Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O QUE DIZEM OS POETAS

Quero te contar, o que os olhos já não podem ver, mas o coração sempre entende. É fundamental o amor, pra não viver infeliz e sozinho. O resto, é só imaginar, pois tudo de bom que se tem pra dar, não cabe em forma de palavras, os gestos não podem traduzir, mas sentir sim;   pois são indomáveis os reflexos que captam tudo que dizem e que fazem para ferir no lugar de afagos e demonstração de apreço pelo semelhante, que se fortalece quando é brindado com empatia.
O vicio de se impor ao ser, o valor do que é ou do que faz, categorizando vidas com base em expectativas pessoais, provocam abortos de relacionamentos impávidos e produtivos de afeto e cumplicidade.
Que bom será quando o mais conjugado entre os humanos for o verbo descomplicar. Razão e emoção em harmonia desequilibrando a impetuosidade das guerras interiores que explode a todo o momento, danificando estruturas emocionais  gerando inconveniências aterrorizantes para o convívio entres as pessoas.
Sim. O antidoto para o veneno da indiferença e crueldade humana ainda é o amor. Como está escrito em (I Coríntios 13:1) SE EU TIVESSE o dom de falar em outras línguas sem tê-las aprendido, se pudesse falar em qualquer idioma que há em toda a terra e no céu e, no entanto, não amasse os outros, eu estaria só fazendo barulho.
Adilson Ferreira dos Santos
Enviado por Adilson Ferreira dos Santos em 28/10/2019
Código do texto: T6781191
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Adilson Ferreira dos Santos). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Adilson Ferreira dos Santos
São Paulo - São Paulo - Brasil, 56 anos
38 textos (29267 leituras)
9 áudios (153 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/19 09:39)
Adilson Ferreira dos Santos

Site do Escritor