Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Surgiram tantas dúvidas

    Como surgiu isto tudo?
    Homens e Mulheres podres, A-Sex-Suados
    Pensamentos tolos

    A maldita fama, as que todos amam
    os que teem e enga-não
    e o povo ficou routo

    Como não vi tudo isto
    Tinha fé na verdade, humildade humana
    me enganei, redon-da-mente

    Alucinei, só pode

    Como não senti que tu
    poucas verdades dizías, nas entre-linhas
    sempre que gemias

    Como estou de pé
    se sem saltos sempre ando
    e rastejo á toa, mas não á deriva

    Como mudás-te? Ou tería sido eu
    A imagen desvanece
    desapareces, Oh! meu

    Como se pode simular tanto
    se assimilas errado
    e de pecados estou tesa

    Como se pode ser casmurro
    se só ves Muros
    perplexa, já a fintei

    Como estamos neste mundo!
    imundo, in-sano de tudo
    já pouco me importa

    Como pingam mentes
    abastadas de monopólios
    e nada ficará contigo

    Como surgiu a ignorância
    se estudás-te as mudanças
    e ficás-te parvo

    Como sinto agora tudo
    se antes também vía
    mas tudo se tornou claro

    Como posso contar um conto?
    discursar, se de amarras estou prenha
    e ao assoprar tudo se parece

    Como se forma uma roda de várias pontas?
    até podem ser tortas
    ainda terei que renascer

    Como surgem dúvidas se tudo volta ao mesmo
    nada se aprende ou renova
    fiquei agora a saber
 

   
Divavid
Enviado por Divavid em 28/10/2011
Reeditado em 11/12/2018
Código do texto: T3302648
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Divavid
Köln - Nordrhein-Westfalen - Alemanha
1088 textos (56222 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/20 13:45)
Divavid