontraremos em verdade outro paraíso onde podemos chamar o reino de Deus e as fronteiras celestes onde podemos viver e sonhar nossas existências e que a vida na terra será melhor e apreciaremos o mundo que ainda estamos aprendendo com ele para ser mais  em espaços.
 ASTRONAUTA DE MÁRMORE
Digamos que estou vivendo em todos os momentos da minha vida uma lógica para encontrar uma maneira que me leve para casa, porque me parece que estou andando em círculo em um deserto poeirento que não consigo respirar com minhas roupas que estão me defendendo contra a ionosfera e aqui a gravidade é lunar, o que parece dizer que estou andando nas estrelas e sonhando acordado com o vazio em que estou inesperadamente confuso se voltar à minha casa porque há tantas estradas que me sinto perdida no espaço que sempre procurei como existe um sonho para mostrar ao mundo que eu poderia pisar na lua quando deixasse minha bandeira presa ao lado de mostrar meu planeta que existe acima de nós planetas, estrelas e estrelas que podem nos dizer o quanto precisamos aprender para avaliar nossa vida e melhoramos nosso planeta, que está passando por inúmeras consequências climáticas devido ao desmatamento que causa biodiversidade na vida dos animais e florestas c eles são atacados pela flora e fauna causadas pelo homem que quer industrializar a natureza que emana vida de nossas casas e de todos os planetas através da ganância que está colocando em risco a vida de nosso planeta e nós que andamos acima das nuvens ou o que dizemos bem dessas distorções que também deprimem nosso espaço funciona nas estrelas e planetas que podemos transmutar e transformar melhor nosso planeta e defendê-lo do perigo que aflige a humanidade que passa despercebida e não tem educação sobre si mesma e sempre desmoraliza o que Deus fez para colocar em perigo e angústia muitas pessoas que não são como você e que amam viver e amar seu planeta e querem escapar naturalmente sem tantas criações destrutivas que não são e estão na base e nas construções nas quais experimentamos o que que somos e aprendemos com a vida e com as consequências, talvez devam sempre mostrar suas deficiências na planta terrestre em que a natureza persiste mais não pode mais suportar a mesma aberração no desmatamento que acumulou a camada de ozônio no fundo do poço para aquecer o sol que poderia nos matar e nos dar luz para trabalhar todas as planícies em construção para vitalizar e construir vida na terra juntamente com a ação que vem das chuvas em camadas de água que se tornam nuvens na terra para enriquecer os bosques e florestas e saciar a sede social da comunidade que vive fracamente um eixo desenfreado que, devido à desconstrução causada pelo homem que desmatou a floresta para vender madeira quando o sol queima repentinamente o solo que queima em territórios que foram danificados pela erosão da terra, onde poderiam sofrer e colapsar quando a chuva cai em um inverno intenso e implacável, que será vítima de suas circunstâncias devido da flora que favoreceu as inundações e mudou a camada sólida de terra que a distorceu mortalmente como um risco social. O subterrâneo atingindo, uma tragédia que desmoronou casas e apartamentos como uma vasta erosão na qual a natureza muda seus ritmos ao longo do tempo em uma transformação em rocha geológica e solo arenoso em inundações de rios, lagos, represas que transbordavam na superfície da terra causando uma inundação real em que quase todo mundo morreu pela simplicidade e pelo abandono para respeitar a vida e a natureza está vivo e retorna à sua passagem na destruição, enquanto se afasta de casa, melhorando o espaço para o qual estamos muito longe, talvez, de voltar e poderemos caminhar outras coisas que não são vistas aqui na terra e aprendemos com silêncio a avaliar nossas vidas que mostraremos sinceramente o que aprendemos para que todos entendam que o erro pode ser nosso e que permanecemos aqui na terra diferenciando as boas intenções de outros que eles realmente não sabem viver, porque eu lhes digo que eles vivem perdidos no tempo, que um dia temos que saber o quanto eles podem fazemos e sempre prestamos o melhor serviço possível para mudar a vida de nosso planeta sem tanta fauna e flora que quero dizer que minha biologia sempre me manteve na frente da minha vida que, quando nasci e cresci, vi esse planeta se consolidar e dê-me tudo em que os homens procuravam um capitalismo mal exercitado, que ele próprio se afasta entre mentes vazias socializadas pelo poder da ganância que sempre foi distraído por suas próprias diminuições como homem que