Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Áudio
Mar Incolor
Publicado por: Lilian Vargas
Data: 19/11/2017
Classificação de conteúdo: seguro
Créditos:
Poesia recitada:Mar Incolor
Autoria: Rodrigo
Voz: Lilian Vargas
Música de fundo: Celestial Aeon Project - Taking Flight





Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Texto
 
Esta poesia que segue não é de minha autoria, mas devido ao seu lirismo marcante e abstração de um amor velado me tocou profundamente, com a devida autorização do autor transcrevo- a  aqui.




MAR INCOLOR
 

Defronte de mim …imensidão…
mar incolor… mar imenso…o mar sem fim…
onde tudo é igual … incolor até ao horizonte.
Sonho delirante...
Borbulha a luz crua … jorra saudade em mim..
Avisto uma vela distante
Silhueta de cor no seu incolor-cobalto.
Um rasgo de espuma branca
Invade a paleta de cores que manuseava…
Marcando a linha da costa em enseada triste...
Coágulos de poesia branca
Voam com as gaivotas em bando louco
Esvoaçando atraídas pela cor dos pincéis
à revelia do próprio mar…
Um abraço mudo do ruído de minhas mãos...
…lembra-me que não tenho asas para poder voar
aonde me levasse a insanidade de minha fantasia!
Quero ser gaivota e planar no teu mar..
Junto à água e bater asas rodopiante!
Pousar nas tuas contradições…que são brasas
que aos meu pés chegam aos borbotões de espuma.
No delírio das alturas…entre o céu e o mar…
longe de tudo quero pintar o mar...
Ah! Não ter asas e poder voar
Deixa-me a alma desvairada,
Entontecer-me de impotência...
Um rasgo de espuma branca
entre o incolor do céu e o teu do mar
vou pintar até o sol renascer…
num clarão de vontades..
incendiando tudo… metalizando o mar...
Quando chegar a noite
Vou pintar também as estrelas.…
…uma a uma…
…e adormecer a vê-las...
..Depois sonhar..
…um delírio de cor onde nada é incolor…




Autoria: Rodrigo


 


 
Lilian Vargas
Enviado por Lilian Vargas em 19/11/2017
Reeditado em 19/11/2017
Código do texto: T6176175
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre a autora
Lilian Vargas
São Paulo - São Paulo - Brasil
1056 textos (105479 leituras)
18 áudios (2164 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/11/19 06:47)
Lilian Vargas
Rádio Poética