Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Aldravia EM 166

a
última
brasa
também
vira
cinza


Agradeço  a linda interação da poetisa HLuna 

sopra
um
vento
ligeiro
fogueira
desperta

Obrigado poetisa
Uma Mulher Um Poema pela linda interação
 
brasa
bem
quente
churrasco
no
ponto

Agradeço ao poeta Marcus Rios a gentil interação

Num último sopro
A brasa foi aquecendo
E virando cinza para
sempre.
Eligio Moura
Enviado por Eligio Moura em 10/10/2019
Reeditado em 01/03/2020
Código do texto: T6765809
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Eligio Moura
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1575 textos (38268 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/07/20 11:21)
Eligio Moura