eu já estava pisando na lua, não querendo enganar e desvalorizar o raciocínio de pessoas que podem nem saber se éramos a lua mais segura do que provavelmente passamos essas informações bem-sucedidas e que muitas pessoas socializaram pensando que não podíamos subir tão alto que explicamos as estrelas como elas são simples e que existe outro mundo que nos faz parar no tempo e pensar que somos ou até pequenos viajantes, em vez de pobres sonhadores que querem ver o mundo talvez melhor se contiverem a ganância, porque acredito que ainda podemos ser melhores e melhores amigos aqui na terra, que faremos as coisas acontecerem como uma fantasia de querer desfrutar e ganhar algo para melhorar sem tanta destruição em nossas casas que em alguns anos seremos capazes de avaliar o que ainda existe e o mundo prevalecerá sobre as grandes riquezas que seremos capazes de mostrar de perto seu valor vital e que a agricultura, a industrialização não causou tantos atributos nas margens da vida, porque o mundo sempre nos consolidará em seus valores que nós os experimentamos e entendemos de cima para baixo e podemos realmente conquistar nosso mundo.
Digamos que estou vivendo em todos os momentos da minha vida uma lógica para encontrar uma maneira que me leve para casa, porque me parece que estou andando em círculo em um deserto poeirento que não consigo respirar com minhas roupas que estão me defendendo contra a ionosfera e aqui a gravidade é lunar, o que parece dizer que estou andando nas estrelas e sonhando acordado com o vazio em que estou inesperadamente confuso se voltar à minha casa porque há tantas estradas que me sinto perdida no espaço que sempre procurei como existe um sonho para mostrar ao mundo que eu seria capaz de pisar na lua quando deixasse minha bandeira presa ao meu lado para mostrar meu planeta que existe acima de nós planetas, estrelas e estrelas que podem nos dizer o quanto precisamos aprender para avaliar a nossa vida e melhoramos nosso planeta que está sofrendo inúmeras consequências climáticas, consequentemente as do desmatamento que causa biodiversidade na vida dos animais e florestas que são atacadas pela flora e fauna causadas pelo homem que quer industrializar a natureza que emana vida de nossas casas e de todo o planeta através da ganância que está colocando vida em nosso planeta em perigo e nós que andamos acima das nuvens, o que dizemos sobre essas distorções que também deprimem nosso espaço funciona nas estrelas e planetas que podemos transmutar e transformar melhor nosso planeta e defendê-lo do perigo que aflige a humanidade que passa, é despercebido e não tem educação sobre si mesmo e sempre desmoraliza o que Deus fez para colocar a vida de muitas pessoas que não são como você e que amam viver e amar seu planeta em sofrimento e perigo e querem escapar naturalmente sem tantas criações destrutivas que não são e estão em bases e construções nas quais experimentamos o que somos e aprendemos com a vida e as consequências talvez devam sempre mostrar suas deficiências da planta terrestre na qual a própria natureza não pode mais suportar tanta aberração do desmatamento que a camada de ozônio se acumulou no fundo do poço, aquecendo o sol que poderia nos matar e nos dar luz para trabalhar todas as planícies em construção para vitalizar e construir vida na Terra juntamente com a ação que vem das chuvas em camadas de água que se tornam nuvens na terra para enriquecer as florestas e florestas e saciar a sede social da comunidade que vive fracamente em um eixo irrestrito que causa a desconstrução causada pelo homem que desmatou a floresta para vender madeira, quando o sol queima repentinamente o solo que queima em territórios danificados pela erosão na terra onde talvez sob as casas ela possa ser descarregada e colapsar quando a chuva cair de um inverno intenso e cruel que será vítima de sua circunstâncias devidas à flora que favoreceu as inundações e apenas alterou o estrato da terra que havia distorcido mortalmente erosão o subsolo atingindo uma casa de tragédia em ruínas e apartamentos como uma vasta erosão na qual a natureza muda seus ritmos com o passar do tempo e tentaremos voltar no tempo como talvez uma máquina do tempo que nos transcreva tudo o que é aconteceu antes de podermos formalizar e nos preparar para o futuro sem nenhuma fraqueza de riscos, porque estaremos nas estrelas e planetas onde aprenderemos a consolidar melhor nosso planeta que transformaremos essa alquimia na qual pensaremos em construir a vida em uma contradição mais realista permanecer vivo em combate por toda a vida.

