Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A AUTOCRÍTICA NO BRASIL DEVE SER MAIS DE CARÁTER DOS HOMENS PÚBLICOS.

                          Só exerci o mandato de Deputado Federal por pouco mais de 1 ano e 8 meses em Brasilia-DF. Fiz proposições, indiquei verbas ao orçamento, deixei Propostas de Projetos de Lei a favor de idosos, moto-taxistas, ferroviários e fiz centenas de indicações, mais de 100 pronunciamentos em Defesa de Teses Nacionais e até causas internacionais de interesse do nosso Brasil, defendi o plano de Cargos e Salários dos Servidores do Ministério Publico do Brasil, defendi a ferrovia e ajudei a conseguir apoio da  Comissão de Transportes pra direcionar recursos para as BRs de Mato Grosso do Sul e mais recursos para a saude, educação e até moradias populares para o MS e mais verba para Casas Abrigo para Mulheres Vitimas de Violência. Vi grandes casos de corrupção e falei abertamente sobre eles na época 2000 e 2002. Trabalhei intensamento e não fui eleito em 2002 exatamente porque não aceitei entrar em um Esquemão de corrupção e compra de votos.
                      Sem recursos sufientes para Campanha Eleitoral perdi eleição em 2002 para a Câmara Federal e, assim mesmo tive mais de 16 mil votos. Havia boicote violento contra minha candidatura dentro do partido politico ao qual fui filiado na época e também de velhas raposas da politica que temiam o fato de um ferroviários com as minhas posições ter um mandato efetivo de Deputado Federal. A verdade: Eu NÃO PERTENCIA A NENHUM ESQUEMÃO FORTE E DE GRANA., Por isso não tive apoio de nenhum Prefeito e raros vereadores queriam se somar a minha eleição. Como falavam na época: TEM QUE TER BALA NA AGULHA.  E até muitos votos aqui , buscado em bairros era na base da compra de votos e eu sou radicalmente avesso a isso.
                    Apesar de estar fora de mandato politico desde 2002 aqui no MS, sou um dos politicos mais visados, criticados e  cobrados nas redes sociais, gostaria que os políticos com mandato, eleitos pelo povo tivessem as cobranças que eu tive e tenho até hoje.
                    Agora digo uma coisa honestamente, depois de mais de 40 anos militando e acompanhando a politica e até sendo deputado federal e candidato a Prefeito em uma cidade do interior, digo francamente:
                    O PROBLEMA NO BRASIL DOS PODERES JUDICIÁIRIO, EXECUTIVO E LEGISLATIVO....Não é ideológico ou essa discussão rebaixada e de baixo nível em que se dizem polarizar: Direita e Esquerda. o problema é de Caráter. É preciso Deputados, Senadores, Vereadores, Deputados dos Estados Assembléias, Prefeitos, Governadores, Juízes, Desembargadores, Ministros do Supremo, Conselheiros, Promotores Federais e todo homem público e nós eleitores fazermos uma autocritica e nos perguntarmos SE DE FATO QUEREMOS UM PAÍS SÉRIO E HONESTO. É  PRECISO UMA AUTOCRÍTICA DE NOSSO CARÁTER DE CIDADÃOS DE FATO.
                    Essa discussão que esta exposta na mídia e nas redes sociais de nossos cidadãos de direita ou esquerda e religiosos se atacando mutuamente, por defenderem seus Chefes de Direita ou Esquerda, Não vai a lugar algum essa discussão. E,  só nos jogam no LIXO DA HISTÓRIA.
                  Desculpem, estou sendo honesto em expor claramente o que acho que é o problema, claro, posso estar errado.Afinal até o eleitor precisa entrar nessa autocritica e saber se quer continuar convivendo com as mafias politicas que elegem seus deputados , vereadores etc...indo aos bairros de dois em dois anos, mentir e comprar votos com ninharia pra o pobre, utilizando atravessadores chamados de "lideres" que andam com as malas de dinheiro e comprimidos eleitoreiros.
           Ou se quer de fato mudar e construir CIDADANIA DE FATO.
Manoel Vitorio
Enviado por Manoel Vitorio em 02/10/2019
Reeditado em 04/10/2019
Código do texto: T6759202
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Manoel Vitorio
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 63 anos
6142 textos (213831 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/19 01:19)
Manoel Vitorio