Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


%%%%%%%%%%%%%%%%



“DESPACHO”

Oia minha zifia regateira,
Suncê ta percisada de um amô.
Pai Mirim vai fazê ziriguidera,
Vai ser macumba feita só de flor.

Suncê vai vê qui numa só semana
Cabuquim parece pra namorá.
Aí mecê pega amarra o sacana,
Cê se aperpara pra morde casá.

Pur acaso o casóri num dé certo,
Vozmecê vorte cá no pai Mirim,
Morde nóis oiá este trem de perto,

Quem sabe de cunversa cum padim
Pai Mirim põe paxão pra cuncertá.
E ocê fica casada mais poquim.



%%%%%%%%%%%%%%


Nossa poetisa Lilian fez belo dueto obrigado mestra.


20/09/2019 11:31 - Lilian Vargas


(O embusteiro)

"Esse Trovador é mesmo de lascar!
Um caboclo que sempre surpreende
Com suas facetas a escancarar
Tudo com seu jeito irreverente

Já sei que é namoradeiro
Quando saí a caça, escolhe o alvo
Sai de baixo! O danado é ligeiro
Não usa arma branca e nem espingarda
Faz da poesia sua artilharia pesada

Andou por este mundão inteiro
Quebrando regras e sendo zombeteiro
Reza a lenda, que ele já foi até pistoleiro
Acredite quem quiser!
Eu acho que ele não leva jeito

Já deu dicas de boa pescaria
Lá pelos rincões pantaneiros
Pegando peixe por atacado
Tem fama de caipira matreiro

Soube eu, que ele já foi até alcoviteiro
Fazendo cena para o galã de lá
O tal sujeito apaixonado e embotado
Que queria namorar a garota, mas não tinha jeito

Parece que também é tremendo seresteiro
Faz das suas rimas uma canção na madrugada
Desafia os colegas, adora uma cervejada
No amanhecer some, ninguém sabe seu paradeiro

Agora, chega ele com essa de macumbeiro
Fazendo graça e ganhando atenção
É de fato um poeta festeiro e fanfarrão
Uma pessoa bem bacana esse mineiro



Obrigado mestre Jacó valeu sempre me dá força.

29785-mini.jpg?v=1389972439
20/09/2019 09:52 - 
Jacó Filho


Conhecendo santos fortes,
Posso bem os comparar...
Nenhum deles tem seu porte,
Se arte for o altar...

E já que me fez de santo,
Nessa arte que domina,
Confesso o meu encanto,
E agradeço com rima..

Deus o guarde e proteja,
Que os anjos o inspirem.
Pra seus leitores pedirem,
Que muito mais, nos escreva...


Parabéns! E que Deus nos abençoe e nos ilumine... Sempre...
Para o texto: 
“DESPACHO” (T6749124)




Oi mestra Sonia, é uma honra receber uma interação da nossa sonetista exemplar, ficou ótima obrigado e meus parabéns.

6182-mini.jpg?v=1564155593

20/09/2019 21:48 - 
Sonia de Fátima Machado Silva

."Pai Mirim suncê tem certeza
Qui pricisu dessa prueza?

Mió ficá pra titia pai Mirim
Quero casá não sinhô
Cabuquim de hoje nem dá fulô
Vive no zap zap é ditintirim.

Vamo deixà essa ziriguindera
Mió fica só na paquera

Casá dá é muito trabaio
Cama e mesa cumigo não
Nem a ta de aliança na mão
Não sinhó nessa num caio.

Amô só faiz a gente sofrê
em um tanto de teretetê

Míó suzinha sem home
Pai Mirim num precisa isquentá
Vô ficá mermo sem casá
Vá que caso e cabuquim some?



Olá Trovador boa noite, como está? Hoje criei coragem e vim aqui no Recanto. Amei esse seu soneto. Adoro essas falas assim caipira e arrisquei uma interação, só que nada de soneto. Vai de outro jeito mesmo . kkk Espero que goste . Tenha uma linda noite. Até mais..
Para o texto: 
“DESPACHO” (T6749124)
Trovador das Alterosas
Enviado por Trovador das Alterosas em 19/09/2019
Reeditado em 20/09/2019
Código do texto: T6749124
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Trovador das Alterosas
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
2555 textos (109752 leituras)
23 áudios (2523 audições)
2 e-livros (546 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/19 08:11)
Trovador das Alterosas