Com o tempo, prescrevemos astronomia e astrologia e o que acontece dentro dela com um poderoso objetivo de mostrar que o mundo sempre pode mudar e mudar com base em suas rotações e traduções, e o poder cósmico universal sempre nos levou profundamente prescrever a teoria da vida mais versada na qual podemos mostrar tanto a consciência humana entre sua psique emocional em relação à vida quanto as transformações do subconsciente da mente humana sobre fatores conscientes que influenciaram a corda bamba do corpo, sociedade que está sempre moldando grandes pretextos para formalizar um ao outro e desvalorizar muitas das influências negativas grosseiras de viver na consciência humana que simplesmente desvalorizam o lado positivo da vida em que as posições relativas dos corpos celestes poderiam fornecer informações sobre personalidade, relacionamentos questões humanas e outras relacionadas à vida humana. É, como tal, uma atividade divinatória, quando usada como um oráculo, mas também pode ser usada como uma ferramenta para entender as personalidades humanas.
Astronomia é uma ciência natural que estuda corpos
celestes (como estrelas, planetas, cometas, nebulosas, aglomerados de estrelas, galáxias) e fenômenos que se originam fora da atmosfera da Terra (como radiação cósmica de fundo em microondas). Preocupado com a evolução, física, química e movimento de objetos celestes, bem como a formação e desenvolvimento do universo.
A astronomia é uma das ciências mais antigas. As culturas pré-históricas registraram vários artefatos astronômicos, como Stonehenge, as colinas de Newgrange e os menires. Civilizações antigas, como os babilônios, gregos, chineses, indianos, iranianos e maias, fizeram observações metódicas do céu noturno. No entanto, a invenção do telescópio permitiu o desenvolvimento da astronomia moderna. Historicamente, a astronomia inclui disciplinas tão diversas quanto astrometria, navegação astronômica, astronomia observacional e o desenvolvimento de calendários. Durante o período medieval, seu estudo era obrigatório e foi incluído naquilo que, juntamente com a metodologia de ensino das sete artes liberais, o incluía.
Durante o século XX, o campo da astronomia profissional foi dividido em dois ramos: astronomia teórica e teórica. O primeiro é focado na aquisição de dados a partir da observação de objetos celestes, que são então analisados usando os princípios básicos da física. O segundo é voltado para o desenvolvimento de modelos analíticos que descrevem objetos e fenômenos astronômicos. Os dois campos se complementam, com a astronomia teórica tentando explicar os resultados observacionais, bem como as observações usadas para confirmar (ou não) os resultados teóricos.
Astrônomos amadores contribuíram para muitas descobertas astronômicas importantes. A astronomia é uma das poucas ciências nas quais os amadores podem desempenhar um papel ativo, especialmente na descoberta e observação de fenômenos transitórios.
A astronomia não deve ser confundida com a astrologia, um sistema de crenças que afirma que os problemas humanos estão relacionados às posições dos objetos celestes. Embora os dois campos compartilhem uma origem comum, agora são completamente diferentes.
