Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

       ENEM: DICAS PARA A INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS
 
     Muitas pessoas que já realizaram o ENEM costumam dizer que as provas são cansativas. Realmente, são! Isso porque as questões nos exames costumam ser contextualizadas, ou seja, ocorrem por intermédio de textos.
    Em frente a isso, deixo aqui algumas dicas de como realizar uma boa interpretação textual nas provas do ENEM e garantir um bom número de acertos nesse árduo processo.


Gêneros contemplados pelo ENEM (possibilidades):
- Charges;
- Cartuns;
- Reportagens;
- Notícias;
- Peças publicitárias; 
- Poemas;
- HQ's;
- Crônicas argumentativas;
- Editoriais.
Obs.: é claro que tudo isso é relativo; são hipóteses, suposições. Também dependerá da área do conhecimento do Exame. Não que seja uma regra, mas poemas, por exemplo, costumam ser mais utilizados em Linguagens e Códigos. Dependerá do viés da questão e do quanto aquele gênero lhe é importante e cabível. 


Dicas:
1. Leia devagar
     Leitura rápida, para alguns, até funciona, mas ler devagar garante melhor desempenho, principalmente àqueles que têm dificuldades na interpretação textual.


2. Monte esquemas mentais
     À medida que a leitura se desenvolve, é interessante que se criem cenários daquilo que está sendo absorvido. Isso é importante para que haja compreensão da modalidade escrita e também para que não se tenha aquela impressão de que os nossos olhos acompanharam o texto, mas não trouxeram nenhum significado à nossa mente.


3. Interprete em 3ª pessoa
     Quando lemos um texto, muitas vezes deixamos o nosso "eu" fazer, mesmo que inconscientemente, interpretações que advêm de nossas próprias opiniões. Isso não é um bom caminho a se seguir. Devemos ler interpretando o que o autor do escrito objetivou dizer em suas palavras, pois toda e qualquer tessitura textual tem uma intenção por parte de quem escreve e, por isso, temos de respeitá-la.


4. Descubra a intenção do autor
     Como já dito, todo texto é escrito com alguma intenção e, em geral, tem um público-alvo. Pergunte-se: "O que o autor está querendo me dizer? Qual seu objetivo?". Pensar assim faz com que leiamos mais atentamente.


5. Conheça o gênero textual
          Em palavras mais fáceis, gênero textual é uma forma/modo/tipo de escrita. Exemplos disso são as notícias, as reportagens, os editoriais, as resenhas, os artigos... e por aí vai; existem vários! Por exemplo, se reconhecermos um texto como uma notícia, saberemos que o seu objetivo é o de informar; se soubermos o que é uma resenha, concluiremos que a intenção é a de opinar.


6. Identifique os tópicos frasais 
        O tópico frasal é a ideia central de cada parágrafo e, por conseguinte, faz-se presente em todo texto. Em geral, cada bloco textual apresenta apenas um tópico frasal. Marque-os e, depois, leia-os como um enunciado só. Eles serão capazes de fazer um compilado de todo o escrito, fazendo com que a intepretação completa se torne mais eficaz, fácil e sucinta. 


7. Conecte os textos
        Quando, numa mesma questão, houver mais de um texto, descubra o ponto-chave entre eles e, então, relacione-os. A partir disso, veja que ponto há em comum entre os escritos. 


Lembre-se de que, para essas dicas, é sempre importante:
- Ter o hábito de leitura;
- Conhecer diferentes tipos de textos;
- Estar por dentro das atualidades;
- Reler o texto, se for necessário. 
Jonathan Menger
Enviado por Jonathan Menger em 16/08/2017
Reeditado em 27/08/2017
Código do texto: T6085995
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jonathan Menger
Viamão - Rio Grande do Sul - Brasil, 27 anos
22 textos (1394 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/11/17 05:01)
Jonathan Menger