Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vergonha alheia.

Se ame, cuide-se e valorize-se!
Será que não percebe o quanto está se constrangendo ao ponto de tornar-se ridículo(a), estúpido(a), ignorante e decadente?
Não desista do seu amor próprio, ele está aí... mesmo que tenha esquecido dele, se um dia existiu, deve estar dentro de você!
Não subestime as pessoas que conheceu, pois ao contrário de você, muitas evoluíram e elas têm a certeza, que a sua mediocridade seria trágica se não fosse cômica.
Se quer ser respeitado(a), faça por merecer, e o primeiro passo é se amar, o segundo é se valorizar, e o terceiro é TER VIDA PRÓPRIA.
Ana Helena Saturnino
Enviado por Ana Helena Saturnino em 27/10/2019
Reeditado em 27/10/2019
Código do texto: T6780154
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Ana Helena Saturnino
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
10 textos (225 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/09/20 08:44)
Ana Helena Saturnino