Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
"Dedico este singelo conto á todas as criancinhas, também para todo aquele que mantém a pureza, a ingenuidade e o imaginário infantil abrigado e alimentado, dentro de si!
Os nomes dos lugares são fictícios, porém os animaizinhos e as maravilhas naturais vistas aqui nesta histórinha são reais e fazem parte, para mim da paisagem mais linda, do estado mais bonito e o lugar mais belo que existe:

-A Serra Catarinense..."

th?id=OIP.EXlhzIpk2U6SihsSVj8spAHaE8&w=300&h=190&c=7&o=5&pid=1.7
O LEÃO-VERDE
(
o rugido do papagaio)

th?id=OIP.MdlHihyEpskUV5QkXTlHLAHaFf&w=248&h=184&c=7&o=5&pid=1.7
Um causo inusitado
Perigoso e diferente
Se deu num certo dia
Em um bonito vilarejo
Lá pras bandas do Encantado
Divisa com Águas-quentes
Que fica aqui na serra
Do estado Catarinense!

th?id=OIP.czdGFEOERKfGlq03XjqCKQHaFj&w=276&h=199&c=7&o=5&pid=1.7 
Pedro nunca saia só
Pra lá pra cá, ...chuva ou sol
Com seu amiguinho verde
Não tinha tempo ruim
Às vezes dava até dó
Pois num frio de botar cachecol
Pulavam cedo da cama
De mala, cuia, isca e anzol!  
 
th?id=OIP.tMUQuvO5ZqsrmXe50U3PtQHaFj&w=225&h=168&c=7&o=5&pid=1.7
De nada ele tinha medo
O papagaio tagarela
Repetia tudo o que Pedro dizia
Tinha a boca meio suja
 Falando pelos cotovelos
Gostava de uma quirela
Sempre muito divertido
 O plumado, com penas verde-vermelha-amarela!

Olha!! Papagaio Ageu na PÁSCOA Cantando! - "ALELUIA SENHOR" 
Enfim vamos ao causo
...um episódio pavoroso
Pedro se viu numa encruzilhada
Se pelando e suando  de medo
Sem ter como fugir, acuado,
Tremendo, muito nervoso
Inté, aprendeu a rezar rapidinho
Pra mode espantá, aquele terrível estorvo!

th?id=OIP.B7tyMsbnglT65ZvyviqKlQHaFj&w=254&h=185&c=7&o=5&pid=1.7 
Estava bem na sua frente
Uma fera muito feia de se vê
O bicho chegava espumá
Saindo fumaça pelas venta
Pedro estava dormente
Não parava de tremê
Já nem dizia coisa com coisa
...nem pra traz e nem pra frente!

 OIP.UY1_ZJcIRLaTAtToNh69pgHaEK?w=331&h=186&c=7&o=5&pid=1.7
O safado do papagaio
Rindo do amigo assustado
Alí como uma vara verde
Sem ter pra onde correr
Escondido, em cima de um galho
Prepara uma trama, o bichinho "marvado"
Para espantar a raposa enraivada
Imita direitinho o rugido de um leãozinho- baio!

th?id=OIP.RjCuUmxeb-w1S0hK-OfSkAAAAA&w=226&h=151&c=7&o=5&pid=1.7
th?id=OIP.eto2-3uYzW1pZ7vHM4rIBAHaFj&w=256&h=192&c=7&o=5&pid=1.7
 
SERRA GERAL
Enviado por SERRA GERAL em 30/06/2020
Código do texto: T6992546
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
SERRA GERAL
Lages - Santa Catarina - Brasil
352 textos (4760 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/07/20 00:24)
SERRA GERAL