Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ANVISA. ENFIM, PREVALECEU O BOM SENSO

Fonte: Uol.com.br
Data: 10.12.2020, 5ª feira
________________________________________________

COMENTÁRIO A. BIGCUORE. É abominável o que estão fazendo contra o povo brasileiro: entenda-se Jb. e forças aliadas.

A politização da vacina, só acarretou PERDAS para o Governo Federal. Este, como criança, fica brincando com vidas humanas!. Jb. de um lado contra todos os Governadores, estes sim, estão preocupados com as vidas de seus cidadãos, pois sentem de perto o drama do povo.

 O descaso e a INCOMPETÊNCIA do governo federal, estão agravando os problemas emocionais de toda a população brasileira, suscitados pela pandemina.
É HORA DE SOMAR FORÇAS, SENHOR PRESIDENTE, e não ficar pensando em 2.022!!!

De qualquer forma, valeu a pressão, sob a liderança do Governador de São Paulo,e os demais governadores, em reunião esta semana com o Ministro Pazuello, para se tomar uma posição definitiva, visando a iniciar o quanto antes o processo de vacinação dos brasileiros.

Tanto assim que, hoje, a Anvisa aprovou as regras para o uso EMERGENCIAL, como fez o Reino Unido, com a vacina da Pizer/Biontech, das vacinas em estudos no Brasil e exterior.

Em São Paulo, o Governador disse que entrará com pedido emergencial da vacina chinesa, Coronavac, que está sendo produzida pelo Instituto Butantã.

Se o Governo fosse competente teria, desde o início da pandemia, ASSUMIDO O COMANDO da coordenação nacional, junto com os Governadores, pois se trata de assunto SUPRAPARTIDÁRIO!!!

Se tivesse agido assim, marcaria gol de placa visando à sua reeleição em 2.022. Mas, parece que a massa cinzenta do governo anda um tanto enfraquecida. Pasmem!

_______________________________________________________


Guilherme Mazieiro
Do UOL, em Brasília
10/12/2020 13h13Atualizada em 10/12/2020 16h28

Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou hoje regras que autorizam o uso emergencial e em caráter experimental de vacinas contra o novo coronavírus. Isso significa que a Anvisa poderá analisar pedidos de laboratórios e conceder ou não autorização temporária para aplicação de doses.

A autorização para uso de vacinas poderá ser concedida desde que sejam cumpridos requisitos mínimos de segurança, qualidade e eficácia. Com isso, vacinas no Brasil podem entrar em uso emergencial mesmo sem todo o processo de registro. Segundo a Anvisa, ainda não há pedidos de registro em caráter emergencial

Instituto Butantan começa a produzir CoronaVac no Brasil
O registro temporário permite a aplicação de doses da vacina a públicos específicos definidos pelas autoridades sanitárias. Esse tipo de permissão não substituiu o registro sanitário no Brasil, condição necessária para venda de vacinas e aplicação em toda a população.

A aprovação aconteceu em reunião virtual da diretoria do órgão. Os parâmetros dessa proposta já tinham sido anunciados no começo do mês, e hoje foram oficializados.As regras aprovadas pela Anvisa hoje são semelhantes às adotadas no Reino Unido, onde já ocorre a vacinação de maneira emergencial, e não para toda a população.

O Instituto Butantan, do Estado de São Paulo, informou que solicitará à Anvisa o uso emergencial da vacina CoronaVac, desenvolvida e parceria com o laboratório chinês Sinovac. O instituto ainda não enviou a solicitação para Anvisa.

ANTONI BIGCUORE
Enviado por ANTONI BIGCUORE em 10/12/2020
Reeditado em 14/12/2020
Código do texto: T7132484
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
ANTONI BIGCUORE
São Paulo - São Paulo - Brasil
2626 textos (1044670 leituras)
87 áudios (87878 audições)
1 e-livros (170 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/04/21 06:33)
ANTONI BIGCUORE