Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carta

feliz da vida, eu liguei para você no entardecer, mas o barulho do silêncio que ouvi, dizia tudo, você não tinha esperado por mim.A alegria e a felicidade que eu guardara para aquele momento, doeu até nas entranhas.O amor fica doido,quando a paixão não é correspondida.Já mais conformada, deitei na rede amarela, para apreciar a beleza da noite
e contei para as estrelas, a minha tristeza e elas sacudiram a cabeça, como  a dizerem:- Não, não está errado.Suspirei fundo e despertei o vagalume que dormia na folha da violeta perto de mim.Com sua pequena luz êle iluminou a minha grande esperança e olhando para a
lua, que assistia tudo em profundo silêncio, ouvi quando ela me disse,
com voz calma e suave:- Psiu, durma e sonhe.....
Obedeci,  ,mas antes chamei seu nome, o amor é assim, meio tolo.Porém tenho a certeza que o éco se fez de luar e entrou pela sua janela, fazendo você comigo sonhar. Boa noite Amor.
April
Enviado por April em 04/11/2012
Código do texto: T3968337
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
April
São José dos Campos - São Paulo - Brasil, 69 anos
2283 textos (28561 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/19 16:45)
April