Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

E de cada amor

Serenatas de cada momento crer,
Somente somos por educados,
De corações de isso se der,
Como fosses fê-los amados.

E de cada amor se sutileza,
Se demonstrares de querer,
E de todos os seres a reza,
Em torno de se supuser.

De cada amor triunfante,
Essas vezes como ante,
De crivo e de seu arredio.

De cada amor um brio,
E derivares seres oriundos,
De amores maiores profundos.
Gumer Navarro
Enviado por Gumer Navarro em 09/08/2020
Código do texto: T7030709
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Gumer Navarro
São Paulo - São Paulo - Brasil, 37 anos
5316 textos (17295 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/09/20 00:59)
Gumer Navarro