Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Monstro Do Egoísmo

Franz Kafka, nasceu em de julho de 1883, em Praga
Praga, Boémia, Império Austro-Húngaro (atual República Tcheca)

Kafka, como é conhecido, mundialmente, foi um escritor de idioma alemão. Considerado um dos maiores escritores do século XX , dedicou-se a escrever romances e contos. É relevante sabermos um pouco da vida pessoal de Kafka, o que faremos no decorrer da narrativa, para entender o seu estilo de escrita, na qual ele evidencia temas e arquétipos de alienação e brutalidade física e psicológica. Desentendimentos entre pais e filhos também são fatos marcantes, em seu acervo literário.

Apesar de ter formação acadêmica em Direito, trabalhou por um tempo em uma companhia de seguros. Na essência desabrochava o desejo incontrolável de colocar no papel suas ideias, passando a escrever nas horas de folga. Em tese, ele escrevia cartas. Escreveu diversas cartas para sua família, amigos próximas, para sua noiva Felice Bauer e sua irmã mais nova, Ottla Kafka. O escritor não mantinha uma relação amistosa com seu pai, em vista disso, afirma-se que esse fato teve grande influência em seus escritos.

Algumas obras de Kafka foram publicadas, enquanto ele vivia. Todavia seus trabalhos inacabados, como os romances , O Processo,O Castelo e O Desaparecido, foram publicados por um grande amigo, após sua morte, embora o mesmo soubesse que Kafka não pretendia publicá-los, sua vontade era ter esses documentos destruídos. Relevante mencionar, que grande nomes da literatura mundial tais como: Albert Camus, Gabriel Garcia Lorca e Jean Paul-Sartre, foram influenciados pela obra de Kafka. Foi criado um termo "kafkiano, que tornou-se popular em nosso idioma como algo complexo, surreal como as situações por ele, criadas em suas obras.

O motivo principal desse trabalho é falar sobre a obra do grande escritor que infelizmente morreu muito jovem , aos 30 anos, acometido por uma tuberculose.  A Metamorfose, é uma novela cujo titulo traduz muito bem, o enredo instigante e surreal. A culminância do enredo revela-se no início da novela. Trata-se da história de um caixeiro viajante de nome, Gregor, que acorda metamorfoseado em um enorme inseto. Entretanto, mesmo vendo-se totalmente diferente de um ser humano fisicamente normal, sua grande preocupação era chegar em tempo ao trabalho, para que não houvesse um ameaça de perdê-lo. Toda sua família era sustentada por ele, fato que o levava ao maior desespero, pois a situação atingia diretamente a todos com os quais ele convivia. Gregor, fica confinado ao seu quarto, ansiosamente esperando que tudo aquilo fosse apenas um pesadelo e em um breve tempo, as coisas tomassem o rumo de um cenário real.

Excluído totalmente da família por um bom tempo, Gregor vivia ansioso e angustiado, até quando eles passam a deixar uma porta aberta, para que ele pudesse participar da rotina da casa. A mudança toma dimensões astronômicas, pois todos teriam que trabalhar , para garantir o sustento da casa, na impossibilidade de Gregor assumir qualquer papel diante da sociedade. A metamorfose não atingiu apenas ele, mas a todos. O pai de Gregor continua a passar o seu tempo em casa sentado e dormindo, porém, agora, ele o faz com seu uniforme do trabalho, que em pouco tempo passa a ficar muito sujo. A irmã de Gregor assume a tarefa de fazer a limpeza do quarto, que com o passar do tempo torna-se uma tarefa angustiante, quase insuportável.  A família resolve alugar um quarto para três inquilinos, em vista disso, Gregor volta a confinar-se no quarto, novamente.

Certo dia, os inquilinos pediram à sua irmã, que tocasse violino, ao ouvir o som do instrumento, Gregor sai do quarto e apresenta-se, a todos que ficam apavorados e resolvem deixar a casa,  ameaçando processar a família. Porém, seu pai decide tomar de volta o seu espaço, expulsa os inquilinos e Gregor da casa, que morre de inanição, enquanto sua família aluga um apartamento.

A grande mensagem dessa novela, escrita com genialidade por Kafika, aqui resumida, evidencia o egoísmo. As relações sociais são completamente conectadas com interesses, apesar de Gregor ter um espírito absolutamente altruísta preocupado com o bem-estar de todos, não havia ninguém naquela casa, que estivesse preocupado com a vida da pessoa, que procurava manter o sustento de cada um deles, através do seu trabalho. Simplesmente , foi esquecido e abandonado por todos. Esse sentimento tão belo, que é o altruísmo é raro no coração do ser humano, infelizmente. Essa fascinante obra, evidencia esse fato de maneira óbvia.

Concluo esse trabalho, apresentando a frase de Sêneca, genialmente construida: "Naquela família assoberbada de trabalho e exausta, havia lá alguém que tivesse tempo para se preocupar com Gregor mais do que o estritamente necessário!". A Metamorfose. Franz Kafka.
Verdana Verdannis
Enviado por Verdana Verdannis em 12/04/2019
Reeditado em 16/05/2019
Código do texto: T6621991
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Verdana Verdannis
Fortaleza - Ceará - Brasil
315 textos (24378 leituras)
42 áudios (2146 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/19 06:58)
Verdana Verdannis