Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
QUE TAL UM CAFÈZINHO AGORA?
 
Antoni BigCuore*
 
 
 
Quem não gosta de café, bom sujeito não é, ou é ruim da cabeça ou doente do pé.
Esta a cantiga que, os adeptos do café, cantam nas rodas dos aficcionados, tem alguma dose de verdade.
 
Realmente, o cafèzinho agrada a grande maioria da população, seja, criança, jovem ou adulto, pelo menos um xícara por dia, a maioria toma.
 
Segundo a Wikipédia(enciclopédia livre da net), o café apresenta pontos positivos e negativos, a serem observados pelos consumidores. Ei-los:
 
Pontos Positivos:
 
1 – consumo moderado( 3 a 4 xícaras por dia) exerce efeito de prevenção de problemas diversos como o mal de Parkison, a depressão, o diabetes, os cálculos biliares, o câncer de cólon, e o consumo de drogas e álcool. Alem disso, melhora a atenção e, consequentemente, o desempenho escolar.
 
2 – O café contem Vitamina B, lipídios, aminoácidos, açucares e uma grande variedade de minerais como potássio e cálcio, além de cafeínas.
 
3 – O café tem propriedades antioxidantes, combatendo os radicais livres e melhorando o desempenho na prática de esportes.
 
4 – melhora a taxa de oxigenação do sangue.
 
5 – Doença como enfarto, malformação fetal, câncer de mama, aborto, úlcera gástrica ou qualquer outro tipo de câncer, não estão associadas ao consumo moderado de cafeína.
 
Observação: a cafeína chega às células do corpo, em menos de 20 minutos após a ingestão do café. No cérebro, a cafeína aumenta a influencia do neurotransmissor chamado dopamina.
 
 
Pontos Negativos:
 
1 – ação diurética compulsivo causadora de perda de minerais e oligoelementos, aminoácidos e vitaminas essenciais.
 
2 – Causa enfraquecimento do organismo através da perda de sódio, potássio, cálcio, zinco, magnésio, vitaminas A e C, bem como o complexo B.
 
3 – Possui relação direta com a doença fibroquística (eventualmente precursora do “câncer de mama”.
 
4 – Pode causar o aparecimento de pólipos (primeiro estágio do câncer no aparelho disgestivo), verrugas, psoríases e outras afecções dermatológicas.
 
5 – Reduz a taxa de oxigenação dos neurônios.
 
6 – Provoca uma maior secreção de ácido clorídico, causando irritações nas mucosas intestinais que causam colites e ulcerações, principalmente para quem sofre de gastrite.
 
7 – Sua ação é acidificante do sangue, propiciando o surgimento de leucorreias, cistites, colibaciloses e variados acessos fúngicos.
======================================= 
Reflexão A. BigCuore: como vimos, tudo nesta vida depende da homeostase do organismo, ou seja, depende sempre da dosagem ideal de cada organismo.(equilíbrio).
Não se iludam com 3 ou 4 xícaras de café por dia. Entendo que isto pode variar de pessoa para pessoa.
Eu, por exemplo, consumo no máximo 2 xícaras por dia.
 
Como já sou hipertenso, em função disto também, que o ingiro moderadamente.
A cafeína aumenta os batimentos cardíacos. Quem é cardíaco, por exemplo, deve tomar o mínimo dos mínimos por dia.
 
E outra, esta bebida é tipicamente matutina. Devendo ser consumida, melhor, pela manhã, do que à tarde.(no máximo até às 16 hrs.)
Se eu tomar uma xicarazinha à noite, eu a passo em claro: provoca insônia direto!
 
Portanto, entendo que, cada pessoa, deve, dentro do bom senso, conhecer o seu organismo e administrá-lo racionalmente. O impulso é o maior inimigo do ser humano!
Bênçãos de saúde, paz, harmonia, prosperidade e muita alegria em seus corações, amigos leitores e leitoras deste Recanto!
 
(*)autor é Escritor em sp.sp. Divulgue o seu link de textos positivos: http://www.recantodasletras.com.br/autores/antonibigcuore)
 (texto inspirado em sp.sp. 05.05.2010, 4a.feira, às 15,50 hrs.)
 
 
 
 
ANTONI BIGCUORE
Enviado por ANTONI BIGCUORE em 05/05/2010
Reeditado em 05/05/2010
Código do texto: T2239031
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
ANTONI BIGCUORE
São Paulo - São Paulo - Brasil
2573 textos (1016049 leituras)
87 áudios (79523 audições)
1 e-livros (168 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/08/20 18:06)
ANTONI BIGCUORE