Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Introdução a uma metafísica bem próxima.

Queria ser exatamente o que sou, motivo pelo qual sou muito feliz.

Queria ter nascido na Fazenda Serra da Moeda, no município de Itapagipe Triângulo Mineiro.

Queria ser a fusão da genética dos Vasconcelos, Dias e Batista, o que de fato sou.

Queria ter passado a infância ao meio da natureza como passei, contemplando rios, floresta e animais.

Queria estudar no colégio de Campina Verde dos Padres lazarista, como estudei.

Posteriormente, como seminarista, estudar Filosofia, Psicologia e História, na Universidade Católica de Belo Horizonte.

Foi onde estudei, queria fazer o meu noviciado no convento do Caraça,  vendo os lobos jantarem todas as noites no pátio do convento.

O meu noviciado foi realizado no convento do Caraça, desejei estudar com os Franciscanos e estudei em Petrópolis.

Desejei terminar o meu bacharelado em  Teologia em São Paulo e terminei.

Sempre sonhei em ser ateu, hoje eu sou ateu, sou profundamente feliz, por ter a cabeça que tenho.

Não acreditar em deus, é a minha maior felicidade, saber que a vida não tem sentido, magnífico.

Como é bom viver sabendo que a existência termina em nada, pois a realidade de todas as coisas é o nada.

Entender que do ponto de vista biológico, não tenho diferença de qualquer mamífero.

Se tenho alguma especificidade pelo fato de ter a cognição desenvolvida.

Por todas essas razões sou absolutamente feliz, morrer e desaparecer como se nunca tivesse um dia existido, deixa me completamente realizado.

Sou a minha  transição em referência ao elo que esgota em minha própria pessoa.

Logicamente que haverão outras transitoriedades das quais sempre fiz parte, mesmo com a minha exaustão exposta a natureza.

Um silêncio profundo faz a minha substancialidade não ser absolutamente nada.

Entretanto, ainda existe um pequeno tempo em direção a negação da eternidade de um ser exaurido.

O qual define-se  pela exaustão dos meus próprios sonhos.

Edjar Dias de Vasconcelos.  
Edjar Dias de Vasconcelos
Enviado por Edjar Dias de Vasconcelos em 19/06/2019
Reeditado em 19/06/2019
Código do texto: T6676410
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Edjar Dias de Vasconcelos
São Paulo - São Paulo - Brasil
2958 textos (492324 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/19 19:15)
Edjar Dias de Vasconcelos