Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O educar para viver

O universo. O amor pelo estudo e trabalho é nossa vertente. Em sentir feliz pelo estudo que se pratica é o tudo em nossas vidas. Por mais que relutarmos o nosso lugar ao sol é para todos, não somente para poucos. E entender que é educar que se vive realmente, o som de nossas almas se enternece em parâmetros sociais de assegurar nossa vertente em algo maior, ou seja, no sucesso pela oração, pensamento e atos. Mais ainda que o amor maior esteja em ceder para ganhar e perder para voltar a vencer, e se é um ciclo harmônico ao derredor de cada parede de orações presentes e de corações remotos em nossas fases de vida, boa ou más. E o carisma pelo estudo se mostra conivente em querer saber mais e mais, e não parar jamais. Muitos homens passam até vinte horas por dia estudando, em virtude do vestibular ou de algum emprego e isso se chama ser viciado em trabalho e isso é ruim para todos, para a família do sujeito como também dos parentes presentes na vida desses viciados em estudo e trabalho. A couraça de um coração que se mostra vertente em estudar é chamada por muitos de antigamente de nerd ou geek nos dias remotos. A greve de estudar tende a ser frequente, pois trabalhamos mais e estudamos mais e não temos tanto tempo para outras atividades como exercícios físicos e mentais e dedicarmos o tempo a estudar um bom livro e tocar um bom instrumento. E coragem de se mostrar aberto a mudar, aqui vai também mesmo não importar que quem escrevesse aqui também é viciado em trabalho e estudo e é difícil para com essas reais coisas.  A maneira de ser tratar com amor o estudo e o trabalho se gera fomentações de caracteres insuperáveis e com amar o que se faz de verdade. O que o amor pelo estudo não pode fazer é te substituir em tarefas e sim administrar melhor o seu tempo. O discernir a verdade com a mentira, somos aviltados de pacientar em nossas mentes muitas coisas más e boas, inférteis e férteis, felizes e tristes em cada sentimento aberto em suas fases longas, medianas e curtas de realizar nossos desejos estudantis e acadêmicos. E modernizar a fé com o estudo é mais inteirados em transformar em bons elos o que vem em mente, e somos voltados para sentir em nossas almas o amor pela religião, o estudo, o trabalho, a família e tudo o que tem valor moral ou sentimental por tudo. Mesmo sofrendo também da doença do trabalho e estudo não desisto de tentar recompor o estigma ferido. E o continente de amar com quem estudar gera o amor estudantil aonde correm rumo ao sucesso se trabalhando com mais qualidade e estudando o suficiente. De acordo com cada fase da vida sentida, o estudo e o trabalho são irmãos gêmeos que não se cessam de lutar dia após dia pela batalha rumo a uma qualidade de vida sincera e eternizada em cada página virada, da vida que não morre, mas renasce dia após dia no interior de flamulas de sedento amor e de coração arraigado no torpor da alegria eterna em cada ósculo de paz sincera devoção.
Gumer Navarro
Enviado por Gumer Navarro em 10/08/2019
Código do texto: T6717000
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gumer Navarro
São Paulo - São Paulo - Brasil, 36 anos
1221 textos (4356 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/09/19 21:10)
Gumer Navarro