Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Ética e relações humanas


Mariano Soltys, advogado e filósofo
 

Seja na escola ou no ambiente de trabalho, a ética é fundamental para se manter uma relação confiável entre as pessoas. Mas justamente por isso, por se tratar de uma relação entre pessoas. Desse modo, o relacionamento é central, de modo que envolve a motivação, o modo de se resolver conflitos, a necessidade, o impulso, o incentivo, respeito, liderança, transparência, organização, controle emocional e outros fatores. A ética está envolta de um conjunto de fatores que resultam em um comportamento justo e conforme um determinado grupo ou sociedade. Para isso o relacionamento entre as pessoas garante que muitos desses fatores sejam uns requisitos iniciais a se manter a harmonia e evitar conflitos.


Quando se fala em âmbito de escola, a ética não envolve tanto um fator econômico, como fosse a uma corporação. Assim, o estudante deve compreender que independentemente de punição, ele deve respeitar os colegas e os professores, bem como a diretoria e demais pessoas da escola. Saber ter controle emocional, ver a motivação de estar na escola, pensar na necessidade de se estudar para um futuro melhor, e muitas coisas podem colocar o estudante numa outra perspectiva em relação à educação. Uma atitude de ação e de cooperação. A ética não estabelece regras. A transparência e a lealdade nisso se mostram presentes, pois é muito mais sutil saber o que é honesto e justo, do que pensar em algo que cumpre ou não uma regra. Já no trabalho, a ética envolve também um fator econômico, e pode resultar em muitos benefícios ao colaborador. Desde uma referência de gerente, uma promoção, um apoio em determinada formação profissional, até mesmo aumento de salário, podem resultar de uma atitude ética e de confiança do profissional, para com seus pares na corporação. Para tanto, atitudes a se evitar, como a fofoca, a crítica de administradores, a concorrência desleal, a rigidez de opinião, narcisismo, descontrole emocional, etc, que levam a dificultar os relacionamentos. O diálogo e a atitude maleável, levando em consideração que não há verdade absoluta um ponto de vista pós-moderno, fazem com que se mantenha uma ética e relacionamento sustentáveis na corporação, sendo bom para todos. Buscar a solidariedade e evitar o vácuo ético entre todos os envolvidos. Também, capacitação é ética, de modo que se exige que o profissional tenha formação.


Por fim, a ética envolve um conjunto de competências cognitivas, intelectuais, emocionais, profissionais e outras, de modo que o relacionamento sadio é fundamental para que se mantenha a virtude e honestidade. Além de um controle interno, há também o externo, de relacionamento humano. O ser ético exige que se perceba o sutil e se haja com transparência e lealdade, de modo a manter o ambiente sem conflitos. E a filosofia pode ajudar a pensar nisso tudo com mais liberdade e amplitude.
Mariano Soltys
Enviado por Mariano Soltys em 01/07/2019
Código do texto: T6685701
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (você deve citar a autoria de Mariano Soltys). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Mariano Soltys
São Bento do Sul - Santa Catarina - Brasil, 38 anos
693 textos (73659 leituras)
102 áudios (2114 audições)
20 e-livros (17625 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/19 22:46)
Mariano Soltys

Site do Escritor