A astrologia é uma pseudociência segundo a qual as posições relativas dos corpos celestes poderiam fornecer informações sobre a personalidade, as relações humanas e outros assuntos relacionados à vida do ser humano. É, como tal, uma atividade divinatória, quando usada como um oráculo, mas também pode ser usada como uma ferramenta para entender as personalidades humanas. O suíço Carl Gustav Jung estudou astrologia; uma de suas teorias baseadas nela é a teoria da cronicidade. É amplamente refutado por uma parte da sociedade porque não possui base científica real.
Os documentos mais antigos sugerem que a astrologia surgiu no terceiro milênio aC. e desempenhou um papel importante na formação de culturas, e sua influência está na astronomia antiga, nos Vedas e em várias disciplinas ao longo da história. De fato, até a era moderna, a astrologia e a astronomia eram indistinguíveis. A astronomia começou a divergir gradualmente da astrologia desde a época de Cláudio Ptolomeu, e essa separação culminou no século 18 com a remoção oficial da astrologia do ambiente universitário.
Os astrólogos afirmam que o movimento e as posições dos corpos celestes podem influenciar ou representar diretamente os eventos na Terra e em escala humana. Alguns astrólogos definem a astrologia como uma linguagem simbólica, uma forma de arte ou uma clarividente, enquanto outros a definem como uma ciência social e humana.
Nenhum estudo científico realizado até o momento demonstrou a eficácia da astrologia na descrição de personalidades ou na previsão e, por esse motivo, é considerado pela comunidade científica pseudociência ou superstição, incompatível com o método científico. No paradigma da física moderna, não há forma de interação que possa ser responsável por transmitir a suposta influência entre uma pessoa e a posição dos planetas e estrelas no céu no momento do nascimento. Além disso, todos os testes realizados até o momento, mantendo métodos rigorosos para incluir controle adequado e um grupo de mascaramento entre pesquisadores e sujeitos, não produziram outro efeito senão a pura possibilidade. Por outro lado, alguns testes psicológicos mostram que é possível. É possível desenvolver descrições e previsões de personalidade que sejam genéricas o suficiente para satisfazer a maioria dos membros de uma grande audiência ao mesmo tempo. Esse é o efeito conhecido como efeito Forer.
De um poste a outro, quero dizer que posso estar perto de Deus, não importa o quanto ande em círculos extravagantes, onde possa prescrever toda a minha euforia que sinto desaparecer por um desejo de insegurança de não voltar para casa e que essa jornada é mais sentimental. às minhas realizações que descrevo aqui como um astronauta que pode até basear-se em Deus como uma meta da escola, em que dedico e dedico toda a minha vida como uma história que realmente carrego no peito como viajante do futuro que estou aprendendo nas estrelas para avaliar meus dias de vida em toda a minha vida como um deus, onde um dia eu poderia ser um deus que é superlativo para mim e para todos, porque Deus pode se perguntar se tenho medo da solidão que meus sentimentos de preservar minha natureza vagam em um vínculo que podemos mostrar e tudo já foi mostrado ao mundo para ver que a existência de Deus não morre por mais anos-luz que permanecemos acordados em uma metamorfose entre grandes metafísicas para reescrever o espaço em uma melodia que Deus testemunhou e continuava mostrando o que somos e o que temos em comum, que até nos sentíamos superiores porque tudo se perdia e se tornava tolo porque Deus nos fez e tudo mais. o que vemos mostra que Deus nos completou em tudo e estamos em tudo e somos tudo porque fazemos parte de uma potencialidade divina na qual Deus predomina em todos os aspectos em que tomamos o cálice de ouro e mostramos em nossas graças o seu valor e poder sobre nós e que conheceremos os segredos das estrelas às quais subimos suas alturas para simplesmente mostrar o que estamos procurando apenas em um mundo vasto e infinito do qual Deus está acima de tudo e do qual fazemos parte, no qual talvez um dia recolheremos do pó que morremos e da sutileza de nossas almas o que somos e o que fazemos seremos passageiros reais de um navio retornado à Terra com a capacidade de demonstrar que Deus existe e suas razões para nos tornar conhecidos todas as coisas do mundo. paraíso entre o céu e a terra que sempre guardaremos a velha história do mundo que contaremos após nossa chegada.
