Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Revelação: o “ANTIPOEMA”

Os dias são repletos de segredos e surpresas, como significado para manter, renovar, melhorar, mudar e recomeçar o que considero importante em busca do essencial, da sensação do viver, como canta Simone, “... vestidos de saudades vivas”.
Segredo é o que que se revela a alguém, algo importante para a vida. A dúvida permanece quando o segredo deixa de ser, por que foi revelado quando era para ser reservado. Já a surpresa pode ser agradável e, por vezes, contribuir para causar ótima impressão em outra pessoa.
Segredo e surpresa são palavras que desvelam e definem o estilo de vida; assim, nada mais natural do que compartilhar tais momentos com os amigos, o que de alguma forma impõe limites e adiciona confiança ao círculo de amizade; além de dividir as emoções no prazer de conviver com quem queremos estar no mundo real.
Na semana das Letras, em Passo Fundo (RS) fui surpreendida pelo amigo e Poeta Paulo Monteiro, com um antipoema. Entregou-me dizendo, “fiz agora”. E eu agora revelo as suas palavras: “antipoema // logo as portas do cadafalso se abrirão / e não mais serei escravo de ninguém / voarei como um pássaro / nem sei para onde / mas será um lugar melhor do que este / aliás, qualquer lugar é melhor do que este // não enterrem meu coração na curva do rio / lancem minhas cinzas no rio da minha infância / entre as pedras do pinheiro torto / lá onde a jaguatirica e seus filhotes vão beber água / nos três potes quebrados pela saracura// à noite os vagalumes voarão em curvas sobre as águas / o corujão-de-orelhas lançará seus gritos de alerta / e minha alma // esta sacha de todos os poetas / ao lado da alma de manuel bandeira / ouvirá o chilrear do pardalzinho”.
A surpresa, por vezes, revela o segredo como válvula de escape, onde o sentimento se traduz em mágicas palavras. Criamos à procura do reconhecimento? A resposta encontramos dentro de nós, como a palavra que move todos os dias, não é senão o resultado do significante em que nos sustentamos desde sempre. E, assim surgem expressões para contestar e justificar as atitudes como reação, como reflexo de projetos pessoais.
Ao ser revelado o segredo ou se fazer surpresa, a sensação e a condição de exercício do poder têm o efeito de enaltecer a sensibilidade diante da realidade, onde tudo pode ser mascarado na arte de escrever; do sentimento sem desconfiança, para termos o prazer de viver preso nas palavras que retratam a realidade. As palavras saúdam e guardam o inédito em significações enquanto produção literária.
O pitoresco no segredo e na surpresa é que ambos captam as histórias na linguagem que atravessa o cotidiano como invenção humana; o que me faz próxima do escritor ao considerar a surpresa na revelação das palavras no poema e em suas entrelinhas.

Tânia Du Bois
Enviado por Tânia Du Bois em 29/10/2014
Código do texto: T5015673
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
Tânia Du Bois
Balneário Camboriú - Santa Catarina - Brasil, 63 anos
418 textos (50498 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/09/20 04:52)
Tânia Du Bois