Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O baile dos anos 60 dos insetos

No florido jardim da casa laranja estava a maior agitação.
Os insetos ansiosos indo cada um para um lado.
Afinal, era um dia especial onde haveria um baile dos anos 60.
De lá pra cá, e de cá pra lá, se viam as formigas, joaninhas, aranhas, tatus, caramujos, lagartas, todos com cabides de roupas para o grande evento.
Um clima de alegria e descontração tomava conta de todos.
O baile ocorreria as 18:00, então todos se apressavam para ficarem prontos.
Um luxo só!
As formigas usavam vestidinhos de bolinhas, sendo que cada uma com sua cor predileta e sapatos combinando.
As joaninhas estavam uma graça com colares e brincos de pérolas e luvinhas até a metade das patinhas.
As aranhas de óculos brancos de gatinhas, batons vermelhos, e além do modelo do vestido rodado, usavam sapatos da cor dos óculos.
Os tatus usavam sapatinhos pretos e estavam elegantes com seus ternos e gravatas.
Os caramujos mais descontraídos, usavam calças coloridas, boca de sino, além de coletes e camisetas de tons fortes, num astral muito legal.
Os piolhos de cobra não sabiam o que vestir, então uma formiga amiga sugeriu:
-Que tal um jeans, colete colorido e tênis preto?
Os piolhos de cobra balançaram as patinhas aplaudindo a ideia.
-E não se esqueçam de passar gel nas antenas. - disse a amiga formiga.
- Legal! - respondeu um dos piolhos de cobra
E o tempo foi passando rapidamente e cadê as lagartas?
Todos se perguntaram onde elas estariam.
Uma das aranhas disse:
- Nossa! Não vi nenhuma delas.
Os outros insetos responderam em coro:
- Nós também não.
- Elas devem estar se preparando.  - disse uma das joaninhas.
E eis que o sol se põe e todos vão correndo para o salão.
Estava tudo maravilhoso!
O chão brilhava, a decoração típica e alegre da época, a orquestra de minhocas vestidas de terno e gravata, já prontinha para tocar com muita animação.
E a dúvida continuava:
- Cadê as lagartas?
Por fim o baile começa.
Todos dançavam alegremente e eis que de repente entram as lagartas.
Todos pararam de dançar e os meninos insetos ficaram a suspirar.
- Como elas estão lindas!  - disse um tatu
- Estão muito gatinhas! - disse o caramujo
As aranhas ciumentas disseram:
- Nós vamos ou não dançar?
Elas usavam vestidos bem rodados, lacinhos, colares perolados e salto alto.
O maestro da orquestra das minhocas, percebendo que haveria confusão disse:
- Boa noite amigos!
- Vou contar até três e o baile vai oficialmente começar.
- Um!
- Dois!
-Três!
E o baile durou a noite inteira na mais profunda paz e paquera, graças a orquestra das minhocas, que não deixou ocorrerem brigas.
A turma toda se divertiu com muita harmonia,  e este grande dia na estória do florido jardim da casa laranja ficará para sempre lembrado.


Kunti


Conto integrante do livro Jardim das poesias e contos infantis Editora Mago de Oz de Portugal


kunti
Enviado por kunti em 15/01/2013
Reeditado em 30/07/2018
Código do texto: T4086568
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
kunti
São Paulo - São Paulo - Brasil, 53 anos
1013 textos (43839 leituras)
18 áudios (393 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/10/19 11:48)
kunti