Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quero que tenham pânico



HORIZONTE SOMBRIO – O Estado de São Paulo de 13/09/2019

‘Quero que tenham pânico’

Greta Thunberg, uma menina sueca de apenas 16 anos, mobiliza a Europa para a defesa do meio ambiente. Em Davos, disse ela: “Não quero que tenham medo, quero que tenham pânico”.
Ampliando o alerta de Greta:
- as questões ambientais estão pondo em risco a sobrevivência da humanidade;
- novas tecnologias aumentam o desemprego e o desnível na distribuição da riqueza, favorecendo os bens formados intelectualmente e provocando o aumento da pobreza. Os pobres passarão a viver de esmolas, isolados dos recantos de prosperidade por muros, para que não enfeiem a paisagem ou perturbem a ordem com sua presença incômoda, espelhando a sua situação de desemprego e penúria.
- as instituições democráticas não permitem mais razoável representação dos povos, por motivos que vão da deficiente formação intelectual dos eleitores ao uso de propaganda que atende aos interesses das classes dominantes, e não às necessidades do povo sofrido; além da parcela de políticos medíocres e corruptos.
- por fim, é preciso considerar a não existência de recursos para atender a todas as expectativas de consumo e emprego. O povo está sendo enganado. Novo estilo de vida, menos consumista, se impõe. É imperioso que se construam mecanismos que façam chegar a todos, ao menos, parcelas da produção que possibilitem uma pobreza digna, com o atendimento das necessidades básicas das pessoas. Essa é a missão dos Estados e das sociedades livres e justas.
Debates serão necessários na busca de um consenso democrático. Caso nada seja feito, é provável a ocorrência de confrontações entre os que detêm a maior parte da riqueza e as multidões que já quase nada têm, nem emprego, comida, moradia, saúde, educação, transporte, vestuário, segurança, sonhos, esperanças...
As difíceis soluções não estão só na política, na economia e nos Poderes e nas Instituições Republicanas, mas também, de forma decisiva, na prática moral da solidariedade, espaço a ser ocupado pelas religiões e pela educação integral de qualidade, para todos.

EURICO DE ANDRADE NEVES BORBA
eanbrs@uol.com.br
Caxias do Sul (RS)
Eurico de Andrade Neves Borba
Enviado por Eurico de Andrade Neves Borba em 13/09/2019
Código do texto: T6744094
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Eurico de Andrade Neves Borba
Caxias do Sul - Rio Grande do Sul - Brasil, 79 anos
373 textos (16852 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/07/20 13:55)
Eurico de Andrade Neves Borba

Site do Escritor