Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
CARACTERÍSTICAS DO EGOÍSMO – FLÁVIO GIKOVATE (01)
            Dentro do trabalho que irei iniciar sobre Egoísmo, a palestra “Os diversos graus de egoísmo” do psiquiatra Flávio Gikovate, postada no Youtube em 2014, vem trazer bons subsídios. Vejamos...
            Hoje eu vou tentar falar um pouquinho sobre os diversos graus de Egoísmo. Esse assunto entrou em pauta nas minhas reflexões mais recentemente, em função de vários e-mails que eu tenho recebido pedindo para eu falar sobre personalidade borderline. Em nome deste assunto, borderline, assim como também a respeito dos psicopatas, parece que as pessoas começaram a se atentar um pouco mais e ficar um pouco mais preocupadas com a questão moral. Começamos a perceber que existem muitas pessoas que não são e que não se comportam dentro daqueles padrões que ficam mais aceitáveis ou mais adequados do ponto de vista da conduta moral. Portanto, são pessoas que sempre mostram um certo Egoísmo, que parece uma característica delas; que agem com ela com naturalidade, e que podem ser visto como não tão legal.
            O Egoísmo, se a gente pode definir muito genericamente, o egoísta significa, aquela pessoa que dá menos do que recebe, ou seja preocupado em receber mais do que retribuir. Faz uma contabilidade negativa a favor de si mesmo, ou seja, dar pouco e quer receber muito.
            Esse é o Egoísmo; a generosidade seria o inverso: o indivíduo que gosta de dar muito e rebe menos do que dá. E aceita isso até com alguma tranquilidade, quando não até uma certa sensação de superioridade.
            Sem falar ainda de muita generosidade, porque não vou falar nisso hoje, que não é para quem conhece as minhas reflexões, não é visto exatamente como virtude, até porque no mínimo ela reforça o próprio Egoísmo.
            Agora, o Egoísmo das pessoas chamadas de egoístas, não são só pessoas que querem receber mais do que dão. Várias outras características de personalidade podem ser vistas, como conquistar a simpatia e a atenção das pessoas para que elas possam esperar e reivindicar dessas pessoas mais do que deveriam. Elas são em geral intolerantes, imaturos emocionais que se comportam como crianças quando contrariados e agem exclusivamente e reagem com muita revolta. São então, pessoas que trabalharam muito mal os seus desconfortos e que reagem com muita agressividade quando contrariados. São pessoas que não sabem lidar com frustrações em geral, e portanto, quando têm vontades é mesmo aquela em que estão em oposição aos princípios e valores que elas dizem defender. Elas acabam mentindo com mais facilidade porque elas não conseguem abrir mão de certas coisas que elas querem muito. Tudo que elas querem elas acabam tentando fazer realizar, mesmo que em prejuízo de terceiros.
            Vamos observar que essas características estão presentes de forma generalizada no comportamento humano, que é encarado como normalidade, como Gikovate tenta mostrar. Parece ser uma utopia transformar nossa sociedade para que chegue um dia que nenhum de nossos semelhantes nutra o egoísmo em seu coração.
 
Sióstio de Lapa
Enviado por Sióstio de Lapa em 25/07/2019
Código do texto: T6704442
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Voce deve sitar a autoria de Sióstio de Lapa e o site http://www.siostiodelapa.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sióstio de Lapa
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 66 anos
825 textos (38060 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/09/19 21:39)
Sióstio de Lapa

Site do Escritor