Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



Teoria Literária #037: Como compor um EXTRATO PÓ ÉTICO


Extrato Pó Ético é um estilo poético criado pelo Poeta Bosco Esmeraldo (Od L'Aremse).

Consiste em extrair do bate-papo coloquial, de qualquer outro meio de comunicação ou meio virtual palavras ou expressões que façam sentido em concatenação ou, até mesmo de algum pensamento, uma intuição ou divagação. O critério de extração fica a gosto do Poeta, mas a formatação do EXTRATO PÓ ÉTICO deve seguir o seguinte paradigma (padrão):
Estrofação:
     Um hepteto ou sétima com rimas  em redondilha maior
     (sete sílabas);
     Um quinteto com rimas  em redondilha menor (cinco sílabas);
     Un quinteto com rimas  em redondilha menor (cinco sílabas) e
     Um hepteto ou sétima com rimas  em redondilha maior
     (sete sílabas);
     Um monóstico o qual representa o Título do Extrato Em Pó Ético ou
     algo que o complemente, mas também, o mais importante, que o
     feche com chave de ouro.
Rimada:

     ABBAACcDd, EffGGE, HIHIHI, JKLLKLMm.
     Os conjunto maiúscula/minúscula (Cc, Dd e Mm), rimam por assonância
    (eco) ou aliteração dentro do mesmo verso.
    Assonância – verão, coração; canção, versão etc.
    Aliteraçãopasso, peço, pinço, punço. Ou bico bica, beco, pico
   
pouco, pecos. Caracteríza-se pela repetição de sons próximos.


Por exemplo, este poema abaixo é o resultado da extração que fiz de um bate-papo entre mim e a Poetisa Ethiel Avlis. O produto é o que se lê acima e espero que apreciem.
Qualquer dúvida, ponho-me à inteira disposição para dirimi-la.


Exemplo:


Extrato Pó Ético #001: FILADÉLFIA

Rimada: ABBAACcDd EFfGGE HIHIH JKLLKJMm


                    A      Amigos? Mas quem os tem?
                    B       Na alegria muitos se nos vêm;
                    B       na necessidade, poucos aparecem,[
                    A       nessas horas, muitos nos esquecem,
                    A       nos abominam e aborrecem,
                    Cc,   por nada ou quase nada
                    Dd    ou quase tudo, contudo...

                    E       Pois é nessas horas
                    Ff     quando a gente sente
                    G       quem é de verdade,
                    G       Não tem falsidade
                    E       agir sem demoras.

                    H      Pois amigo é o que é,
                    I       jamais o que está.
                    H      É sempre é o que é.
                    I       É falho o que está
                    H      Nem sempre é o que é.

                    J      O Amigo só pode ser
                    K     completamente feliz
                    L     se seu amigo também
                    L     A quem só quer o bem
                    K     Não se sentir infeliz
                    J     Deve se compadecer.
                    Mn Amigo é um bem que se tem.

                          Isto é ADELPHÓS PHILÍA!

Bem-vindos ao EXTRATO PÓ ÉTICO!


Alelos Esmeraldinus
Enviado por Alelos Esmeraldinus em 08/06/2013
Reeditado em 11/06/2013
Código do texto: T4331255
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Alelos Esmeraldinus
Gama - Distrito Federal - Brasil, 95 anos
3767 textos (172829 leituras)
206 áudios (13662 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/09/20 13:28)
Alelos Esmeraldinus