Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ONOMATOPEIA



1---Trata-se de tentar reproduzir em interpretação aproximada, isto é, ‘imitar’ determinado som, na fala ou por escrito, com uma ou mais palavras - fonemas dentro do idioma ou vindo de fora /em inglês, nas HQ/.  Impossível imitação fiel e direta do ruído, efeito acústico. Geralmente monossílabos frequentemente duplicados - exemplos:  pum! (estouro) - tic-tac (relógio ou bomba programada) - toc-toc (batida na porta)...

2---Das onomatopéias, derivam-se os semantemas combinados com morfemas nominais ou verbais - exemplos:  miau (“voz” do gato), o miado do gato (ação), miar (verbo).

3---São vocábulos expressivos (estilística fônica).   -----  Primeiro tipo - mera imitação natural de sons ou ruídos de bichos (miau, miau - cocoricó...) ou coisas.  -----  Segundo tipo -.neste caso, uso de sintagmas vocabulares (lexema com ou sem morfema) - associação direta entre som e significado - verbos onomatopaicos ou imitativos que exprimem a ação própria dos substantivos de que se derivam (o miado do gato - verbo miar):  vozes de animais e sons das coisas.

Exemplos:

1 - “Vozes” dos animais:  abelha e certos insetos - zunzunzun, zzzzz  --  zoar, zonzonear, zumbar, zumbir, zunir  ---   andorinha - pri-pi-pi -- chilrar, gazear, grinfar, trincar  --- cão - au-au-au -- cainhar, esganiçar, ganir, ladrar, latir, rosnar, uivar, ulular  --- cavalo - him-him-him -- nitrir, relinchar, rinchar  ---  coruja - grei-gréi-gréi -- chirriar  ---  corvo, urubu - chem-chem, crá(-s)-crá(-s) -- crocitar, grasnar  --- galo - cocoricó, cocorocó  -- clarinar, cocoricar, cocoritar, cucuricar  --- gato - miau-miau-miau -- miar  ---  grilo - cri-cri-cri, tic-tic -- cricrilar, trilar, tritilar  ---  peru - glu-glu -- grugulejar, grugulhar, grugurelar  ---  rã-sapo - clach-clach, rã-rã -- coaxar, grasnar, malhar.  ///  Outros (sem o sonzinho característico):  andorinha e calhandra - trinfar;  andorinha e garça - gazear;  araponga - martelar, retinir;  aves - chilrear, pipiar, pipilar;  bode - bodejar;  boi - mugir;  búfalo, elefante, touro e veado - bramar;  burro e jumento - azurrar, ornear, ornejar, zurrar;  cão e gato - ronronar;  cão e lobo - ladrar, uivar;    carneiro e ovelha - berrar, berregar;  cegonha - gloterar;  cigarra e insetos - chiar, fretenir, zinir, ziziar;  cisne - arensar;  cobra - sibilar, silvar;  corvo, pato e rã - grasnar, grasnir;  crocodilo e leão - bramir;  elefante - barrir;  galinha - cacarejar;  gralha - gralhar;  grou - gruir;   insetos - zoar, zumbir, zunir;  javali e porco - grunhir;  leão - bramir;  leão e touro - urrar;  leitão e porco - cuinchar;  lobo - uivar;  macaco e rato - guinchar;  ovelha - balar, balir;  papagaio - palrar;  pássaro - chalrar, chichar, chilrar, chilrear, galrar, galrear, galrejar, garrir, garrular, gorjear, piar, pipilar, pipitar, taralhar, trinar;  pombo, juriti e rola - arrular, arrulhar;  raposa - regougar;  rato - grunhar;  rola - turturinar ;  tordo - trucilar.  ----------  2 - Sons de coisas:  água - xuá, xué -- borbulhar, burburinhar, cachoar  ---  apito -pri-pri-pri, prrrri -- estridular, trilar  ---  asa - frufru -- flafiar, ruflar  ---  bonde - ru-ru -- barulhar  ---  campainha - dlin, drelin, tlintlin -- terlintar, tilintar  --- c anhão - bum, trom -- atroar, ribombar, troar  ---  copo - terlintim -- retinir, tilintar  ---  espora - tintim -- retinir, tinir  ---  fogo - trá-trá-trá -- crepitar, estralar  ---  moeda - tlintlim -- retinir, tilintar, tinir  ---  relógio - tique-taque -- tiquetaquear  ---  roupa - frufru -- aflar, farfalhar  ---  sino - dião-dião, ding-ding, dlim-dim-dim, don-don-don, tão-badalão -- badalar, badalejar, bimbalhar, repicar, tintinar  ---  tambor - ratantã, rataplão -- rufar  ---  trem - trac-trac -- apitar, silvar  ---  trombeta - retintim, tirintintim -- clangor, clangorar  ---  vento - zim-zum-zim -- aflar, assoviar, sibilar, uivar, ulular.   ///  Outros (idem, sem o sonzinho):  árvores, folhas, sedas - farfalhar;  bala - sibilar;  chicote - estalar;  fala em voz baixa - cochichar;  foguete - espocar;  onda - marulhar;  pipoca - espocar;  tambor - ruflar.

4---Nas HQ, o desenhista procura transmitir um ruído específico, na maioria das vezes associada a alguma figura ou situação determinada, facilitando a interpretação.  Linguagem de gestos e fisionomia.  Choro - “buááá!” (bocão aberto).  Possível que diferentes onomatopéias expressem o mesmo fato, acompanhadas de ponto de exclamação - exemplos: explosão = “cabrum! brummm! vuum! buum! boom! ...” -  telefone-despertador-campainha, quase sempre “trrrim”” -  objeto quebrando - “crás!” - comer -”nhec!” --- também balão glacial, desenho de caveira ‘nua’, segurando uma foice, em  sensação de frio ou medo - “brrrrr...”

5---HQ - HAGAR, O HORRÍVEL (em português, O TERRÍVEL)  /criação de DIK BROWNE em 1973:  guerreiro viking que frequentemente pensa em invadir a Inglaterra.../ - quadrinho 1 - Ajudante trazendo um barril  - “Veja o que consegui!  Pó preto chinês!”  - Hagar:  “Para serve?”  ---    ONOMATOPEIA “Boom!”  ---  quadrinho 2 - ambos chamuscados, enegrecidos pela fuligem - Ajudante idiota - “Alguma pergunta?”

6---Dos quadrinhos norte-americanos para o mundo inteiro: “sblosh”, em desenho de MAURÍCIO DE SOUSA, personagens atirando torta doce na cara felicíssima de um “tomatão”...  ///  ONOMATOPEIA - ORIGEM VERBAL, SIGNIFICADO: click, to click,estalar-desligar;  crack, to crash, quebrar-rachar;  crash, to crash, colidir, bater; slam, to slam, fechar ruidosamente;  smack, to smack, beijar;  sniff, to sniff, cheirar;  splash, to splash, chapinhar-esguichar.

FONTES:

“O mundo das histórias em quadrinhos”, de LEILA IANNONE e ROBERTO IANNONE //   “Dicionário de filologia e gramática” e “Moderna gramática portuguesa”, de MATTOSO CÂMARA.

                                    F  I  M
Rubemar Alves
Enviado por Rubemar Alves em 18/06/2017
Código do texto: T6030945
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rubemar Alves
Salto - São Paulo - Brasil, 50 anos
433 textos (11693 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 18:24)
Rubemar Alves