Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quero que tenham pânico



HORIZONTE SOMBRIO – O Estado de São Paulo de 13/09/2019

‘Quero que tenham pânico’

Greta Thunberg, uma menina sueca de apenas 16 anos, mobiliza a Europa para a defesa do meio ambiente. Em Davos, disse ela: “Não quero que tenham medo, quero que tenham pânico”.
Ampliando o alerta de Greta:
- as questões ambientais estão pondo em risco a sobrevivência da humanidade;
- novas tecnologias aumentam o desemprego e o desnível na distribuição da riqueza, favorecendo os bens formados intelectualmente e provocando o aumento da pobreza. Os pobres passarão a viver de esmolas, isolados dos recantos de prosperidade por muros, para que não enfeiem a paisagem ou perturbem a ordem com sua presença incômoda, espelhando a sua situação de desemprego e penúria.
- as instituições democráticas não permitem mais razoável representação dos povos, por motivos que vão da deficiente formação intelectual dos eleitores ao uso de propaganda que atende aos interesses das classes dominantes, e não às necessidades do povo sofrido; além da parcela de políticos medíocres e corruptos.
- por fim, é preciso considerar a não existência de recursos para atender a todas as expectativas de consumo e emprego. O povo está sendo enganado. Novo estilo de vida, menos consumista, se impõe. É imperioso que se construam mecanismos que façam chegar a todos, ao menos, parcelas da produção que possibilitem uma pobreza digna, com o atendimento das necessidades básicas das pessoas. Essa é a missão dos Estados e das sociedades livres e justas.
Debates serão necessários na busca de um consenso democrático. Caso nada seja feito, é provável a ocorrência de confrontações entre os que detêm a maior parte da riqueza e as multidões que já quase nada têm, nem emprego, comida, moradia, saúde, educação, transporte, vestuário, segurança, sonhos, esperanças...
As difíceis soluções não estão só na política, na economia e nos Poderes e nas Instituições Republicanas, mas também, de forma decisiva, na prática moral da solidariedade, espaço a ser ocupado pelas religiões e pela educação integral de qualidade, para todos.

EURICO DE ANDRADE NEVES BORBA
eanbrs@uol.com.br
Caxias do Sul (RS)
Eurico de Andrade Neves Borba
Enviado por Eurico de Andrade Neves Borba em 13/09/2019
Código do texto: T6744094
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Eurico de Andrade Neves Borba
Caxias do Sul - Rio Grande do Sul - Brasil, 79 anos
346 textos (15827 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/19 18:36)
Eurico de Andrade Neves Borba

Site do Escritor