Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Falsidade
 
A falsidade se esguia como serpente venenosa em busca de sua presa,
Mas também fica estampada na face de quem com ela coabita...
Assim a reconhecemos e não adentramos no seu deserto de espinhos,
Ela morre de fome, inveja, infelicidade, sucumbe no seu próprio veneno.
Maurício de Oliveira
Enviado por Maurício de Oliveira em 05/05/2013
Código do texto: T4275496
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Maurício de Oliveira
São Paulo - São Paulo - Brasil, 51 anos
1434 textos (94692 leituras)
12 e-livros (3122 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/09/17 10:20)
Maurício de Oliveira

Site do Escritor