Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Você tem a assinatura de Deus. Duvida? Vem...

(...)Porque está escrito: Como eu vivo, diz o Senhor, que todo o joelho se dobrará a mim, e toda a língua confessará a DeusRomanos 14:11.

Nunca estive tão ansioso para escrever um texto quanto estou agora ao começar a escrever este. Na verdade, apesar de o tema já está comigo há uns dois meses, me vejo aqui até um pouco nervoso. Mas mesmo tendo dois meses e sendo ansioso para escrever os textos sempre aguardo de Deus uma confirmação. E essa confirmação me chegou na tarde de quarta-feira, 22 de junho. O estranho é por que razão os canais de imprensa, que ocupam dias e até meses falando de trivialidades, quando não de futilidades, não investem sequer uns minutos para, ao menos, questionar essa estrondosa revelação, sobre a qual até a ciência, e principalmente a ciência, resolveu se dobrar. Apesar de que não completamente, mesmo com o volume de elementos que eles tem nas mãos - que não dá para elencar aqui. E não é de hoje. Natural: além do fato de que os indivíduos libertarem-se da soberba não ser pouca coisa, ou coisa nada fácil, ainda não chegou a hora de, indistintamente, toda língua confessar e todo joelho se dobrar!

Mas como conselho e caldo de galinha jamais deixou de fazer bem:

(...)Assim diz o Senhor: Não se glorie o sábio na sua sabedoria, nem se glorie o forte na sua força; não se glorie o rico nas suas riquezas,

Mas o que se gloriar, glorie-se nisto: em me entender e me conhecer, que eu sou o Senhor, que faço beneficência, juízo e justiça na terra; porque destas coisas me agrado, diz o Senhor. Jeremias 9:23,24.

Quem me conhece sabe que, mesmo antes de me converter ao Evangelho, sempre fui dos que veem Deus em tudo o que é natureza a nossa volta. Como negar? Outro dia, dando o título de “O Abraço”, aludindo a importância da harmonia entre os indivíduos - aliás, que é bem o que o Criador quis reportar com aquela formação, ao ser conduzido à imagem duma cenoura, e uma um pouco maior do que a outra, como se fossem duas pessoas abraçadas, não me aguentei, escrevi e publiquei um texto sobre a situação. Pena que, apesar de “gritos” assim, não são poucos os que insistem em se fazerem de surdos para com Jesus Cristo. Vamos ver agora, com o que se seguirá.

Mas é importante seu interesse por ter esse mistério revelado e sua máxima atenção à leitura. Que, se você ainda não sabia disso, o que você terá aqui é um presente dadivoso.

Para você ter uma ideia, depois de orar ao Senhor acerca dessa questão, o que Ele me deu foi uma visão auditiva do som duma bomba explodindo. O detalhe que observei foi que a explosão não foi fraca mas também não foi o maior dos estrondos não. E sabe o que isso significa? Que a soberba, quer dizer, que muitos darão de ombros a esse fato. Mas tomara que não seja você um desses.

(...)Tudo fez Deus formoso no seu devido tempo; também pôs a eternidade no coração do homem, sem que este possa descobrir as obras que Deus fez desde o princípio até ao fim. Eclesiastes 3:11.

Vendo a passagem imediatamente acima, dá pra compreender, no entanto, por que razão não sabemos de um monte doutros mistérios d’Ele. Nas Escrituras Sagradas até se vê escrito que (...)As coisas encobertas pertencem ao Senhor nosso Deus, porém as reveladas nos pertencem a nós e a nossos filhos para sempre, para que cumpramos todas as palavras desta lei (Deuteronômio 29;29). E aqui é onde reside o “problema” – para quem couber, conforme o que venho te trazer desta vez.

Todos sabemos que o presente de aniversário jamais é dado ao aniversariante antes da hora, ou uma premiação também não acontece sem que o feito pretendido tenha surtido o seu efeito. E com Deus, no quesito salvação, também não. Mas Ele fornece ferramentas com bastante antecedência, e dá pistas da 'pisada' ao sujeito, posto que Sua vontade é que o máximo de corredores vençam, mas só manifestará ao vitorioso Sua decisão sobre ele em cima da hora de o indivíduo “subir ao pódio”. E para mim o que está acontecendo, com essa descoberta, é que Ele está dando aos incrédulos a ÚLTIMA e, quiçá, a PRINCIPAL das pistas de que SOMENTE Ele é o Senhor. O Deus que faz justiça e trará juízo a todo aquele que O rejeita e a Seu filho. Assim, fique atento/a à que isso pode representar.

“E criou Deus o homem à sua imagem”. Essa afirmativa bíblica tem mais de 6 mil anos – aliás, um problema para os que dizem que a Bíblia pode ter sido criada ‘para controlar a humanidade’. O que de certo ponto até procede, mas não do ponto de vista que se tem afirmado; senão como explicar as descobertas cientificas sobre a existência e complexidade da máquina humana somente nos dias praticamente atuais? Mas o que eu quero falar, deixando de fora os falsários, claro, é sobre se você, se no tempo da carta de papel ou eletrônica, ao escrever uma, a assina com a sua assinatura para que seja de conhecimento de quem a recebe a origem daquelas palavras? Assina? Foi o que eu imaginei.

