Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O pé de manga

Eu lembro bem.
Ele ficava bem no meio da roça de amendoim
e mesmo com todo aquele sol escaldante ele permanecia sempre verde.
Era um velho pé de manga
que tinha muitos galhos recheados de folhas verdes.
Um belo refugio para que os "bem-te-vi" fizessem ali seus ninhos.
Aquela não era época de manga.
Muitas folhas secas cobriam o chão ao seu redor.
Por esta razão Ele oferecia uma agradável e vasta sombra.
Sombra esta que era compartilhada por todos na hora do descanso do almoço.
O sol dás onze horas anunciava o momento de parar o trabalho.
As marmitas e a "moringa" d'água estavam lá embaixo de suas folhagens.
Acabava o almoço e mais um tempo para saborear aquela sombra fresca.
Alguns até cochilavam.
Hoje, não existe a roça.
Mas, o pé de manga está lá no mesmo lugar de sempre
Marcando a passagem de gerações...
Benedito José Rodrigues
Enviado por Benedito José Rodrigues em 07/10/2015
Reeditado em 10/10/2015
Código do texto: T5407414
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Benedito José Rodrigues
Osasco - São Paulo - Brasil, 63 anos
96 textos (2426 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/01/20 22:39)
Benedito José Rodrigues