Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Nossa História



Hoje acordei com vontade de lhe escrever...
Então resolvi escrever uma carta, relembrando a nossa história...
Uma história cheia de altos e baixos, mas muito linda...
Uma história que foi escrita, sem passar por cima da história de vida de ninguém...
Me recordo a primeira vez em que eu te vi naquele grupo, respondendo as enquetes lá postadas... Lembro da minha reação ao vê uma foto de um corpo sem rosto, com um peitoral fascinante, um nome lindo no perfil... Meu coraçãozinho acelerou, parecia um carro em alta velocidade, de tão rápido que batia.... Meus olhos, começaram a lacrimejar, a emoção não pude conter.... Senti medo dessa reação, pois não sabia o porquê dela...
Foram-se passando os dias, e a cada notificação sua que recebia daquele grupo, a reação se repetia.... Eu me perguntava...
Meu Deus o que é isso que eu estou sentindo?
Logo percebi, que era um sentimento que já havia sentindo antes, mas estava guardado por muito tempo...
E voltava a me perguntar...
Como é possível sentir algo por alguém que não conheço?
O medo novamente tomou conta de mim, então resolvi sair daquele grupo, mas você não saia dos meus pensamentos... Após alguns dias longe, ao grupo retornei... Mas só me interessava em te observar nas enquetes...
Até que no dia 5 de Junho de 2015, resolvi te enviar uma solicitação...
Nem esperava que fosse aceita, pois o não eu já tinha de qualquer forma...E também pensava, porque ele vai aceitar? Nunca olhou para mim... Mas arrisquei...
Passada duas horas, a solicitação foi aceita, e para minha surpresa, você veio falar comigo...
Que alegria eu senti... Fiquei eufórica, pois o homem mais lindo do mundo, o qual me encantou com sua postura impecável e respeitosa dentro de um grupo, veio me dar as boas vindas...
Dia a dia nossas conversas foram fluindo, parecia que já nos conhecíamos já fazia muito tempo...
Nos tornamos amigos, cúmplices,confidentes...
Mas nem tudo estava tão perfeito...
Minha desconfiança, veio se confirmar, quando você assumiu um relacionamento sério...
Então meu respeito por você aumentou,e meu sentimento mantive guardado...
Mas o mundo gira, e dias depois, me disse que haviam terminado...
Fiquei triste por sentir que você estava triste... Mas também fiquei muito feliz, pois sabia que seria o meu momento... Me comportei como amiga, fiquei do seu lado, sem expressar nada do que sentia por você...
Até que chegou o dia mais esperado por mim...
O momento em que você me abriu seu coração...
Quando disse que sentia algo por mim... Me falou do medo de se relacionar novamente, mas o que sentia era forte... Fiquei te 'ouvido", sem dizer uma só palavra...
A cada palavra dita por você, meus olhos se enchiam de lágrimas, e então quando terminou de falar, pude enfim colocar pra fora todo o sentimento que estava guardado em mim, desde aquele momento em que eu te vi naquele grupo...
Te falei de todo amor, que eu sentia por você...
De como esperei você me dizer que estava apaixonado por mim...
E então, começamos a nos relacionar...
Foram tantos momentos lindos...
A vontade de estarmos juntos era evidente...
Passávamos praticamente o dia e a noite juntos... Conversando sobre tudo...
Trocando carinhos, mimos, músicas, etc...
O tempo foi passando...
Ao seu lado, vivi momentos tão lindos, tão especiais...
Mas também vivemos muitas turbulências...
O ciúmes começou a tomar conta de nós, mas sempre nos entendiámos após as brigas...
Mas o pior ainda estava por vir...
Um ano e quatro meses depois,sua ex, resolveu aparecer...
Logo minha intuição me mostrou o que estava por vir...O nosso fim...
E após um ano e sete meses o fim chegou...
Um fim doloroso, triste, cheio de acusações, alfinetadas...
Com o fim, veio o afastamento total.. Bloqueios nas redes sociais...
Me vi no fundo do poço, sofri horrores e mesmo sem ter contato com você, tentava te sentir próximo...
Mesmo com bloqueio, eu ia no nosso cantinho, te sentir, mesmo sem te ver...
Mas você não aguentou ficar muito tempo longe...
Me procurou na Páscoa
Se mostrou preocupado, dizendo me querer por perto...
Mas eu estava sentindo tanta dor com o nosso fim, tão magoada pela forma como esse aconteceu, que te tratei mal, fui grossa, e você ficou alguns dias sem me procurar...
Aos poucos foi se aproximando, mas eu sofria muito ao te ver com outra e eu não sabia esconder...
Como ela mesma gosta de dizer...
Que eu grito a minha dor...
Grito sim...
Grito porquê sou transparente, porque não tenho que esconder meus sentimentos...
Com sua presença diária, aos poucos fui me sentindo melhor, pois mesmo não estando mais com você... Você ainda demostrava seus sentimentos por mim...
Passado mais um tempo, voltamos, mas não por muito tempo...
As brigas eram continuas...O ciúme era notável e o fim mais uma vez foi inevitável...
Mas dessa vez, mesmo diante do sofrimento, eu preferi esperar no que o Senhor tinha reservado para mim... Eu sofri, mas sofri muito...
Como dizem por aí ..."Comi o pão que o diabo amassou com os pés"... Mas confiei,e sabia que Deus tinha reservado o melhor para nós...
Que ELE ia tirar as vendas que foram colocadas em seus olhos....
E isso aconteceu...
Você começou a olhar em sua volta, com os seus olhos...
Você voltou...
Voltou diferente, confiante...
Voltei a sentir seu amor...
E há exatamente 4 meses, estamos juntos novamente...
Temos nossas diferenças, brigamos, mas hoje mais do que nunca, aprendemos a nos respeitar...
Hoje estamos nos amando ao nosso modo... Puro e verdadeiro
Estamos vivendo um amor só nosso ... Sem ninguém para nos atrapalhar...
Enfim, meu doce Anjo Eros, eu só posso dizer que diante de tudo que vivemos, a cada amanhecer o meu amor por você, aumenta ainda mais...
A nossa história pode até ter interrupções...
Mas nunca terá um fim...

Sua Branquinha
Andreia Castro (Branquinha)
Enviado por Andreia Castro (Branquinha) em 15/03/2018
Código do texto: T6280132
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Andreia Castro (Branquinha)
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 43 anos
548 textos (11516 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/11/19 06:20)
Andreia Castro (Branquinha)