Pois bem, todos sabemos da ciência, e de todo o esforço que muitos cientistas tem feito para encontrar e dar a um monte de gente respostas sobre perguntas acerca da existência humana assim como de toda a criação. Mas que tais respostas quando são apresentadas sobre quaisquer quesitos sempre sofrem um bombardeio de outros questionamentos, da própria ciência - à quem recomendo refletir em Jó 38, sobre a conclusividade daquilo, trazendo anos e anos de estudos à estaca zero ou, quando no mínimo, lançando tudo no mar das dúvidas. E, a concluir pelo que diz a própria ciência sobre a existência da humanidade, principalmente, não era para menos: “Nós admitimos que não sabemos como a vida começou”, diz o experiente e famoso cientista americano Stephen C. Meyer, diretor do Centro para Ciência e Cultura do Instituto Discovery, em Seattle, e um dos principais porta-vozes do Design Inteligente, que nós, quer dizer a maioria de nós, espero, chamamos Deus.

Mas do que eles, os cientistas, mesmo com a fábula de dinheiro que se tem gasto com pesquisas tem dúvida, nós cristãos, sem sequer um tostão investido com vistas a isto sempre tivemos certeza: Que Deus sempre foi é e sempre será Deus, e que Ele a tudo criou.

E como falamos de ciência, segundo ela própria, “um complemento total de DNA humano possui 3 bilhões de caracteres INDIVIDUAIS – e uma ÚNICA célula pode conter o equivalente ao que em informações contem 4 MIL LIVROS DE 500 PÁGINAS. Talvez isso explique o Computador: segundo disse Bill Gates, ”o DNA é como um programa de computador, só que muito mais complexo”. Claro, um foi criado pelo homem e o outro por Quem criou a mais perfeita das máquinas, o homem. Como logo você verá que não dá para negar.

Falando em computador, também conforme cientistas que admitem a existência de Deus e Sua presença em toda criação, a pergunta é 'porque quando se é observado que por traz de tamanha engenhosidade que envolve a operacionalidade dessa máquina logo se conclui que ‘uma inteligência’ está por trás de tal criação', e por que, para muitas cabeças (considere aí, como cabeça-de-chave dassas cabeças, os cientistas que insistem em negar Deus), o mesmo não acontece concluindo-se que esta inteligência jamais poderia ser obra de qualquer acaso??? Hã???!

(...)Porque toda a casa é edificada por alguém, mas o que edificou todas as coisas é Deus. Hebreus 3:4.

Observe que a frase, de mais de dois mil anos, está escrita no Presente. E se estamos falando da criação de tudo, sem data definida de tão antiga, o que isso representa senão que até agora Deus trabalha e que é d’Ele, para o seu bem, a obra de conhecimento que está sendo trazido a você nesse texto nesse exato momento???! E, como já disse, isto vai mudar, ou melhorar, e muito, seus conceitos sobre sua existência. Apesar do que a ciência canalha tanto tentou fazer com sua mente até aqui.

Aliás, um dos cientistas que já dão a cara pra bater, se rendendo ao fato de que não somos obra de qualquer acaso, Paul Nelson, filósofo da biologia e teoria da evolução, mundialmente conhecido pela defesa da Teoria do Design Inteligente (TDI) e por seus artigos científicos em revistas especializadas e livros sobre o conceito, ele que é membro da International Society for Complexity, Information and Design (Sociedade Internacional para a Complexidade, Informação e Design) e do Centro de Ciências e Cultura do Discovery Institute, diz que “uma ciência saudável é aquela que deixa as evidencias falarem por si mesma”. Ele garante que “o universo é racional e compreensível, subscrito por uma inteligência suprema, que queria que este mundo fosse compreendido”. E dizendo que esta “é uma ideia muito forte”, contrariando, sem meias-palavras seus colegas ateus, ainda assume definitivamente que tudo “é algo que transcende o programa da ciência, e algo que traz significado ao mundo”. Tá bom ou quer mais???

Agora, no campo da nanociência, para o caso de ser o/a nobre daqueles que nem com a perfeição do universo no sentido macro da Criação se rendem à harmonia e perfeita engenharia que a envolve, ainda que você não consiga explicar a razão pela qual você não consegue manter suspenso no ar nem a cabeça dum alfinete e como que um planeta flutua tão perfeitamente no Espaço, aqui vai uma dorzinha de cabeça pra você, com perdão do trocadilho:

