Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SEM MEIOS TERMOS!!!

Já fazia algum tempo que a minha "veia de escritora" não vinha à tona. Pois, somente escrevo quando me permito sair da zona de conforto, e divagando, resolvo "viajar" em meus devaneios...E hoje me veio à mente, a falta de amor na humanidade, me reportando à frase que "Somos o reflexo do Universo e o Universo reflete, como espelho, nossas ações, pensamentos e sentires”. E então, me deparo com a imagem de alguns sujeitos totalmente desprovidos de sentimentos. Criaturas frias, vazias, que não demonstram outro tipo de reação, a não ser o silêncio. Se fecham em seus mundos particulares, como que, ignorando as outras "espécies", apenas sobrevivendo à revelia...E isso me abala profundamente, pois não me agrada nem um pouco, saber que pessoas sobrevivem assim, sem amor, sem afeto...Ou eu sou muito emotiva, ou realmente o universo está carente de boas qualidades morais...Posso ser portadora de muitos defeitos, porém o que não me falta é amor no coração...Sou intensa...Autêntica..."Não me alimento de quases, não me contento com a metade! Nunca serei sua meio amiga, ou seu meio amor...Não sinto nada mais ou menos, ou eu gosto ou não gosto. Não sei sentir em doses homeopáticas...É tudo ou nada!!! 8 ou 80!!! Porque água morna não serve nem pra fazer chá!!!
Sodê Freitas
Enviado por Sodê Freitas em 12/01/2017
Código do texto: T5879476
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sodê Freitas
São Gabriel - Rio Grande do Sul - Brasil
74 textos (2448 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/06/17 02:32)
Sodê Freitas