Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Áudio

Texto

No Fim da Estrada

Cheguei ao fim da estrada
E não sei como voltar
É uma encruzilhada
Na fronteira de algum lugar
Que não parace em nada comigo
Peço ao estranho um abrigo
Em cada esquina, em cada posto, em cada passo sem direção
Ouvi falar de gente
Que se perdeu pra descobrir
E não pulou da ponte
E se atreveu a prosseguir
Em um navio estando a deriva
Com um sonho que não se priva
A cada dia, a cada noite, a cada impulso
do coração
Percebo nesse estranho
Alguma coisa em comum
Talvez não seja sonho
Talvez apenas déjà vu
Daqueles tempos de menino
Uma trapaça do destino
Trazendo a culpa, a decadência
A incoerência da exceção.
Erik Vicente
Enviado por Erik Vicente em 21/09/2018
Reeditado em 26/07/2019
Código do texto: T6455683
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Erik Vicente
Manaus - Amazonas - Brasil, 38 anos
59 textos (1750 leituras)
57 áudios (1086 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/09/20 16:50)
Erik Vicente
Rádio Poética