FLAGELO BACTERIANO, sabe o que é isso? Como nem eu nem, quem sabe, você somos médicos ou cientistas, vou facilitar pra gente que dizer conforme a ciência descreve seria complicado. Mas se você estiver atento/a, entender só esse elemento do corpo humano bastaria para você ADORAR A Deus a cada piscada de seus olhos. Assim, o tal Flagelo Bacteriano é um bichinho miudinho, aliás, tão miúdo que é impossível ser visto a olho nu, que há dentro de cada célula do nosso corpo, que tem hélice e tudo, que trabalha a uma rotação absurdamente rápida, 100 mil rotações por minuto; que tem filamento, tem marcha, 1ª e 2ª - é um motor perfeito em função e aparência. E motor que NUNCA PÁRA, que faz sua manutenção, se auto conserta, sem parar o funcionamento. Simplificando mais ainda, seria como trocar o pneu dum carro a 200 km por hora sem parar o veículo e sem sofrer qualquer acidente. Tá bom, ou que que eu desenhe? Então dá aí uma olhada na imagem 'desse cara' e depois pesquise sobre ele, que é líquido e certo que seus conceitos sobre perfeição jamais serão os mesmos.

'Flagelo Bacteriano', pelo olhar da Ciência
'Flagelo Bacteriano', pelo olhar da Ciência

Agora, antes de cruzarmos a linha de chegada, seja você um dos que acreditam ou dos que duvidam de Deus, saiba que, com seus argumentos vencidos pelas evidencias, há mesmo outros cientistas mil que vem se rendendo ao Criador Altíssimo. Como também o ex ateu, Francis Sellers Collins, um geneticista dos Estados Unidos, que foi diretor do Projeto Genoma Humano e um dos responsáveis por um feito espetacular da ciência moderna: o mapeamento do DNA humano, em 2001, que - diferente dum monte de orêa-seca por aí, que não sabe sequer a composição química da água, muito menos que temos em nossa composição humana, Hidrogênio, Nitrogênio, Oxigênio e Carbono (estude sobre isto, já chega de usar a internet pra ver bobagem), o que explicaria muita coisa se a bendita ciência quisesse, mas mesmo que não queiram muita coisa ainda será revelada, e pra já, que Deus tem pressa, a partir desses quatro elementos em nosso corpo, mas que se dão de rebeldes contra a glória do Criador da criação, questiona como negar a ‘consciência’, ou o remorso... a conclusão duma ação certa ou errada?”. Se referindo aí à origem dos elementos morais do homem, o que também é indicador de que não há como negar que é fato que existe um Autor de tudo, e que a ciência jamais explicará antes de se render à existência dum Criador além da compreensão humana comum.
Pausa

(...)Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente.

Mas o que é espiritual discerne bem tudo, e ele de ninguém é discernido1 Coríntios 2:14,15.

Sigamos

Como aconteceu, agora sim, com um grupo deles, mesmo com o tanto de esforço que se vinha fazendo para ofuscar-se essa tamanha novidade, que descobriu (entenda descobriu como “Deus os encaminhou à essa descoberta” por pura misericórdia, devido o TEMPO ACABANDO), que há a Assinatura d’Ele dentro de nossas células. E este é o ponto! Como pode isso? Vem...

Aliás, pra encurtar o texto, tive uma ideia. Antes, claro que eu te trouxe até aqui para que você soubesse um pouco dos “detalhes” que você não iria encontrar aonde eu vou te encaminhar. O que certamente, além de te agregar o tanto de informação que agora você, se não sabia, passou a saber, vai te sacudir por dentro: lembra da assinatura de autoria duma carta que se escreve dando ciência a quem recebe de quem vem aquela mensagem? Pois é, veja esses vídeos, nessa exata ordem, Vídeo 01Vídeo 02, e verá Deus, o mesmo que te fez com impressões digitais exclusivas entre mais de 7 bilhões de pessoas, que deu limite aos oceanos e que determina a altura das nuvens, assinando a Sua criação, assinando cada uma das nossas células.

Antes de sair, porém, por favor me permita fechar com essa frase, não somente por que foi dita por um mestre da astronomia, físico, cosmólogo e cientista diretor da Nasa, reconhecido mundialmente, mas porque saiu da boca de mais um EX ateu que era “cheio de conhecimento”, Robert Jastrowque, por que esta frase brilha aos meus olhos como soa aos ouvidos de todo aquele que corre, o hino da vitória quando de pé no alto do seu pódio:

“O Cientista escala finalmente a montanha da ignorância, está prestes a chegar ao pico mais alto, e quando vence o último obstáculo, ele é recebido por um punhado de teólogos, que já estão sentados, ali no topo, há séculos!!!”.

Ah, você deve estar lembrado/a que em algum momento, quase ao final do texto, eu usei o termo “linha de chegada”. E sabe pra que isto? Pra te dizer o que Jesus Cristo, que quer re-moldar o seu entendimento, manda te dizer: que se arrependa dos seus pecados e creia no Seu evangelho. Que “a corrida” TÁ ACABANDO, criatura!!!

Agora corre para os vídeos...

Shalom.
Antonio Franco Nogueira
Enviado por Antonio Franco Nogueira em 12/08/2017
Reeditado em 12/08/2017
Código do texto: T6081722
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Antonio Franco Nogueira). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Antonio Franco Nogueira
Camaçari - Bahia - Brasil, 56 anos
101 textos (7837 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 13:40)
Antonio Franco Nogueira