Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Elefantinho PINGO e a fonte mágica

Um elefantinho de nome PINGO passeava por uma praia, numa tardinha ensolarada.

Ele ia caminhando lentamente, enquanto as suas orelhas balançavam.
PINGO tinha o sonho de ser grande como o seu PAI, mas não sabia o que fazer para isso acontecer.

Um certo dia, ao caminhar pela mesma praia, avistou algo de longe. Enquanto ele caminhava, mais perto ele ficava daquele objeto.
Ao chegar no local, ele ficou espantado ao ver seu reflexo na fonte que estava na sua frente.

Conforme a água caía, fazia com que o tamanho de PINGO fosse aumentado, de forma que ele se via do tamanho do seu PAI.

PINGO ficou muito feliz, porque ele desejava muito que aquilo realmente tivesse acontecido, e aconteceu.

Então PINGO daquele dia em diante, guardou o seu segredo de que era grande como seu PAI.
Hugo Damas
Enviado por Hugo Damas em 12/10/2019
Reeditado em 12/10/2019
Código do texto: T6767316
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Hugo Damas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 28 anos
2 textos (38 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/11/19 02:08)
Hugo Damas