Em teoria, encontramos uma série de palavras acima de um termo que, na minha filosofia, tudo o que Deus cria com amor é construído com um sentimento sobre a natureza viva de um ser que estaria mais ansioso para entendê-lo, porque nele tudo está mais clara como a luz do sol que nos mostra do lado positivo da vida as coisas bonitas às quais nos apegamos e que simplesmente não atacamos porque é feita de amor que está acima de todo vazio que quebra a incapacidade humana de ser feliz ou amar alguém na vida que simplesmente não é iluminado diante de Deus porque tem recaídas da natureza divina que não podem ser comparadas com o verdadeiro ser que Deus criou e criou em todas as coisas no paraíso que não poderíamos enganá-lo com as incertezas negativas que isolam a vida diante da luz suave de Deus que está em todas as coisas profundas e em altitudes que um dia seremos capazes de entender seu espaço e seu tempo em nossas realidades que não são tão extensas aqui E não há luz de nossos estímulos a respeito de qualquer sentimento elevado à vida que possamos não ter entendido seu amor e existência em nossas vidas, porque em tudo o que Deus fez, ele criou o paraíso dos fracassados e envergonhados de que todo o deus criado na terra por homens obstinados e incerto de compaixão controversa por um desejo infiel de que talvez uma criança traga humanamente esse amor para estar mais vivo com a eletricidade que afastou o mal da verdade que não pode permanecer silenciosa, invisível consola nossos pensamentos e nos faz acreditar que o mundo é perfeito e que ainda podemos ser felizes e que talvez permaneceremos intactos construtivamente sob os pretextos de Deus que nos fez iluminados pela fúria do amor do ensinamento que nos ama e nos faz amar o que é bom de ver e sentir prazer, porque a vida seria simplesmente uma caixa de ressonância na qual seu ritmo pode nos melodia em todas as formas positivas e forças da vida que nunca se curvaram sobre as sombras que se abrem atrás da luz do dia, tentando esquecer o medo da escuridão que aflige os inocentes que ainda conhecerão o mundo como é belo e perfeito, porque Deus fez você aspectos que não foram destruídos e que a verdade de amores que não foram absorvidos por Deus ou por qualquer anonimato que poderia ter sido prescrito pela palavra de Deus enquanto eles dizem que os anjos são mais cuidadosos em permanecer vivos e irritados pela transformação da existência de Deus sobre os mortais que são consumidos pela loucura, pela farsa, pela ilusão emocional que irrita as mentes dos homens que ainda não entenderam simplificar seu amor à vida como amar a Deus por todas as coisas que são inevitáveis e juntos podemos sempre nos unir porque foi Deus quem tornar você e as estrelas do céu como talvez uma raiva que um dia possamos agradecer e pedir que você seja fiel como uma flecha reta, sem desvio que não possa ser de nossa natureza incontestável em relação ao mundo que pode se tornar uma ilusão ou a mais fraca sem amor que eles poderiam sentir que são feitos da flor do paraíso que sempre encontraremos o que estamos procurando, porque simplesmente aprendemos a amar e odiar a nos consolidar em todos os aspectos de ser feliz por muitos anos para tornar a vida pulsante e criadora de alguns dispositivos que um dia entenderemos seus prazeres e tudo o que Deus criou porque somos filhos de Deus e experimentamos a luz da vida em nossos olhos e rostos. ele nos mostra como somos bonitos e nos fortalecemos em nossa memória, das quais somos testemunhas de nosso amor pela vida, enquanto pacificamos nos planos materiais as sementes que simplesmente guardamos na alma de nossos pensamentos, que se completam nas formas e realizações que alcançamos em a vida como um estado de tempo por ocasião das graças que aprendemos a valorizar a vida que nos aflige com a loucura da