Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Áudio
O QUE É POESIA? / EXPLICAR-TE NÃO SEI! - (DUETO)
Publicado por: Francisco de Assis Góis
Data: 31/07/2020
Classificação de conteúdo: seguro
Créditos:
Soneto: O Que é Poesia?
Autoria e declamação: Francisco de Assis Góis
Soneto: Explicar-te não Sei!
Autoria e declamação: Esther Lessa
Fundo musical:
Johanna Beisteiner: Schubert - Lob der Tränen

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Texto

O QUE É POESIA? / EXPLICAR-TE NÃO SEI!

O QUE É POESIA?

Me explica... o que é poesia, meu bem?
Essa coisa tão bela a nos encantar,
Que por vezes, não cabe nem no verbo amar
E de minhas palavras está muito além...

A harmonia que sinto quando estou no mar,
A magia que explode ao amanhecer,
Os mistérios contidos no anoitecer,
E a ternura que encontro no teu lindo olhar!

Como posso falar do perfume da flor
Ou dos sinos que ouço ao fazermos amor?
Como hei de explicar toda essa magia?

Se até conseguimos beleza na dor,
Por que não se consegue explicar essa cor?
Me explica meu bem... o que é poesia?
                                                          (Francisco de Assis Góis)


EXPLICAR-TE NÃO SEI!

Amor meu, como posso te explicar
O brilho que só as estrelas têm
E esse deslumbre que da vida está além
E o poder de a outros fulgores ofuscar?!

E se por teus beijos me pego a ansiar...
Por teu sorriso que me faz tão bem!
Há sim, misteriosa força   que vem
Em aroma floral me embalar e extasiar!

Como entender na dor haver beleza?!
E num mar tão vasto e vário, a harmonia?!
No ousado verbo amar, as sutilezas?!

Como explicar penetrante magia
A nos envolver com tanta leveza?!
Amor, não sei dizer o que é a poesia!
                                                      (Esther lessa)

Ouça a declamação na página de audio abaixo.

                                 ********************

Honra-me a magnífica interação do poeta Jacó Filho. Obrigado mestre!

SOMOS A POESIA

Ritmo e versos seguem passo e poema,
Amando confesso que a poesia é sonho,
Belezas essenciais, que no livro, ponho,
Com amor e luz, fazendo parte da cena...

É de Deus o milagre, que na terra, vejo,
Tal noite estrelada, transposta ao texto...
Aguça os sentidos, quem sabe, o sexto...
Contem o oculto que não temos manejo.

Liberta a mente de pessoas que a veste,
Traz a pauta perfeita, que amar, ensina.
Minh' alma brilha e seu efeito não finda.

O céu nos inspira e pede que não cesse,
A magia poética, como o som dos sinos,
Atrai os fiéis sem saber quem está vindo...
                                                             (Jacó Filho)

Honra-me a linda interação da poetisa Uma Mulher Um Poema.

Poesia é noite de lua
Jorrando prata no ar,
É inspiração que se desnuda,
Num esplêndido versejar.

Poesia é sonho maravilhoso,
Trazendo paz e emoção,
É sentimento aflorando,
Do fundo do coração.

Poesia é mensagem de amor,
Que retrata a alegria,
É a beleza de uma flor,
Perfumando a vida.
                            (Uma Mulher Um Poema)
Francisco de Assis Góis e Esther Lessa
Enviado por Francisco de Assis Góis em 31/07/2020
Reeditado em 03/08/2020
Código do texto: T7022491
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Francisco de Assis Góis
São Paulo - São Paulo - Brasil
164 textos (41161 leituras)
25 áudios (1260 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/08/20 22:51)
Francisco de Assis Góis
Rádio Poética