Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EU E MINHAS LETRAS



Quero ser criticada e combatida.

Quero mais compreender do que ser compreendida.

Quero aprender mais, sobre tudo que ainda não sei.

Amenizar meus temores, na calmaria dos sentimentos alheios.

Quero saber, muito além do que sou capaz.

Mesmo parada, deixar o pensamento divagar entre as nuvens, que se abrem para deixar raios solares invadirem e iluminar um dia de inverno rígido.

O amor talvez seja aquela vontade que o coração sente, de não pulsar, mas de pular fora do compasso.

A poesia para mim é minha vida, se você não apreciar minhas letras, não adianta nem tentar gostar de mim.

Escrever poesias, é seguir deixando cair flores pelo caminho.

Goste mais, da minha letra viva em mim, Por favor...

Se o contário ocorrer, terei que dar o meu silêncio.

Não queiram ouvir o meu silêncio, pois ele é ensurdecedor.


Luamor

Deixo meu amor pela poesia de amor eterno - Do poeta Pablo Neruda 'meu mestre' e meu amor pela poesia de amor fatalista de Florbela Espanca, imagens presentes...


Ser Poeta - Florbela Espanca

http://www.youtube.com/watch?v=EnJK9uHXots

Luamor
Enviado por Luamor em 23/05/2016
Reeditado em 23/05/2016
Código do texto: T5644659
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Luamor
São Paulo - São Paulo - Brasil
1077 textos (83799 leituras)
17 áudios (923 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/08/20 04:01)
Luamor