juventude e vemos que tudo o que Deus criou seria perfeito porque somos semelhanças com Deus e, na minha filosofia, quero dizer com ferocidade que, se se Deus nos fizesse tornar-nos inatos ou homogêneos, poderíamos nos completar com o anonimato das afeições ocultas em seu amor que nos fez, porque não estaríamos vivos para ser felizes com alguma indiferença inferior de sua natureza que permanece por todo o tempo em que nenhuma expressão desfavorável ao único carinho que nos tornou maiores do que todos nós somos como o amor que podemos não sendo capaz de dizer de dentro para fora em outro lugar Simplificado na teoria divina que tudo que Deus criou foi com amor e que aprendemos da vida menos ou mais com seus artefatos para avaliar o que Deus fez porque não seríamos tão pequenos e grandes nas mãos de Deus que ele nos completaria à sua imagem e ao amor que nunca pode ser pequeno em todos os afetos ocultos que desencadeiam a pura compaixão realista de viver, amar e ser feliz porque daqui a alguns anos ou talvez milênios das profundezas de nossas almas, que um dia nos encontraremos livres do inferno no paraíso. Digamos que estou vivendo em todos os momentos da minha vida uma lógica para encontrar uma maneira de me levar para casa, porque me parece que estou andando em círculo em um deserto poeirento que não consigo respirar com minhas roupas que estão me defendendo contra a ionosfera e aqui a gravidade é lunar, o que parece dizer que estou andando nas estrelas e sonhando acordado com o vazio em que estou inesperadamente confuso se voltar à minha casa porque há tantas estradas que me sinto perdida no espaço que sempre procurei como existe um sonho para mostrar ao mundo que eu poderia pisar na lua como um homem entre as estrelas.

(MÚSICA: HOMEM DAS ESTRELAS)

Não sei que horas eram
As luzes estavam baixas
Virei para o rádio
Um gato estava mentindo
Um rock'nroll com muita alma, dizia a música
Então o som alto parecia diminuir
Ele voltou como uma voz baixa na maré alta
Ele não era um DJ, era uma notícia cósmica nebulosa
Há um homem estelar esperando no céu
Ele gostaria de vir nos conhecer
Mas você acha que isso confundiria nossas idéias
Há um homem estelar esperando no céu
Ele nos disse para não confundir
Porque ele sabe que isso é precioso
Ele me disse
Deixe as crianças em paz
Deixe as crianças usarem a cabeça
Deixe as crianças dançarem
Eu tive que ligar para alguém, então eu liguei para você
Ei, ele foi embora, então você também ouviu!
Ligue a TV, podemos sintonizá-la no canal dois
Olhe pela janela, eu posso ver sua luz
Se pudermos relatar, talvez ele possa pousar hoje à noite
Não conte ao seu pai ou ele vai nos colocar no chão
Atômico.
Há um homem estelar esperando no céu
Ele gostaria de vir nos conhecer
Mas você acha que isso confundiria nossas ideias
Há um homem estelar esperando no céu
Ele nos disse para não confundir
Porque ele sabe que isso é precioso
Ele me disse
Deixe as crianças em paz
Deixe as crianças usarem a cabeça
Deixe as crianças dançarem
Há um homem estelar esperando no céu
Ele gostaria de vir nos conhecer
Mas você acha que isso confundiria nossas idéias
Há um homem estelar esperando no céu
Ele nos disse para não confundir
Porque ele sabe que isso é precioso
Ele me disse
Deixe as crianças em paz
Deixe as crianças usarem a cabeça
Deixe as crianças dançarem

Textos David Bowie

        O ROCK É UMA PURA EXPRESSÃO DO FOGO ALTERNATIVO DA
                                            JUVENTUDE

Por: Roberto Barros
ROBERTO BARROS XXI
Enviado por ROBERTO BARROS XXI em 26/07/2020
Código do texto: T7016975
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
ROBERTO BARROS XXI
Olinda - Pernambuco - Brasil
696 textos (54014 leituras)
222 áudios (3828 audições)
50 e-livros (865 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/09/20 14:59)
ROBERTO BARROS XXI